A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
Anticorpos e Antígenos

Pré-visualização | Página 1 de 1

Anticorpos e Antígenos 1
Anticorpos e Antígenos
Autor A Alana Zottis
CLASS MODE LIVRO TEXTO
OK
TOPIC Capítulo 5 Abbas
O que são anticorpos?
Eles são proteínas circulantes, com alta diversidade e específicos para 
determinados antígenos, que reconhecem moléculas estranhas (antígenos).
São os mediadores da imunidade humoral.
Em que fase da resposta imune os anticorpos atuam e quais as suas 
funções?
Na fase efetora.
Eles opsonizam MO, neutralizam MO e suas toxinas, ativam a via clássica 
do sistema complemento, ativam mastócitos IgE e fazem a 
citotoxicidade mediada por células IgG.
Descreva a estrutura de um anticorpo:
Eles tem duas cadeias leves e duas cadeias pesadas; uma região variável e 
uma região constante.
A região variável (Fab) é composta pelas duas cadeias leves (externas) e 
parte das duas cadeias pesadas (internas). É o local de ligação do 
antígeno. As cadeias leves e pesadas são formadas cada uma por 3 
regiões de determinação de complementaridade CDR, onde o antígeno 
se liga, e que por isso são altamente variáveis - a CDR3 é a mais variável 
delas.
A região constante (Fc) é a fração efetora do anticorpo, formada pela 
parte restante das duas cadeias pesadas. É onde se liga a C1q, da via 
clássica do sistema complemento. Ela não varia de acordo com os 
antígenos, sendo igual para todos os anticorpos de uma mesma classe (só 
modifica-se na troca de classe).
Por que existem 'classes' de anticorpos?
Anticorpos e Antígenos 2
Pois cada classe tem uma função efetora distinta (diferem em suas 
porções Fc).
Descreva a 'evolução' de células B desde a medula e que Ig é produzido 
em cada fase:
 Células B são geradas a partir de um precursor hematopoético na 
medula óssea, formando a célula pré-B, que possui receptor pré-B e 
cadeia pesada u no citoplasma.
 Célula pré-B evolui para célula B imatura, que expressa IgM de 
membrana, ainda na medula.
 Célula B imatura sai da medula e se transforma numa célula B madura, 
que expressa IgM e IgD de membrana.
 Ao entrar em contato com antígeno num órgão linfoide secundário, 
célula B madura se torna uma célula B ativada, processo no qual 
ocorre a diferenciação das células B em células secretoras de 
anticorpos e, portanto, a troca de classe (mudanças no padrão de 
secreção de Igs = troca do isotipo da Fc)
Por que, ao contrário dos outros Igs, o IgG tem meia vida longa?
Pois ele pode se ligar ao FcRn, isto é, é um anticorpo que consegue passar 
pela barreira placentária da mãe para o feto e que, ao ligar-se ao FcR é 
internalizado em um endossoma sem ocorrer digestão dele na célula, 
podendo ser liberado novamente para o espaço extracelular. A porção Fc 
do IgG se liga ao FcR, causando sequestro intracelular longe dos 
lisossomos; o FcR está presente no endotélio, macrófagos e outras células 
adultas, e também das células da placenta fetal e intestino do RN 
(transporte transcelular de IgG.
O que é antígeno?
Qualquer substância que pode se ligar especificamente a anticorpos ou a 
receptores de células T. Anticorpos podem reconhecer quase qualquer 
tipo de molécula biológica funcionante como antígeno, mas só algumas 
conseguem ativar linfócitos T (proteicos).
O que é um epítopo?
É um determinante do antígeno, isto é, a parte onde o anticorpo se liga. 
Uma macromolécula possui vários epítopos distintos (polivalência = mais 
de um tipo de determinante na superfície), e portanto pode se ligar a mais 
Anticorpos e Antígenos 3
de um anticorpo (especificidade epítopo-anticorpo). Em superfícies de 
macromoléculas pode existir mais de um 'representante' de cada 
determinante, assim fazendo com que possa ocorrer ligação com 
anticorpos de maneiras distintas (=determinantes sobrepostos = 
interferência alostérica na ligação de anticorpos).
Qualquer porção de microrganismo que pode ser reconhecida por um 
anticorpo distinto é chamada de epítopo/determinante antigênico. De fato, 
quando se diz que o anticorpo é específico para o antígeno, o que quer se 
dizer é que O ANTICORPO É ESPECÍFICO PARA O ANTÍGENO.
O que é afinidade do anticorpo pelo antígeno e como ela difere da avidez 
da ligação?
Afinidade é a força da ligação de um anticorpo ao se ligar com um 
antígeno. Nesse caso, é importante relembrar a presenta de anticorpos 
multivalentes IgA e IgM e que todos os anticorpos apresentam 
flexibilidade em sua região de dobradiça, podendo ligar-se em mais de um 
local com o antígeno. 
Quando é levado em conta a força da ligação/afinidade em todos os 
locais de ligação dos anticorpos, sobre todos os anticorpos ligados ao 
antígeno, isso é chamado de avidez (e é o que realmente importa).
Relembre: anticorpos são moléculas de __________ e portanto sua função 
depende da _________:
Anticorpos são moléculas de proteínas e portanto sua função depende da 
estrutura.
Quais as funções dos anticorpos relacionadas a Fab?
Especificidade e diversidade (relacionadas as regiões de determinação de 
complementaridade CDR esta parte está relacionada ao reconhecimento 
dos antígenos.
Também é importante ressaltar a maturação de afinidade que ocorre 
quando um anticorpo se liga a um epítopo: ocorrem mudanças nas 
estruturas das regiões Fab na ligação antígeno-anticorpo, aumentando a 
afinidade média dessa ligação conforme a reposta imune evolui (mesmo 
que essas modificações sejam pequenas). Anticorpos com maior afinidade 
são 'selecionados', e são esse que dão prosseguimento à resposta imune e 
que estarão presentes em segundos contatos: por isso estes são mais 
rápidos e eficazes.
Anticorpos e Antígenos 4
Quais as funções dos anticorpos relacionadas a Fc?
Isótopos de anticorpos com frações Fc distintas possuem funções 
efetoras distintas.
A Fc faz ativação da via clássica do sistema complemento.
As funções efetoras dos anticorpos só são 'ativadas' se mais de uma 
fração Fc estivem ligada concomitantemente a um antígeno Fcs 
adjacentes).
As Fc é o local de ocorrência de troca de classe: células B maduras 
produzem anticorpos com isotipos distintos (aka frações Fc distintas) 
dependendo da necessidade de resposta do organismo/isotipos que 
melhor eliminem o microorganismo.
Fração constante também irá determinar a distribuição do anticorpo no 
organismo IgAs irão para epitélios e mucosas, por exemplo, IgGs irão se 
ligar, no caso de gravidez, ao FcRn das células placentárias).