A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
37 pág.
relatorio_erros_acertos_home_office

Pré-visualização | Página 1 de 7

Os principais insights sobre a experiência de 
colaboradores e líderes no home o�ce e como 
as empresas podem aprender com eles
Os erros e acertos
do home office
durante a pandemia
RELATÓRIO DA PESQUISA
Sumário
Não há dúvidas de que vivemos tempos únicos e as formas como vivemos e 
trabalhamos estão mudando drasticamente. Desde março de 2020, as empresas 
de diferentes segmentos, tamanhos e partes do mundo tiveram que adotar o 
modelo de trabalho remoto para boa parte de seus colaboradores. A transição 
entre o trabalho presencial e o home office fez com que surgissem diversos 
desafios tanto para as organizações quanto para as pessoas.
Para entender melhor esses desafios e buscar insights relevantes, a SocialBase e 
o RH Pra Você se uniram na pesquisa "Os erros e acertos do home office 
durante a pandemia". Ela teve como objetivo buscar novos olhares sobre o 
home office a partir do ponto de vista dos respondentes de diversos estados e 
níveis hierárquicos. As quase 500 pessoas que responderam nossa pesquisa 
ajudaram a juntar os dados que foram base para este relatório.
Nossa intenção não é trazer fatos prontos sobre como será o futuro daqui para 
frente, mas, sim, revelar um panorama complexo e apontar insights baseados 
em dados que ajudem as empresas a melhorar a experiência de seus 
colaboradores neste momento de insegurança.
Esperamos que este relatório possa te guiar na melhoria do modelo de trabalho 
remoto na sua empresa e que essas mudanças positivas impactem não só o 
bem-estar e produtividade dos colaboradores, mas também os resultados do 
negócio, de forma geral.
Boa leitura!
Equipe SocialBase e RH Pra Você
Introdução
RELATÓRIO DA PESQUISA | Os erros e acertos do home office durante a pandemia 1
A pesquisa “Os erros e acertos do home office durante a pandemia” foi 
realizada através de um formulário online divulgado entre os meses de julho e 
agosto de 2020.
Para a coleta de dados, o formulário foi enviado por e-mail para profissionais 
cadastrados na base de contatos da SocialBase e do portal RH Pra Você, 
divulgado via aplicativo de mensageria instantânea e publicado nas páginas das 
empresas nas redes sociais. 
O questionário, composto por 35 questões, contou com 475 respondentes em 
todas as cinco regiões do Brasil, que atuam em empresas de diversos portes, e 
que compartilharam informações demográficas e percepções pessoais sobre 
como o tema é abordado em suas empresas. 
SocialBase e o RH Pra Você, como pela realização da pesquisa, em sua 
metodologia de pesquisa não divulgam as informações pessoais de 
identificação dos respondentes, seguindo normas de privacidade e respeitando 
políticas e boas práticas de compartilhamento de informações na realização de 
estudos e pesquisas. 
Metodologia
RELATÓRIO DA PESQUISA | Os erros e acertos do home office durante a pandemia 2
Como colaboradores de empresas de diversos segmentos e portes estão passando 
pela experiência do home office durante a pandemia. O perfil dos entrevistados foi 
bastante diverso, contemplando pontos de vista variados.
Perfil do
Entrevistado
RELATÓRIO DA PESQUISA | Os erros e acertos do home office durante a pandemia 3
Qual é a sua idade?
A maior parte dos respondentes está entre os 25 e 39 anos, com 53,38%. A outra parte 
se divide entre 40 e 59 anos (33,12%), entre 18 e 24 anos (7,59%) e 60 anos ou mais 
(5,91%).
Qual é o seu gênero?
Em relação ao gênero dos 
respondentes, 66,9% 
responderam como feminino, 
32,5% como masculino e 0,6% 
preferiram não dizer.
18 a 24 anos 24 a 39 anos 40 a 59 anos
7,59%
53,38%
33,12%
5,91%
60 anos ou mais
66,9%
Feminino
0,6% - Prefiro não dizer
32,5%
Masculino
RELATÓRIO DA PESQUISA | Os erros e acertos do home office durante a pandemia
PERFIL DO ENTREVISTADO
4
Em que região do 
Brasil você vive?
Em relação à região dos 
respondentes, tivemos 
desproporcionalmente mais 
respondentes da região Sudeste, 
com 68,4%.
