A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
231 pág.
Citologia - Questões - Landim

Pré-visualização | Página 3 de 50

para materiais de origem biológica que seja constituído 
por células isoladas ou fracamente unidas entre si. 
(_) Ao se preparar um material biológico para 
observação através de microscopia eletrônica, o 
primeiro procedimento a ser realizado com o referido 
material é a fixação (que desidrata o material e remove 
lipídios geralmente com glutaraldeído). 
(_) Utilizando-se as centrífugas de laboratório, os 
pesquisadores colocam o homogeneizado celular em 
tubos presos ao eixo do rotor (o qual gira a grande 
velocidade). É o movimento de rotação que gera forças 
centrífugas que arrastam partículas do homogeneizado 
para o fundo do tubo. 
(_) Na observação a fresco, o material biológico tem 
que passar por diferentes tratamentos antes da 
observação. Assim, primeiramente, tal material deverá 
ser corado (sendo comum o emprego dos corantes 
hematoxilina e eosina), em seguida, passará ao corte 
histológico, e por fim fixado e esmagado entre a lâmina 
e a lamínula. 
 
A sequência correta é: 
a) VVFFF. 
b) VFFVV. 
c) VVFVF. 
d) VFFVF. 
e) VFVFV. 
 
 
27 - (Famene) Em relação às técnicas para observação 
ao microscópio óptico, é incorreto afirmar que 
a) quando o material biológico é colocado vivo sobre a 
lâmina e coberto com lamínula, ambas de vidro, trata-
se de uma observação vital em que o exame do 
material é realizado a fresco. 
b) espalhar material biológico sobre lâmina de vidro 
para observação é uma técnica designada como 
esfregaço, a qual é ideal para materiais biológicos de 
natureza pouco agregada, ou seja, com células 
fracamente unidas entre si. 
c) nos cortes histológicos à mão livre, o pesquisador 
retira do material biológico em questão fatias 
delgadas, sendo uma técnica satisfatória ao estudo de 
tecidos vegetais. 
d) a utilização de micrótomos justifica-se quando os 
cortes de tecidos para observação devem apresentar 
estrutura muitíssimo delgada (μm), onde deve haver a 
inclusão prévia da peça a ser estudada. 
e) com a finalidade de colorir as estruturas celulares a 
serem observadas, os corantes vitais, ou seja, aqueles 
que exibem afinidade com a maioria das estruturas 
permitem o estudo de células mortas dos diversos 
tecidos. 
 
 
 
28 - (Unifor) Durante o processo de preparação de 
tecidos em cortes para estudo microscópico, uma das 
fases em que o tecido é endurecido, a fim de que possa 
ser cortado em fatias finíssimas, é denominada: 
a) fixação. 
b) coloração. 
c) inclusão. 
d) montagem. 
 
 
 
 
7 
 
29 - (Ufpa) A descoberta da célula foi feita em 1665 por 
_____. Em 1838 e 1839, _____ e _____, através de 
observações de estruturas de plantas e animais, 
concluíram que os seres vivos são constituídos por 
células. 
Indique a alternativa que completa corretamente as 
frases. 
a) Hooke, Weissmann, Schwann. 
b) Virchow, Schleiden, Schwann. 
c) Schleiden, Hooke, Schwann. 
d) Hooke, Schleiden, Schwann. 
e) Virchow, Weissmann, Hooke. 
 
 
 
 
 
 
 
 
30 - (Ufpb) Com relação aos conhecimentos sobre as 
células, os quais puderam ser construídos em 
continuidade à observação das primeiras células, é 
correto afirmar que a observação 
a) das primeiras células vivas permitiu distinguir 
eucariotos de procariotos. 
b) de células de cortiça, feita por Hooke em 1665, 
permitiu identificar apenas as estruturas básicas 
daqueles tipos celulares: parede celular, citoplasma e 
núcleo. 
c) dos envoltórios celulares, do núcleo, das 
mitocôndrias e demais constituintes celulares foi 
determinante para o estabelecimento da Teoria 
celular. 
d) de fenômenos da divisão mitótica feitas por Walther 
Fleming, por volta de 1878, reforçou a idéia de que 
todas as células, ao contrário do que alguns cientistas 
imaginavam, são originadas de células pré-existentes. 
e) de que todos os organismos são compostos por 
células só foi constatada após o advento da 
microscopia eletrônica.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
notas
 
8 
 
Gabarito: 
 
