Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
42 pág.
6 Sistema Respiratório

Pré-visualização | Página 1 de 1

Sistema Respiratório 
PROF. TATIANE TEIXERA 
Sistema Respiratório 
• É constituído por um conjunto de órgãos 
com capacidade de realizar trocas gasosas 
(hematose) através da absorção de O2 e 
eliminação de CO2. 
• Também é responsável pela capacidade 
de captar odores (olfação) através do nariz 
e transmitir sons claros, evidentes e 
perceptíveis (fonação) através da laringe. 
 
 
Sistema 
Respiratório 
Sistema Respiratório 
Divisão 
 
 1. PORÇÃO DE CONDUÇÃO 
- Órgãos tubulares que 
conduzem o ar inspirado até 
os pulmões. 
2. PORÇÃO DE RESPIRAÇÃO 
- Órgão responsável pela 
HEMATOSE 
Divisão do 
Sistema 
Respiratório 
 
Nariz 
• Órgão que representa a parte inicial do Sistema Respiratório. 
- É composto: 
 
 
 
 
Nariz externo 
Cavidade 
nasal 
Seios 
paranasais 
Nariz externo 
• É visível externamente no plano mediano da face. 
• Possui forma triangular; 
- Porção superior: raiz 
 
- Porção inferior: base 
 
 
- Comunica o meio externo com a cavidade nasal 
 
Narinas (separadas 
internamente pelo 
septo nasal 
 
Nariz externo 
2. Cavidade Nasal 
• É um tubo contínuo, separado pelo septo nasal em duas partes: fossas 
nasais/ conchas nasais. 
 
• No interior das fossas nasais encontram-se pelos e muco (retém 
substâncias, mantem a umidade e aquecem o ar). 
 
 
• Comunica-se com o meio externo através das 
narinas e com a nasofaringe, através das coanas. 
Cavidade 
Nasal 
Cavidade Nasal 
Paredes da cavidade nasal 
• Limite anterior → narinas 
• Teto (superior) → lâmina crivosa do osso 
etmóide. 
• Assoalho (inferior) → palatos (duro e mole). 
• Septo nasal (medial) → ossos e cartilagens. 
• Conchas nasais/ meatos. 
 
 
Cavidade 
Nasal 
Seios 
paranasais 
• São espaços aéreos localizados nos ossos 
frontal e etmoide (anterior) e esfenoide e 
maxilar (posterior). 
• Auxiliam no aquecimento do ar. 
 • Comunicam-se com a cavidade 
nasal através dos forames que se 
abrem nos meatos nasais. 
Seios 
paranasais 
Faringe 
• Integra tanto o sistema 
respiratório (conduz o ar para a 
laringe) como o digestório 
(repassa os alimentos para o 
esôfago). 
 
Laringe 
Laringe 
Faringe 
Faringe 
Laringe 
• Se comunica com a cavidade nasal através das 
coanas; 
Nasofaringe 
• Se comunica com a cavidade bucal- istmo da 
garganta/ istmo das fauces. 
Orofaringe 
• Porção anterior: laringe 
• Porção posterior: continuada pelo esôfago. 
Laringofaringe 
Faringe 
Laringe 
• Órgão tubular, musculo-cartilaginoso, situado no plano mediano e 
anterior ao pescoço que, além da via aerífera é órgão da fonação, ou 
seja, da produção do som. 
 • Une a parte inferior da faringe (laringofaringe) à 
Traquéia. 
• Apresenta cerca de 5 cm nos adultos. 
Laringe 
Laringe/ Epiglote 
• É uma lâmina cartilaginosa localizada 
no início da laringe, posterior a língua. 
• Fecha a comunicação da faringe com 
a glote durante a deglutição. 
• Evita a comunicação entre os aparelhos 
respiratório e digestivo. 
 
Laringe/ Epiglote 
 
Deglutição: a laringe se eleva, enquanto que a epiglote se abaixa, 
fechando a entrada da laringe e permitindo a passagem do alimento para 
o esôfago 
 
Laringe/ Epiglote 
 
Respiração: a epiglote se eleva, 
mantendo a laringe aberta e 
permitindo a passagem do ar. 
 
