Buscar

SISTEMA DIGESTÓRIO RESUMÃO novo

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 3, do total de 16 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 6, do total de 16 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 9, do total de 16 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Prévia do material em texto

SISTEMA DIGESTÓRIO
O sistema digestório, anteriormente conhecido como sistema digestivo, é o responsável pela digestão dos alimentos ingeridos.
A digestão compreende na quebra das moléculas em partes menores para que o corpo consiga absorver os nutrientes necessários.
A duração do processo de digestão pode variar dependendo do alimento consumido e do metabolismo do organismo da pessoa.
 Órgãos do sistema digestório- O sistema digestório é formado pelo trato digestório e pelos órgãos anexos.
Sistemas do corpo humano: sistema digestório 
Órgãos anexos
Os órgãos anexos são:
· Glândulas salivares
· Dentes
· Língua
· Pâncreas
· Fígado
· Vesícula biliar,Apesar de participarem do processo de digestão, eles não atuam em contato direto com o alimento, mas fornecem hormônios, enzimas e secreções para auxiliar o processo.
Trato digestório
Formado pela boca, faringe, esôfago, estômago, intestino delgado e intestino grosso. Esses órgãos recebem o alimento, quebram em partes menores, absorvem nutrientes e eliminam as partes excedentes.
Boca
A boca é onde o processo de digestão começa, ela é a entrada do alimento no corpo. Nela, os alimentos são umidificados pela saliva, que é produzida pelas glândulas salivares.
Na boca também ocorre a mastigação, que é a primeira quebra do alimento de forma mecânica, os responsáveis por esse processo são os dentes e a língua.
Depois de mastigados, as moléculas de amido dos alimentos são quebradas ainda na boca, com a ação da enzima amilase salivar, também conhecida como ptialina.
Faringe
A faringe é um tubo musculoso de comunicação da boca com o esôfago. O início da faringe é chamado de istmo da garganta. Essa região compreende a parte posterior da língua, o palato mole e a epiglote.
O bolo alimentar só não entra nas vias respiratórias porque a epiglote se fecha e bloqueia a passagem para a laringe. Dessa forma o bolo alimentar é levado diretamente ao esôfago.
Esôfago
O esôfago é um tubo longo de, aproximadamente, 25 cm de comprimento. Através de movimentos peristálticos das suas paredes musculosas, isto é, as ondas de contrações involuntárias, o esôfago transporta o bolo alimentar até o estômago.
Estômago
O estômago tem o formato de uma bolsa e está localizado no abdômen. A principal função do estômago é fragmentar proteínas e lipídios.
A mastigação dos alimentos na boca, faz com que o cérebro envie um estímulo ao estômago para a produção de um líquido, chamado de suco gástrico, composto por ácido clorídrico, pepsina, lipase e renina.
O interior do estômago é revestido por uma mucosa gástrica recoberta por muco. Esse muco protege o estômago do suco gástrico, que é bastante corrosivo.
Um desequilíbrio no organismo pode causar a perda desse muco, quando isso acontece, ocorre a inflamação da mucosa, causando uma doença chamada gastrite. Se não for tratada, essa inflamação pode se transformar em feridas, causando a úlcera gástrica.
Quando o bolo alimentar entra em contato com o suco gástrico ele passa a se chamar quimo. A pepsina é a principal enzima do suco gástrico, ela é produzida pelo hormônio gastrina que, por sua vez, é sintetizado pelo próprio estômago.
O quimo é levado até o intestino delgado através de contrações do estômago que o empurram contra o piloro, a parte terminal do estômago que se comunica com a parte superior do intestino delgado.
Intestino delgado
É no intestino delgado que acontece a principal fase do processo digestivo: a absorção de nutrientes.
Ele é dividido em duodeno, jejuno e íleo. Após passar pelo piloro, o quimo chega até o duodeno e se mistura ao suco gastrointestinal, que irá auxiliar na transformação de proteínas em aminoácidos e, ao suco pancreático, que irá neutralizar a acidez do quimo.
