A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
Herpes Zóster

Pré-visualização | Página 1 de 1

herpes zoster 
INTRODUÇÃO 
É a recorrência da infecção pelo VZV. 
Comum, mais frequente e mais grave em idosos e imunocomprometidos, adultos >45 anos. 
Etiologia → VZV ou HHV-3. 
FISIOPATO 
Latência nos gânglios da raiz dorsal → queda transitória da imunidade → replicação viral. 
Neurite → dor. 
Lesões de pele acompanhando dermátomo. 
DIAGNÓSTICO 
Início gradual → precedido por dor intensa, tipo neurítica, alguns dias antes das erupções. 
Pródromo → dor e parestesia na região do dermátomo 3-5 dias antes da erupção. 
Erupção herpes-zoster. 
Sistêmicos: mal-estar, febre, cefaleia. 
EXAME FÍSICO 
Exantema maculopapulovesicular localizado. 
Vesículas agrupadas sobre base eritematoedematosa, distribuição unilat. no dermátomo. 
Raramente ultrapassa linha mediana. 
Vesículas se dessecam → crostas → cura em 2-4 semanas. 
Comprometimento motor: paralisia facial, paralisia intestinal, disfunção urinária. 
 
 
 
 
 
EXAMES DIAGNÓSTICOS 
O diagnóstico é essencialmente clínico! 
Citodiagnóstico de Tzanck. 
Anatomopato. 
Investigas causas predisponentes: doenças sistêmicas e imunossupressão. 
DDX 
IAM, abdome agudo e litíase renal. 
TTO 
Objetivo → diminuir dor, reduzir curso da doença, evitar neuralgia pós-herpética. 
1ª LINHA 
Aciclovir 800 mg, 3x/dia, por 7 dias. 
➢ Reduz duração da neuralgia, esp. idosos. 
➢ EV: imunocomprometidos, zoster oftálmico. 
Fanciclovir 1 g, 12/12 h, por 7 dias. 
Valaciclovir 1 g, 3x/dia, por 7 dias. 
2ª LINHA - SUPORTE 
Analgésicos. 
Corticosteroides sistêmicos (uso controverso; p/ neuralgia intensa assoc. c/ antivirais). 
3ª LINHA 
Água boricada → limpeza. 
Antibacterianos tópicos. 
Vacina herpes zoster atenuada → idosos e antes de estados imunossupressores. 
 
 
 
 
 
COMPLICAÇÕES 
Neuralgia pós-herpética: 
➢ 20-40% dos casos. 
➢ Oftálmico: risco de cegueira. 
➢ Dor msm após melhora das lesões. 
Herpes zoster disseminado: geralmente imunocompetentes. 
VACINA 
Vacina herpes-zoster → idosos > 60 anos. 
Particular. 
OBS. 
Comprometimento do gânglio geniculado = lesão do n. facial e auditivo → paralisia facial, vesículas herpéticas e surdez 
unilateral. 
Imunocomprometidos: quadros disseminados ou exuberantes → necrotizante, hemorrágico ou crônico. 
Comprometimento do n. trigêmeo: pode afetar o ramo nasociliar → lesões na extremidade nasal → indica lesão na 
mucosa ocular, sendo uma urgência clínica c/ possibilidade de cicatrizes definitivas.