A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
9 pág.
Imunização - Resumo + Questões

Pré-visualização | Página 3 de 3

a segunda dose de BCG para contatos de hanseníase com avaliação 
dermatoneurológica normal e maiores de 1 ano que apresentarem apenas uma cicatriz de BCG 
b) Para os contatos saudáveis maiores que 1 ano de idade, devem ser administradas 02 doses de BCG 
obedecendo a intervalo de 6 meses entre a primeira e a segunda dose 
c) Após novas diretrizes do Programa Nacional de Imunização – PNI em 2019, torna-se proscrita a 
administração de segunda dose de BCG, incluindo aí os contatos de hanseníase 
d) Contatos de portadores de tuberculose e hanseníase devem ser incluídos no protocolo de vigilância 
de contatos do programa de hanseníase e devem receber BCG de acordo com sua situação vacinal 
e) Gestantes que são contatos de portadores de hanseníase devem ser submetidas à avaliação 
dermatoneurológica e, em caso de apenas 1 cicatriz vacinal, faz-se a segunda dose tão logo a 
gestante entre no terceiro trimestre 
 
10. Lactente saudável, de 6 meses, vem à Unidade Básica de Saúde para consulta de puericultura e é 
encaminhado para aplicação de vacinas, conforme o Programa Nacional de Imunizações, do Ministério da 
Saúde. A mãe da criança alega que o esquema vacinal está diferente em relação aos anos anteriores. Quais 
modificações foram introduzidas no Calendário Básico de Vacinações do Ministério da Saúde em 2016 para 
os bebês até 6 meses de idade? 
a) A introdução da vacina contra gripe e antecipação da vacina tríplice viral 
b) Acréscimo da 3ª dose da vacina antimeningocócica C e 3ª dose da vacina para rotavírus 
c) Não houve modificações em relação ao Calendário Básico de Vacinações para os bebês até 6 meses 
de idade 
d) Redução de uma dose da vacina antipneumocócica 10-valente e a 3ª dose da vacina contra a 
poliomielite passa a ser injetável 
 
 
GABARITO 
1) A 6) B 
2) B 7) E 
3) B 8) C 
4) A 9) A 
5) E 10) D