Depois de misturado a esses sucos, os nutrientes são absorvidos e o quimo passa a se chamar quilo. O quilo, na verdade, são as substâncias que não puderam ser digeridas e, portanto, não servem para o organismo.
Intestino grosso
O intestino grosso é maior que o delgado e é responsável pela absorção da água e pela formação e eliminação das fezes através da decomposição e fermentação do quilo.
Ele é dividido em ceco, cólon e reto, possui 6,5 cm de diâmetro e 1,5 m de comprimento. O ceco é a parte que recebe o quilo vindo do intestino delgado e inicia a absorção de água.
O cólon recebe o bolo fecal e armazena até o momento da eliminação que ocorre através do reto.
Mapa mental – Sistema digestório 
Que tal usar um mapa mental para sintetizar todo o conteúdo do sistema digestório?
Preparamos um para que você possa estudar sem complicações.
 
O sistema digestório, também chamado de sistema digestivo, é o responsável por retirar os nutrientes dos alimentos ingeridos e transformá-los em moléculas menores.
Assim o corpo consegue absorver e usar esses nutrientes como fonte de energia para todas as funções do organismo.
Esse sistema é bastante complexo e é formado pelos órgãos do trato digestório e pelos órgãos acessórios.
Veja abaixo uma lista de exercícios para você testar seus conhecimentos sobre o sistema digestório.
Questões sobre sistema digestório
1) (FUVEST) A ingestão de alimentos gordurosos estimula a contração da vesícula biliar. A bile é liberada no:
a) estômago, contém enzimas que digerem lipídios.
b) estômago, contém ácidos que facilitam a digestão dos lipídios.
c) fígado, contém enzimas que facilitam a digestão dos lipídios.
d) duodeno, contém enzimas que digerem lipídios.
e) duodeno, contém ácidos que facilitam a digestão dos lipídios.
2) (UFU) O processo de digestão nos humanos é composto por duas fases: uma mecânica, na qual a correta mastigação é essencial, e outra enzimática, controlada por hormônios da digestão. Sobre estes hormônios, analise as afirmações a seguir e marque a alternativa correta.
a) As gorduras parcialmente digeridas, presentes no quimo, estimulam as células do duodeno a liberarem o hormônio secretina, que provoca a eliminação da bile pela vesícula biliar.
b) A acidez do quimo, que chega ao duodeno, estimula certas células da parede intestinal a liberar, especialmente, o hormônio colecistoquinina, que agirá no pâncreas, estimulando-o a liberar, principalmente, bicarbonato de sódio.
c) A secreção do suco gástrico é estimulada por impulsos nervosos e pelo hormônio gastrina, produzido no estômago.
d) A digestão de proteínas inicia-se no estômago e completa-se no duodeno por ação de três proteases secretadas pelo pâncreas: enteroquinase, pepsina e procarboxipeptidase.
3) (Fuvest) Qual cirurgia comprometeria mais a função do sistema digestório e por quê: a remoção dos vinte e cinco centímetros iniciais do intestino delgado (duodeno) ou a remoção de igual porção do início do intestino grosso?
a) A remoção do duodeno seria mais drástica, pois nele ocorre a maior parte da digestão intestinal.
b) A remoção do duodeno seria mais drástica, pois nele ocorre a absorção de toda a água de que o organismo necessita para sobreviver.
c) A remoção do intestino grosso seria mais drástica, pois nele ocorre a maior parte da absorção dos produtos do processo digestório.
d) A remoção do intestino grosso seria mais drástica, pois nele ocorre a absorção de toda a água de que o organismo necessita para sobreviver.
e) As duas remoções seriam igualmente drásticas, pois tanto no duodeno quanto no intestino grosso ocorrem digestão e absorção de nutrientes e de água.
