A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
11 pág.
FILOSOFIA

Pré-visualização | Página 1 de 4

ATIVIDADES AVALIATIVAS TEOLOGIA ANHANGUERA
Protágoras exercia a profissão de carregador (...) E certo dia, o filósofo Demócrito viu que Protágoras carregava facilmente aquele tipo de carga [troncos, n.a.], normalmente embaraçosa para outra pessoa. Pediu então ao trabalhador que descansasse um pouco. Quando Protágoras o fez, Demócrito observou aquela espécie de cilindro de troncos ser equilibrada e mantida por alguma razão geométrica, e perguntou quem teria assim composto tal lenha. Tendo Protágoras dito que por si mesmo fora composta, Demócrito desejou que ele a desatasse e de novo a colocasse amarrada do mesmo modo. Assim foi feito, e o filósofo, admirado com a agudeza de espírito e esperteza de um homem não instruído, o levou consigo, admitiu-o como discípulo e ensinou-lhe Filosofia.
As reflexões do filósofo Protágoras (490 – 415 a.C) marcam um período importante na consolidação do pensamento filosófico na Grécia Antiga.
A respeito das dimensões teóricas associadas à obra deste filósofo e suas características, avalie as afirmações que se seguem, julgando-as como (V) Verdadeiras ou (F) Falsas:
(   ) A principal contribuição de Protágoras ao pensamento filosófico se deu no sentido de reforçar a cosmogonia grega, ao enfatizar que a vontade dos deuses submetia toda a ordem natural.
(   ) De acordo com Protágoras, a coerção e a força seriam insuficientes para submeter ao indivíduo a aceitar concepções entendidas por outros como expressões da verdade.
(   ) Protágoras acreditava que a ‘verdade’ era um conceito relativo, uma vez que era submisso a interesses particulares e concepções de povos.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA.
Correta F – F – V.
2) Porque Sócrates não se defendeu [e assim foi condenado à morte]? ‘Porque’, dizia ele, ‘se eu me defender, estarei aceitando as acusações, e eu não as aceito. Se eu me defender, o que os juízes vão exigir de mim? Que eu pare de filosofar. Mas eu prefiro a morte a ter de renunciar à Filosofia’.
O período socrático, associado ao filósofo Sócrates (470 – 399 a.C.) revolucionou as concepções filosóficas no mundo antigo, a partir da obra deste pensador e suas contribuições para as gerações posteriores de pensadores na Antiguidade.
Considerando as informações apresentadas, analise as afirmativas a seguir:
I. De acordo com a escola socrática, a busca pelo conhecimento assumia um aspecto libertador, uma vez que isentava o indivíduo de abordagens míticas e religiosas sobre a realidade.
II. O pensamento socrático se desenvolveu em um contexto sócio-político de estabilidade na Grécia Antiga, que reforçou as instituições democráticas e o convívio comum.
III. A concepção filosófica de Sócrates, influenciada por seu mentor Aristóteles, procura negar a verdade como um conceito universal e isenta de interpretações.
Considerando o contexto apresentado, é correto o que se afirma em:
· Correta I e II, apenas.
3) A Filosofia é uma instituição cultural tipicamente grega que, por razões históricas e políticas, veio a tornar-se, no correr dos séculos, o modo de pensar e de se exprimir predominante da chamada cultura europeia ocidental, da qual, em decorrência da colonização europeia das Américas, nós também fazemos parte - ainda que de modo inferiorizado e colonizado.
 As diferentes fases da Cosmologia, no contexto da Grécia Antiga, permitiram estruturar as abordagens filosóficas fundamentais a respeito da existência humana.
Sobre estas fases, na perspectiva da História da Filosofia Antiga, analise as opções que se seguem e assinale a correta:
Correta A segunda fase da Cosmologia se estabelece com a criação da Astronomia, que redefiniu padrões de pensamento a respeito da natureza.
4) Quando estudamos o nascimento da Filosofia, vimos que os primeiros filósofos se preocupavam com a origem, a transformação e o desaparecimento de todos os seres. Preocupavam-se com o devir. (...) O mundo, dizia Heráclito, é um fluxo perpétuo onde nada permanece idêntico a si mesmo, mas tudo se transforma no seu contrário.
Dentro do estudo da Filosofia na Antiguidade, é necessário recordar, em uma recapitulação histórica, a importância do chamado ‘Período Sistemático’ enquanto escola de pensamento e conceito analítico.
Assim sendo, de acordo com a reflexão proposta pelo texto, analise as afirmações que se seguem, julgando-as como (V) Verdadeiras ou (F) Falsas:
(   ) A inspiração do período sistemático, a partir de autores como Heráclito e Tales de Mileto, se deu no sentido de demonstrar a onipresença da Filosofia no estudo das coisas humanas.
(   ) A criação de um processo de sistematização do pensamento sucedeu o Período Lógico, que expressou-se como uma difusão rápida do pensamento filosófico na Grécia Antiga.
(   ) O conceito de ‘período sistemático’ remete à necessidade de um momento histórico, na abordagem filosófica, em organizar as reflexões e conhecimentos gerados pela postura dos gregos de questionamento da realidade.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA.
Correto F – F – V.
1)Assim como desmistificaram a natureza, os gregos também retiraram o mito do domínio da política (...) no Oriente Próximo, a lei era concebida pelos deuses, e não podia ser separada da religião. Nem ela nem autoridade política podiam ser matéria do discurso racional. Atenas era única, pois tentava basear o Estado e sua autoridade na razão humana, respeitando o direito do cidadão de expressar suas ideias sobre o que é certo ou justo.
As abordagens contemporâneas sobre a Filosofia e o pensamento são embasadas em importantes processos históricos gerados na Antiguidade, em especial, a partir da civilização grega.
Deste modo, considerando as questões apontadas pelo texto-base e os seus conhecimentos sobre o tema proposto, julgue as afirmativas a seguir em (V) Verdadeiras ou (F) Falsas.
 
