A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
Aprendizagem Cooperativa

Pré-visualização|Página 1 de 6

Aprendi zagem Co o perativa ( POE15)
( Avaliação d a D iscipli na)
1.
A aprendizagem cooperativa vem ao encontro da necessidade de buscarmos uma nova proposta
met odológica e m relação ao ser humano e as perspectivas do mesmo como sujeit o da sua própri a hi stóri a.
Sobre a aprendi zagem cooperati va, anali se a seguinte asserção - razão:
Apesar de ser comum na aprendi zage m cooperati va que os al unos trabalhem juntos, esta e strutura se
dif erencia do trabalho em grupo.
PORQUE
N a aprendizagem cooperati va todos são parti cipativos pois está estrut urada de tal f orma que um aluno
não pode se aprovei tar dos esf orços de um colega.
Assinale a al ternati va que apresenta a resposta correta:
A)
A pri mei ra af i rmação é verdadeira, e a segunda af irmação é f al sa.
B)
As duas af i rmações são verdadei ras, porém não mantêm rel ação entre si.
C)
As duas af i rmações são verdadei ras e m antêm relação entre si.
D)
A pri mei ra af i rmação é fal sa, e a segunda af irmação é verdadeira.
3.
Temos que l embrar que o corpo é fundamental para uma aprendizagem signif icati va. Contudo, durante o
perí odo de al f abetização nos deparam os com al gumas dif iculdades rel acionadas com o desenvol vim ento
motor.
N este sent ido, sobre al gum as dessas dif iculdades, assi nale V para verdadei ro e F para f also nas
af irmações que seguem :
( ) Hi pertonia é o aumento do tônus m uscular, resul tando que o aluno aperte dem asiadamente o lápis
sobre o papel.
( ) Na hi potoni a exi ste uma redução da tensão m uscul ar apli cada para a pr odução dos sím bolos gráf i cos
que resul tam em uma escrita f al ha.
( ) Alguns i ndícios que podem revel ar def ici ênci as perceptivo - m otoras têm relação com a f alta de
coordenação em habi l idades m otoras, constante desatenção e f al ta de vont ade de parti cipar de jogos
diversos.
Assinale a al ternati va que apresenta a sequência correta de respostas:
A)
V V V.
B)
F - V - V.
C)
V V F.
D)
F F V.
4.
Di ante das urgências de novas posturas no f azer pedagógico, o prof essor deixa de t er o papel tradicional
de transm issor de conteúdos para se tornar um m ediador da aprendi zagem . N e ste sentido, Cam pos, Costa
e S antos ( 2007) , cit am ci nco atitudes cotidi anas do processo cooperati vo.
Sobre e stas ati tude s, assinale V para verdadei ro e F para f al so nas af irmações que seguem :
( ) Deix ar cl aro os objeti vos a serem ati ngidos por cada m embro e por todo o grupo.
( ) Valorizar a heterogenei dade na f orm ação dos grupos.
( ) Atuar como m ediador do saber, intervindo a fi m de proporcionar assi stênci a à tarefa e interações
cooperati vas.
( ) Avali ar as ati vi dades do grupo de modo que el es não saibam que estão sendo av ali ados ne m os
cri térios util izados.
Assinale a al ternati va que apresenta a sequência correta de respostas:
A)
V V F - V.
B)
F V V - V.

C)
V V V F.
D)
F F V - V.
5.
A apre ndizagem cooperativa ajuda os alunos a desenv olverem a capaci dade de t rabal harem com o grupo
no i ntui to de colaborar com o aprendi zado. Assim, os alunos desenvolve m habi li dades como organização,
planejamento, f l exi bil idade, liderança, além de aprender a ouvi r e a compartil har, envolvendo - se m uito
mai s com a classe.
L evando em consideração as habili dades desenvol vidas com a apli cação da aprendizagem cooperati va,
assi nale V para as sentenças verdadei ras e F para as sentenças f al sas:
( ) Os al unos participam ati vamente da equi pe.
( ) Expressam suas i deias aos outros m embros do grupo.
( ) Ouvem os out ros mem bros do grupo.
( ) Assum em responsabil idades perante os objetivos da equipe.
Assinale a al ternati va que apresenta a sequência correta de respostas:
A)
V F F F.
B)
V F V F.
C)
V V V V.
D)
F F F V.
6.
Ao consi derarmos a educação cooperativa como uma solução para transf ormar a educação tradi cional,
tem os que ter em m ente a promoção de seus princípios, como empati a, cooperação e solidariedade.
Sobre a empatia no desenvolvi mento da coope ração, anali se a seguinte f rase:
N a atuali dade, as práti cas pedagógicas que compreendem a em patia i nclusi va em suas ações ganham
im portância, poi s.. .
Assinale a al ternati va que completa corretamente a f rase:
A)
Os alunos que trabalham em grupos aprendem como cooperar e tirar provei to do trabal ho dos
demais, característi cas necessári as para f uncionários de sucesso no f uturo.
B)
É possível f ormar cidadãos m ais egoístas e i nsensívei s, ou seja, com m enos chances de desenvolv er
estados psíqui cos depressi vos.
C)
Di ante das rápidas transf ormações do m undo e da necessi dade de agili dade em todas as áreas, a
empati a seria negativa pois não há te mpo a perder.
D)
Existe a probabili dade de mai or aprendizagem, i ndo al ém do que é ensinado, e com condições m ais
f avoráveis para a produção do conheci mento.
7.
N a ref lexão sobre a transf orm ação da educação tradi cional, tem os que considerar a práxis transf ormadora
que envolve liberdade, verdade e justi ça.
N esse sentido, analise a segui nte asserção - razão:
Muitos educadores não pri vil egiam a aprendizagem cooperati va pois acreditam que i rá prom over a
indisci pli na, v isto que o sujei to é naturalmente indisci pli nado e rebelde. Contudo esse pensamento está
equi vocado.
PORQUE
O que a aprendizagem cooperativa quer propor é um a l iberdade que deve ser conquistada de f orma
consciente e que poderá ser m ant ida ao longo da vida do sujeito e suas atitudes no f uturo poderão vi r a
refl eti r essa transf ormação.
Assinale a al ternati va que apresenta a resposta correta:
A)
As duas af i rmações são verdadei ras e m antêm relação entre si.
B)
As duas af i rmações são verdadei ras, porém não mantêm rel ação entre si.
C)
A pri mei ra af i rmação é verdadeira, e a segunda af i rmação é f alsa.
D)
A pri mei ra af i rmação é fal sa, e a segunda af irmação é verdadeira.