Laringe 
Cavidades da laringe 
 
 
 
 
1. Parte superior: prega vestibular 
 
2. Parte inferior: prega vocal 
- Abaixo da prega vocal: cavidade 
infraglótica. 
- Ventrículo da laringe (invaginação) 
 
 
 glote 
Laringe 
Pregas Vocais 
• São formadas por ligamentos e tecido 
musculoso da laringe, responsável por 
distender e relaxar as duas pregas de fibras 
elásticas pelas quais é formada. 
• O expulsar do ar por elas as fazem vibrar 
produzindo o som pelo qual nos comunicamos 
• O espaço entre as duas pregas é denominado 
de rima glótica. 
Laringe 
Pregas Vocais 
Traqueia 
Traqueia 
• Estrutura cilindroide constituída por anéis cartilaginosos 
incompletos em forma de C, sobrepostos e ligados entre si pelos 
ligamentos anulares. 
• Na região posterior da traqueia a parede é formada por uma 
musculatura lisa (músculo traqueal). 
• As cartilagens da traqueia proporcionam-lhe rigidez suficiente para 
impedi-la de entrar em colapso, e ao mesmo tempo garante a 
mobilidade necessária ao movimento respiratório. 
 
Brônquios 
• São ramificações da traqueia que divide-se em dois brônquios principais 
ou brônquios de primeira ordem (semelhantes a traqueia). 
• Cada brônquio principal dá origem a pequenos brônquios lobares ou de 
segunda ordem (dois no pulmão esquerdo e três no pulmão direito). 
• Os brônquios lobares dividem-se em brônquios segmentares ou terceira 
ordem. 
• Os brônquios segmentares sofrem ainda sucessivas divisões terminando 
nos alvéolos pulmonares. Formando assim a Árvore Brônquica. 
 
Traqueia 
Bronquíolos alvéolos 
Bronquios de 
Primeira Ordem 
Bronquios de 
Primeira Ordem 
Bronquios de 
Segunda Ordem 
Bronquios de 
Segunda Ordem 
Bronquios de 
Terceira Ordem 
Bronquios de 
Terceira Ordem 
Brônquios e bronquíolos 
Alvéolos Pulmonares 
• Unidades funcionais: onde acontecem as trocas gasosas de O2 e CO2. 
• Devido às paredes serem delgadas e com uma grande área de superfície, 
promovendo a difusão. 
• As paredes alveolares contêm fibras elásticas revestidas por células 
epiteliais, os pneumócitos. Os pneumócitos podem ser do tipo I e II. 
• Pneumócitos tipo I: facilitam as trocas gasosas dos alvéolos com a rede 
de capilares. 
• Pneumócitos tipo II: responsáveis por excretar o surfactante pulmonar 
(redução da tensão superficial). 
Alveolos Pulmonares 
Pulmão 
• É um órgão duplo, localizado no 
interior do tórax e protegido pela 
caixa torácica. 
• Entre os pulmões há o 
mediastino, espaço ocupado pelo 
coração, grandes vasos da base, 
esôfago, traqueia e brônquios 
principais. 
 
Pulmão 
• Cada pulmão esta envolvido em um saco 
seroso completamente fechado, a Pleura. 
• Pleura Pulmonar: reveste a superfície do 
pulmão (interna) 
• Pleura Parietal: recobre a face interna da 
parede torácica (externa) 
• Cavidade Pleural: espaço entre as Pleuras 
que contem um líquido (permite o 
deslizamento suave das pleuras/pulmões). 
Pulmão 
• Os pulmões possuem forma cônica, 
apresentando: 
- Um ápice superior 
- Duas faces: costal (voltada para as 
costelas) e medial (voltada para o 
mediastino) 
- Uma base inferior que descansa sobre 
o diafragma (musculo que separa 
internamente o tórax do abdome). 
Diafragma 
Pulmão 
 Lobos 
• Direito: Superior, Médio e Inferior 
• Esquerdo: Superior e Inferior 
Pulmão 
 Fissuras 
• Fissura Oblíqua e Horizontal 
Pulmão 
• Na face medial os 
pulmões apresentam o 
hilo do pulmão, fenda 
responsável pela 
entrada e saída dos 
brônquios, vasos e 
nervos pulmonares, 
constituindo a raiz do 
pulmão 
 
 Respire ideias, inspire pessoas. 
Boa noite, obrigada!