Qual é o porte da empresa para a qual você trabalha?
Empresas com mais de mil colaboradores foram as mais comuns entre as 
contempladas, com 36,71%. Em seguida vieram as empresas com 100 a 499 
colaboradores (22,15%), de 20 a 99 colaboradores (17,93%), menos de 20 colaboradores 
(14,98%) e de 500 a 1000 colaboradores (8,23%).
68,4%
Sudeste
16,9%
Sul
6,3% - Centro-Oeste
6,1% - Nordeste
2,3% - Norte
De 100 a 
499 colab.
22,15%
De 20 a
99 colab.
17,93%
De 500 a
1000 colab.
8,23%
Mais de 
1000 colab.
36,71%
Menos de
20 colab.
14,98%
RELATÓRIO DA PESQUISA | Os erros e acertos do home office durante a pandemia 5
PERFIL DO ENTREVISTADO
Qual é o nível do seu cargo?
O nível do cargo dos respondentes é dividido em operacional (52,53%), tático (21,10%) e 
estratégico (26,37%). Para futuras comparações, vamos considerar os colaboradores 
(operacional) e os líderes (tático e estratégico).
Qual é o setor em que você trabalha?
Em questão de setores dos respondentes, os três mais presentes na pesquisa foram o 
de Recursos Humanos (35,7%), Administrativo/Financeiro (17,7%) e TI/Desenvolvimento 
(14,2%). Entre as áreas citadas em Outros estão a área jurídica, gestão de projetos, 
engenharia e estatística.
35,7%
Recursos
Humanos
17,7%
Admin/
Financeiro
14,2%
TI e
Dev.
9,3%
Marketing
8,6%
Comunicação
Interna
8,0% - Outros
4,7% - Comercial
e Vendas 1,8% - Compras e
Logística
Estratégico (CEO, diretor,
coordenador ou consultor)
Operacional (analista,
assistente ou estagiário)
Tático (gerente ou líder)
52,53%
21,10%
26,37%
RELATÓRIO DA PESQUISA | Os erros e acertos do home office durante a pandemia 6
PERFIL DO ENTREVISTADO
Qual é o segmento da sua empresa?
Em questão de segmento das empresas contempladas, os cinco mais presentes na 
pesquisa foram o de Tecnologia (17,30%), Serviços (12,03%), Financeiro (10,97%), Indústria 
(9,70%) e Educação (7,59%).
Agronegócio 1,48%
4,64%
7,38%
7,59%
1,27%
10,97%
2,95%
1,48%
9,70%
1,90%
1,69%
2,32%
5,27%
0,84%
5,27%
12,03%
1,27%
17,30%
4,43%
0,21%
Comunicação e Marketing
Consultoria e Treinamento
Educação
Energia
Financeiro e Seguros
Governo
Hotelaria e Turismo
Indústria
Jurídico e Advocacia
Logística e Transporte
Meio Ambiente
ONGs e Instituições Sociais
Outro
Restaurante e Bar
Saúde
Serviços
Sindicatos e Associações
Tecnologia
Varejo
RELATÓRIO DA PESQUISA | Os erros e acertos do home office durante a pandemia 7
PERFIL DO ENTREVISTADO
Perfil do
Home Office
Para entendermos a experiência dos colaboradores e líderes, vamos investigar 
quais são as condições físicas, psicológicas e econômicas deste modelo de 
trabalho para os respondentes, considerando principalmente as mudanças do 
modelo tradicional para o remoto.
RELATÓRIO DA PESQUISA | Os erros e acertos do home office durante a pandemia 8
Você já fazia home office antes da pandemia do novo 
coronavírus? Com qual frequência?
Com essa questão, buscamos entender qual era a familiaridade dos respondentes da 
pesquisa com o modelo de trabalho remoto e quão adeptas ao home office são as 
empresas contempladas.
Para 70% dos respondentes, o modelo 
de home office é uma novidade. Isso 
mostra como boa parte das empresas 
adotaram a modalidade sem 
experiência prévia.
Entre os respondentes com alguma 
experiência, 12,45% faziam home office 
poucas vezes por semana, 11,81% uma 
ou duas vezes por semana e 2,53% três 
ou quatro vezes por semana.
Quando falamos que a pandemia da COVID-19 acelerou diversas mudanças nas 
organizações e fez da Transformação Digital uma realidade absolutamente 
presente no cotidiano corporativo (em vez de um conceito futurista - como muitos a 
tratavam até então), muita gente tende a relativizar esse impacto e dizer que antes 
da crise do novo coronavírus muitas coisas já estavam em plena transformação. 
Só que os dados mostram claramente que até março de 2020 a grande maioria das 
empresas não levava o home office a sério e o encarava como um 'benefício', uma 
ferramenta de atração ou engajamento e nada mais. Esse dado por

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.