4) (FUMEC) Após a digestão das proteínas no sistema digestivo humano, os aminoácidos passam para a corrente sanguínea. É CORRETO afirmar que, no organismo, a absorção de aminoácidos ocorre no:
a) estômago
b) fígado
c) intestino delgado
d) intestino grosso
5) (UEL) Ao ingerir um lanche composto de pão e carne:
a) a digestão química do pão inicia-se na boca, com a ação da tripsina, e a da carne inicia-se do duodeno, onde as proteínas são quebradas com a ação da bile.
b) a digestão química do pão inicia-se no estômago, onde o amido é quebrado pela ação do suco gástrico, e a da carne inicia-se na boca, com a ação pepsina.
c) a digestão química do pão inicia-se na boca, com a ação da pepsina, e ada carne inicia-se no intestino delgado, com a ação da bile, que é produzida no fígado.
d) a digestão química do pão e da carne inicia-se no estômago pela ação da bile e da ptialina, respectivamente; a enzima pepsina, no duodeno, completa a digestão.
e) a digestão química do pão inicia-se na boca, com a ação da ptialina, e a da carne inicia-se no estômago, onde as proteínas são quebradas pela ação do suco gástrico.
6) (UNIFOR) Uma pessoa fez uma refeição da qual constavam as substâncias I, II e III. Durante a digestão ocorreram os seguintes processos: na boca iniciou-se a digestão de II; no estômago iniciou-se a digestão de I e a de II foi interrompida; no duodeno ocorreu digestão das três substâncias. Com base nesses dados, é possível afirmar corretamente que I, II e III são, respectivamente:
a) carboidrato, proteína e lipídio.
b) proteína, carboidrato e lipídio.
c) lipídio, carboidrato e proteína.
d) carboidrato, lipídio e proteína.
e) proteína, lipídio e carboidrato.
7) (PUC-RJ) O fígado é uma glândula encontrada nos mamíferos com diversas características e funções. Assinale a opção na qual NÃO encontramos uma função ou característica deste órgão.
a) É responsável pela detoxificação do sangue.
b) É um dos responsáveis pela destruição de hemácias velhas.
c) Produz bile, que auxilia na emulsão das gorduras.
d) Está associada à reserva de glicogênio.
e) Secreta o hormônio insulina.
8) (UFRGS) Assinale a afirmação correta a respeito do sistema digestório dos vertebrados.
a) Nas aves, o papo, segmento do esôfago, é responsável pela trituração do alimento.
b) Nos humanos, a digestão da celulose auxilia a eliminação do bolo fecal.
c) Nos humanos, o piloro é a válvula que separa o estômago do intestino.
d) Nos ruminantes, o intestino delgado é dividido em quatro compartimentos que otimizam a absorção de celulose.
e) Nos humanos, o fígado é o órgão responsável pela produção da bile, que atua na digestão de carboidratos.
9) (Mackenzie)
I. Início da digestão de amido
II. Emulsionamento de lipídeos
III. Absorção de água
IV. Término da digestão de proteínas
Os eventos da digestão citados acima ocorrem, respectivamente:
a) no esôfago, no fígado, no intestino grosso e no intestino delgado.
b) na boca, no pâncreas, no duodeno e no estômago.
c) na boca, no duodeno, no intestino grosso e no jejuno-íleo.
d) no estômago, no fígado, no pâncreas e no intestino grosso.
10) O intestino grosso é um órgão de aproximadamente 50 cm de comprimento e 7 cm de diâmetro, podendo ser dividido em: ceco, colo e reto. Esse órgão está relacionado com:
a) a digestão mecânica do alimento.
b) a digestão de gorduras.
c) a digestão de proteínas.
d) a absorção de água.
e) a quebra de amido.
Gabarito
1- e
2- c
3- a
4- c
5- e
6- b
7- e
8- c
9- c
10- d
 
 
Resumão de anatomia: Sistema digestório ou digestivo
O sistema digestório degrada o alimento em moléculas pequenas e absorvíveis pelas células.