Questão 1: E 
 
Comentário: A descoberta da célula é creditada às 
pesquisas do pesquisador inglês Robert Hooke, em 
1655, ao analisar uma fatia de cortiça (tecido suberoso, 
que é formado de células mortas) ao microscópio, a 
presença de uma série de cavidades, correspondendo 
aos arcabouços correspondentes às paredes celulares 
das células mortas. O termo célula diz respeito a uma 
cavidade ou espaço vazio, que foi exatamente o que 
Hooke observou. Em 1838, o botânico alemão Mathias 
Jakob Schleiden postulou que "todos os vegetais são 
formados por células". No ano seguinte, em 1839, o 
zoólogo alemão Theodor Schwann estendeu esta 
afirmação ao postular que "todos os animais são 
formados por células". Juntas, estas duas afirmações 
correspondiam a "todos os seres vivos são formados 
por células". Esta é a premissa básica da chamada 
Teoria Celular. A moderna Teoria Celular afirma: 
1) As células constituem as unidades básicas 
morfofisiológicas de todos os organismos vivos, ou 
seja, todos os seres vivos são formados por células, de 
modo que os itens I e II são verdadeiros. 
2) As propriedades de determinado organismo 
dependem das propriedades de suas células isoladas, 
ou seja, todas as características morfológicas (forma) e 
fisiológicas (funcionais) podem ser explicadas como 
derivadas de suas características celulares, bem como 
alterações nestas áreas podem ser vistas como 
alterações ao nível também celular. 
3) As células se originam unicamente de outras células 
e sua continuidade é mantida através de seu material 
genético, de modo que o item III é verdadeiro. 
4) A menor unidade da vida é a célula, ou seja, 
partículas subcelulares como organelas, por exemplo, 
não podem ser consideradas vivas. Em níveis de 
organização, estruturas como átomos, moléculas ou 
organelas não são consideradas estruturas vivas. Só 
podem ser consideradas vivas estruturas de células em 
diante, do ponto de vista de níveis de organização: 
células, tecidos, órgãos, sistemas, etc. 
 
Questão 2: B 
 
Comentário: Num cubo, onde “a” é a aresta, a 
superfície (S) é calculada como S = 6a2 e o volume (V) é 
calculado como V = a3. Numa célula cúbica de aresta 1, 
a superfície é de S = 6x12 = 6 e o volume é de V = 13 = 1, 
com relação entre superfície e volume S/V = 6/1 = 6. Já 
numa célula cúbica de aresta 2, a superfície é de S = 
6x22 = 6x4 = 24 e o volume é de V = 23 = 8, com relação 
entre superfície e volume S/V = 24/8 = 3. Desse modo, 
quando a aresta aumenta de 1 para 2, a relação S/V 
diminui de 6/1 para 3/1. Assim, segundo a Lei de 
Spencer, quanto maior a célula, menor sua relação 
superfície/volume e melhor sua capacidade de 
absorção de nutrientes. 
 
Questão 3: D 
 
Comentário: De acordo com a Lei de Driesch ou do 
volume constante, células do mesmo tipo em 
indivíduos da mesma espécie possuem o mesmo 
volume. Assim, as células de uma criança têm o mesmo 
tamanho das células de um adulto, sendo a diferença 
de tamanho proporcionada pela diferença no número 
de células. 
 
Questão 4: D 
 
Comentário: De acordo com a Lei de Spencer, quanto 
menor a célula, maior a relação superfície/volume da 
mesma, e consequentemente melhor sua nutrição. 
Assim, células não podem atingir grandes dimensões, 
caso contrário apresentariam pequena relação 
superfície/volume, e, consequentemente, nutrição 
muito deficiente. 
 
Questão 5: D 
 
Comentário: De acordo com a Lei de Spencer, quanto 
menor a célula, maior a relação superfície/volume da 
mesma, e conseqüentemente melhor sua nutrição. 
Assim, células não podem atingir grandes dimensões, 
caso contrário apresentariam pequena relação 
superfície/volume, e, conseqüentemente, nutrição 
muito deficiente. Assim, ao se dividirem e gerarem 
células menores, as células da zona de crescimento da 
raiz mantêm uma grande relação superfície/volume, 
facilitando o rápido intercâmbio de substâncias 
nutrientes e de material de excreção. 
 
Questão 6: C 
 
Comentário: Bactérias são seres constituídos de 
células procarióticas, de modo a não apresentarem 
núcleo delimitado por carioteca, mas sim