(   ) A evolução da economia no mundo grego está intrinsecamente associada ao desenvolvimento da agricultura em detrimento da exploração marítima, de modo que a partir dela, desenvolveram-se fluxos de troca que dariam origem ao comércio entre cidades.
(   ) A especificidade da organização política no mundo grego, em cidades-estado nas quais alguns grupos aristocráticos organizavam-se na divisão das relações de poder, permitiu um fluxo de relações culturais que tornaria viável o desenvolvimento da Filosofia como forma de pensamento.
(   ) Em que pese o fato do pensamento filosófico haver se desenvolvido em outras sociedades, é preciso destacar que os gregos desvincularam, em primeiro lugar, as construções míticas e elementos religiosos em relação às formas de pensamento sobre o homem e o seu espaço.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA.
Correto F – V – V.
2)Ao nascer, a Filosofia tem dívidas com a sabedoria dos orientais, não só porque as viagens colocaram os gregos em contato com os conhecimentos produzidos por outros povos (egípcios, persas, babilônios, assírios e caldeus), mas também porque os dois maiores formadores da cultura grega antiga, os poetas Homero e Hesíodo, encontraram nos mitos e nas religiões dos povos orientais e nas culturas que precederam a grega os elementos para elaborar a mitologia grega, que, depois, seria transformada racionalmente pelos filósofos.
 
A Antiguidade é o ponto de partida para o estudo das questões filosóficas contemporâneas, haja visto que neste período, diferentes processos e elementos viabilizaram o desenvolvimento do pensamento filosófico.
Neste sentido, a partir das dimensões apontadas pelo texto, analise as opções que se seguem e assinale a correta:
Correto Mais que um código de escrita, deve-se ter em mente que a criação do alfabeto grego foi fundamental para unificar diferentes dialetos comuns àquela região, possibilitando difusão de ideias e concepções filosóficas.
rnativa assinalada
3) Para se relacionarem com o mundo e com os outros humanos, os homens devem valer-se de um instrumento – a linguagem – para persuadir os outros de suas próprias ideias e opiniões. A verdade é uma questão de opinião e de persuasão, e a linguagem é mais

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.