Assim, essas moléculas são usadas no desenvolvimento e na manutenção do organismo e nas suas necessidades energéticas.
E para isso, o sistema digestório é dividido anatomicamente em duas partes.
A primeira, chamada de Supra-diafragmática, é constituída pela cavidade oral, pela faringe e pelo esôfago.
E a segunda parte, chamada de Infra-diafragmática, que é constituída pelo estômago, intestino delgado, intestino grosso.
Além dos anexos, constituídos pelas glândulas salivares, fígado e pâncreas.
Sistema digestório: Cavidade bucal ou oral
A cavidade bucal é delimitada anteriormente pelos lábios superior e inferior e posteriormente pelo istmo das fauces.
Já superiormente é delimitado pelo palato* duro (ósseo, o céu da boca) e palato mole (muscular, úvula e as 2 pregas).
E lateralmente é delimitado pelo arco palatoglosso (aquele que está mais anterior) e arco palatofaríngico (aquele que está mais posterior).
* O palato separa a cavidade nasal da cavidade bucal.
O istmo da fauce é delimitado superiormente pela úvula, lateralmente pelo arco palato glosso e arco palato faríngeo e inferiormente pela raiz da língua.
É uma região estreitada que liga a cavidade bucal com a parte bucal da faringe.
Divisão funcional
Funcionalmente a cavidade bucal é dividida em duas partes, porções ou regiões:
A primeira é o vestíbulo oral, que é o espaço entre os lábios e os dentes.
Assim, o alimento é cortado pelos dentes anteriores e é conduzido pelo vestíbulo em direção aos dentes posteriores para que ocorra a mastigação.
E a outra parte é a cavidade bucal propriamente dita.
Que começa após os dentes, onde está a língua e as glândulas de secreção de saliva.
Língua
A língua é um órgão muscular que anatomicamente está dividida em ápice da língua, dorso da língua, raiz da língua e ventre da língua.
Está envolvida na proteção, mastigação, fonação e gustação.
Além disso, podemos dividir a língua em duas regiões, a primeira é chamada de região oral da língua ou anterior.
E a segunda é chamada de parte faríngica da língua ou posterior.
Dividindo essas duas regiões encontramos mais duas estruturas, o sulco terminal (direito e esquerdo) e forame cego.
Na região anterior encontramos o ápice e o dorso da língua e sobre eles encontramos as papilas gustativas (fungiforme, filiforme, valadas ou circunvaladas e foliada).
Na região posterior encontramos a raiz da língua.
Sobre ela encontramos as tonsilas linguares que formam anticorpos para proteger a cavidade oral.
Entre os arcos (palatoglosso e palato faríngeco) há um espaço, a fossa tonsilar, ocupada pela tonsila palatina (a amídala).
Glândulas salivares
São divididas em dois tipos: glândulas salivares maiores (glândula parótida, glândula sub-mandibular e glândula sub-lingual) e glândulas salivares menores (glândulas vestibulares e glândulas palatinas).
As glândulas maiores e menores, produzem a saliva, que é importantíssima pois atua na formação do bolo alimentar.
Além de atuar na proteção da cavidade oral e formar enzimas para a digestão do amido.
Sistema digestório: Orofaringe e parte laringica da faringe
Essas duas regiões fazem parte da faringe.
A orofaringe está posterior ao istmo da fauce e recebe o bolo alimentar da cavidade oral.
Por meio de contrações musculares conduz o bolo alimentar em direção a parte laringica da faringe.
Esta por sua vez  se contrai e conduz o bolo alimentar para o esôfago.
Tanto o bolo alimentar quanto o ar que respiramos se encontram nessas duas regiões.
Por isso, na deglutição o palato mole é elevado, bloqueando a parte nasal da faringe.
