A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
217 pág.
apostila

Pré-visualização | Página 1 de 35

STORYTELLING 
Prezado aluno, 
 
Esta apostila é a versão estática, em formato , da disciplina online e contém 
todas as informações necessárias a quem deseja fazer uma leitura mais linear do 
conteúdo. 
Os termos e as expressões destacadas de laranja são definidos ao final da 
apostila em um conjunto organizado de texto denominado NOTAS. Nele, você 
encontrará explicações detalhadas, exemplos, biografias ou comentários a 
respeito de cada item. 
Além disso, há três caixas de destaque ao longo do conteúdo. 
A caixa de atenção é usada para enfatizar questões importantes e implica um 
momento de pausa para reflexão. Trata-se de pequenos trechos evidenciados 
devido a seu valor em relação à temática principal em discussão. 
A galeria de vídeos, por sua vez, aponta as produções audiovisuais que você 
deve assistir no ambiente online aquelas que o ajudarão a refletir, de forma 
mais específica, sobre determinado conceito ou sobre algum tema abordado na 
disciplina. Se você quiser, poderá usar o QR Code para acessar essas produções 
audiovisuais, diretamente, a partir de seu dispositivo móvel. 
Por fim, na caixa de Aprenda mais, você encontrará indicações de materiais 
complementares tais como obras renomadas da área de estudo, pesquisas, 
artigos, etc. para enriquecer seu conhecimento. 
Aliados ao conteúdo da disciplina, todos esses elementos foram planejados e 
organizados para tornar a aula mais interativa e servem de apoio a seu 
aprendizado! 
Bons estudos! 
 
 
 
STORYTELLING 
 ....................................................................................................................................................... 0 
Apresentação ................................................................................................................................ 3 
Aula 1: O que é storytelling digital ................................................................................................ 4 
 ............................................................................................................................. 4 
 ................................................................................................................................ 4 
 ......................................................................................... 4 
 .................................................................... 5 
 ................................................................................... 7 
 ............................................................................................... 8 
 ................................................................... 9 
 ................................................................................................... 11 
 ............................................................................. 12 
 ......................................................................................................... 16 
 .......................................................................................................... 16 
 ....................................................................................................................... 17 
........................................................................................................................... 17 
 ......................................................................................................... 17 
Notas ........................................................................................................................................... 26 
Chaves de resposta ..................................................................................................................... 27 
 ..................................................................................................................................... 27 
 ....................................................................................................... 27 
Conteudista ......................................................................................Erro! Indicador não definido. 
 
 
 
STORYTELLING 
A internet deu origem às novas mídias, a câmera digital substituiu o filme 
analógico, a telefonia e a TV se tornaram digitais e as histórias contadas antes 
em diferentes mídias, de forma paralela, hoje se tornaram integradas, e só fazem 
sentido se tiverem o total engajamento do consumidor-espectador. 
Dessa forma, como usar a tecnologia para produzir conteúdo no século XXI? 
Estudaremos a criação de projetos integrados de audiovisual, que incluam 
extensões tecnológicas. A principal competência adquirida será a de se tornar 
designer de narrativas ou produtor transmídia, profissional que, de forma criativa, 
integra as diferentes mídias e promove, ao final, uma experiência imersiva. 
Sendo assim, esta disciplina tem como objetivos: 
1. Relatar quais foram as mudanças trazidas pela Internet na produção de 
conteúdo; 
2. Descrever técnicas de produção de conteúdo com storytelling digital; 
3. Apontar a relação simbiótica da tecnologia com a produção de conteúdo. 
 
 
 
STORYTELLING 
Nesta aula, faremos um passeio pela história do Storytelling e perceberemos 
como a evolução da tecnologia determinou a forma de contar histórias, desde a 
oralidade, passando pelo texto escrito, pelo cinema, pela TV até chegar aos 
computadores conectados, acompanhando e identificando as mudanças nos 
formatos. Conheceremos as estruturas necessárias para boas narrativas, que se 
repetem ao longo da história e criam semelhanças, apesar das plataformas. 
Por fim, reconheceremos as estruturas-chaves do storytelling digital, como elas 
se complementam e criam uma forma característica de narrativa no século XXI. 
Compreenderemos, ainda, o importante papel do fã e das estratégias de 
engajamento na geração do conteúdo hiperconectado da época que vivemos. 
 
Objetivo: 
1. Relacionar a evolução das tecnologias às mudanças de formatos das histórias; 
2. Explicar as estruturas-chave do storytelling digital. 
Contar histórias é um traço definidor do homem. Pinturas rupestres em cavernas 
mostram a capacidade narrativa humana. Gravuras francesas do século XIX 
exibem o hábito familiar e social de ouvir histórias. Hoje buscamos histórias que 
podem ser carregadas em tablets e celulares como suportes. 
 
Estudos comprovam que a ficção melhora nossas habilidades sociais e nossa 
inteligência emocional. 
Segundo o laboratório da Dinâmica da Linguagem, na França, o cérebro é 
empático por natureza, ou seja, quando uma pessoa lê um romance, ela se coloca 
no lugar dos personagens e são ativadas regiões do cérebro que seriam ativadas 
 
 
STORYTELLING 
se ela estivesse fazendo o mesmo que o personagem da história. Esta é uma 
habilidade essencialmente humana. 
John Green, autor do bestseller A culpa é da estrelas, adaptado para o cinema, 
definiu e
 
O quadro do pintor Lemonnier mostra o hábito de ler romances que, após se 
tornar comum na França no século XIX , foi trazido ao Brasil pela família real 
portuguesa. 
 
 
 
LEMONNIER, Anicet-Charles-Gabriel. In the Salon of Madame Geoffrin in 
1755. 1812. 1 original de arte, óleo sobre tela, 126cm x 195cm. Coleção 
particular. 
 
Contar uma boa história é uma poderosa ferramenta para se conseguir resultados 
impressionantes em todos os setores. Por isso, muito tem se falado sobre 
storytelling ou a arte de contar histórias na indústria da produção de conteúdo 
para TV, cinema, vídeo para a internet, publicações em geral, para a mídia 
impressa e digital e para o mundo corporativo como um todo. 
Sabendo da importância que o storytelling ganhou no mundo, é preciso 
compreender este universo mais profundamente. Na visão de Peter Guber, as 
 
 
STORYTELLING 
histórias que realmente movem e cativam as pessoas são

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.