A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Lesões fundamentais

Pré-visualização | Página 1 de 1

LESÕES FUNDAMENTAIS
Coleções sólidas:
1) Mancha ou mácula: 
· Mudança de cor sem elevação ou depressão tecidual;
· Cores, tamanhos e formas bastante variados; 
· Origem endógena ou exógena;
2) Placa: 
· Elevação de consistência fibrosa circunscrita com altura pequena em relação a extensão; 
· Superfície pode ser: rugosa, verrucosa, ondulada ou lisa;
3) Pápula: 
· Pequena, circunscrita, elevada e de consistência fibrosa;
· Diâmetro<5mm;
· Únicas ou múltiplas;
· Base séssil ou pediculada;
4) Nódulo: 
· Elevação de consistência fibrosa ou sólida;
· Circunscrita, superficial ou profunda;
· Tecido epitelial, conjuntivo ou misto, palpável; 
· Base séssil ou pediculada; 
· Diâmetro >5mm;
5) Tumefação: 
· Aumento de volume difuso.
Coleções líquidas:
1) Vesícula: 
· Elevação circunscrita com líquido seroso, resultado de processo inflamatório;
· Diâmetro<3mm;
· Ex: Herpes;
2) Bolha: 
· Elevação circunscrita com líquido seroso, hemorrágico ou pustuloso que pode romper e formar úlceras; 
· Diâmetro>3mm;
3) Pústulas: 
· Elevação circunscrita com exsudato purulento resultante de infecção (branco-amarelada);
· Na boca abscesso puntiforme ou parúlide;
4) Fístula: 
· Forma um trajeto do centro da lesão até a superfície extravasando o exsudato purulento.
Perda tecidual:
1) Fissura: 
· Fenda linear, normal ou anormal;
· Rágades: localização periférica; 
· Não há solução de continuidade no sulco, rompendo tecido epitelial e conjuntivo; 
· Fundo recoberto por epiderme ou mucosa sã;
· Ex.: Queilite angular.
2) Erosão: 
· Perda parcial do epitélio não havendo exposição do tecido conjuntivo subjacente;
3) Úlcera: 
· Perda de substância do epitélio com exposição do tecido conjuntivo;
· Obs: Exulceração: ulceração superficial com aspecto pontilhado hemorrágico. Ex.: Paracoccidioidomicose.
4) Crosta: 
· Ressecamento que ocorre após a úlcera.
Alteração vascular:
1) Petéquias: 
· Ocorre fora do vaso com extravasamento de sangue; 
· Hemorragias pontuais, puntiformes ou lenticulares; 
· Diâmetro<1cm;
· Ex.: vasculites, amiloidose.
2) Equimoses: 
· Lesão não elevada; 
· Hemorragia após trauma ou disfunção plaquetária; 
· Coloração de vermelho ao roxo, amarronzadas, amareladas ou esverdeadas; 
· Diâmetro>1cm.
3) Hematoma: 
· Púrpuras e alteração vascular;
· Extravasamento de sangue no tecido conjuntivo com distensão dos tecidos moles; 
· Cor azulada após trauma agudo;
4) Telangiectasia: 
· Ocorre dentro do vaso; 
· Púrpuras e alteração vascular; 
· Dilatação permanente dos capilares; 
· Com aspecto filamentoso ou pontilhados;
· Vermelho ou violáceo.