8.
Apesar da cooperação não ser al go recente, atualmente te m se f al ado muit o a seu respei to no âm bito da
educação.
Sobre o objeti vo princi pal da proposta pedagógica cooperativa é correto af i rmar:
A)
A apresentação de conteúdos e a avali ação por m eio de um banco de perguntas norm alm ente
escritas, contendo que stionamentos sem muit a ref lex ão.
B)
Reali zar lutas de poder dentro dos grupos e cobrar dos i nt egrantes sem combinar nada previ amente.
C)
Dem onstrar que qualquer reuni ão de pessoas sociali zadas e competiti vas é o bastante para mel horar
a cooperação e a am izade.
D)
Criar oport unidades para o aprendizado e para a interação prazerosa. E, à parte, i ni ciar uma
verbal i zação sobre a contribui ção da escol a para nossas vi das.
9.
A estrat égia de aprendizagem cooperati va é uma m aneira de quebrar com os modelos tradicionais a f im
de ate nder as novas necessi dades dos educandos e da sociedade . L i tto ( 1984) aponta al guns aspectos
comportam entais que podem contribui r positi vamente ou neg ativam ente para o sucesso dos trabalhos
cooperati vos.
Sobre e sses aspectos comportamentais, assinale V para ve rdadeiro e F para f al so nas af irmações que
seguem:
( ) Um aspecto positiv o seria deixar claro os objeti vos e as tarefas a serem cum pri das dur ante a aula.
( ) Um aspecto positiv o seria deixar atritos resul tarem em conf ront ões e tensões.
( ) Um aspecto positiv o seria i ntei rar- se do que todos estão reali zando, assim como gerenciar re cursos
escassos.
( ) Um aspecto negativo seri a ser pirata d e ideias” , ser preguiçoso e util izar el ogios f al sos.
Assinale a al ternati va que apresenta a sequência correta de respostas:
A)
F - V V F
B)
V V F V.
C)
V F V V.
D)
V V V V.
10.
Durante os e studos, vi m os vári as concepções sobre aprendizagem.
Di to i sso, assinale a alte rnativ a que apresenta qual seria uma concepção v áli da para a aprendizagem :
A)
A aprendizagem é o processo pel o qual o i ndi víduo adqui re novos conhecimentos sem pre de m odo
passi vo.
B)
A aprendizagem é o processo pel o qual o i ndi víduo aprende novos conhecim entos a partir da
experiência e esses conheci m entos são im ediatamente esquecidos.
C)
A aprendizagem é uma modif i cação durável na capaci dade ou no comportamento do indiví duo na
qual ele adquire inf orm ações, habi li dade s e ati tudes.
D)
A aprendizagem é o processo de m udança adaptativa pel a qual os i ndi víduos passam result ante de
uma evolução f í sica.
11.
Eu aprendo\ tu aprende s\ el e aprende\ nós aprendemos\ vós aprendeis\ el es aprendem.
Mas o que seria aprender? Segundo o caderno de estudos, assi nale a alternativa que m elhor defi ne o
conceito de aprender:
A)
Aprender é acum ular conhecim entos t eóri cos em sala de aula e resol ver os problem as que não
exi jam i nte rpretação.
B)
Aprender é acum ular conhecim entos t eóri cos, seja por l ei tura ou em sal a de aula, para vestibulares
e concursos sem apli cação na v ida.
C)
Aprender é mai s que acumular conhecimentos; é assi mi lar signif icados e signif icantes, é perceber
sua própri a transformação e descobri r o mundo.
D)
Aprender é adquirir conheci mento sobre determi nado assunto, apli - lo e provavel mente esquecê- l o
im ediatam ent e.
12.
A capacidade de se organizar e m grupos desde os pri mórdios f oi fundamental para chegarm os no ní vel em
que estamos neste mome nto hi stórico. Os postulados de B arreto ( 1999, apud COS TA, 2009) i denti f icam
que " a vi vência grupal é como um tipo de aprendizagem que tem como especi f icidade ser plena de
senti do.