E a cavidade epiglótica fecha o ádito da laringe, evitando que o alimento vá para o canal respiratório.
Assim, a parte laríngica da faringe se comunica anteriormente com o ádito da laringe e posteriormente é continuada pelo esôfago.
Sistema digestório: Esôfago
É um tubo muscular no qual sua região superior é formada por músculo esquelético e a parte inferior é constituída por músculo liso.
É dividido em três porções: cervical, torácica (a maior parte do esôfago) e abdominal.
No tórax o esôfago se situa ventralmente á coluna vertebral e dorsalmente á traqueia estando próxima a aorta.
Para atingir o abdômen o esôfago atravessa o músculo diafragma e quase imediatamente desemboca no estômago.
Nesta região ocorre os movimentos peristálticos (contrações da musculatura da sua parede) conduzindo o bolo alimentar para o estômago.
Sistema digestório: Estômago
O estômago apresenta as seguintes estruturas anatômicas:
Região córdia, que é a junção com o esôfago.
E tem a função de ser um esfincter  fisiológico.
O fundo do estômago, onde encontramos ar, já que é uma bolha gástrica.
A curvatura maior, onde encontramos vasos sanguíneos.
E também se prende uma membrana, o peritônio.
A curvatura menor onde há vasos sanguíneos e o peritônio.
O corpo, que é o local onde ocorre o processo químico (digestão) e formação do quimo.
E o piloro, que é continuado pelo duodeno, é o verdadeiro esfincter (tem músculo e se contrai).
Por isso, se abre apenas quando vomitamos.
Assim, a função do estômago é transformar o bolo alimentar em quimo (líquido).
Lembrando que no quimo ainda não ocorreua quebra de proteínas.
Sistema digestório: Intestino Delgado
É dividido em três regiões: Duodeno, jejuno e íleo.
No duodeno chega a quimo (líquido ácido) e para transformar em um líquido básico ocorre a secreção de dois ductos trazendo substâncias chamadas de secreção pancreática (produzida no pâncreas e conduzida pelos ductos pancreáticos) e a bile (produzida pelo fígado e conduzida pelo ducto colédoco).
Com isso o duodeno é responsável pelo término da digestão.
Já o Jejuno termina no óstimo íleo-cecal.
Os quais estão presos pelo mesentério.
Assim, Jejuno e íleo estão relacionadas com a absorção.
Dessa forma, a maior parte do que absorvemos ocorre principalmente no jejuno já que o íleo absorve água.
Sistema digestório: Intestino Grosso
É dividido em cinco regiões: Colo ascendente, colo transverso, colo descendente e colo sigmoide (tem a função de absorver água e formar o bolo fecal) e reto (saída do bolo fecal).
Estruturas anatômicas do intestino grosso
Ceco: Neste local começa o intestino grosso e também encontramos o apêndice vermiforme (que não tem uma função específica, apenas contém anticorpos).
Haustro: forma as curvas dos colos.
Tênia: São fibras musculares.
Sistema digestório: Fígado
É um órgão maciço formado por quatro lobos (lobo direito, lobo esquerdo, lobo caudado e lobo quadrado), é sustentado por quatro ligamentos chamados de triangular, coronário, falciforme e ligamento redondo.
Também encontramos a vesícula biliar, responsável pelo armazenamento da bile.
E uma região chamada de hilo hepático (entre os lobos quadrado e caudado) que é constituído pelas seguintes estruturas: veia porta, artéria hepática comum, ducto coledoco (é formado pela junção dos ductos hepáticos com o ducto cístico).
O fígado é responsável pela metabolização dos nutrientes também forma o glicogênio e bile.
 Pâncreas
É um órgão maciço dividido em três regiões: cabeça do pâncreas, corpo do pâncreas e encauda do pâncreas.
Tem a função de produzir suco pancreático e insulina.
Anatomicamente está antes do peritônio.

Continue navegando

Outros materiais