A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
História do Brasil Republicano I

Pré-visualização | Página 1 de 2

Acadêmico:
	
	
	Disciplina:
	História do Brasil Republicano (HID05)
	Avaliação:
	Avaliação I - Individual ( Cod.:) ( peso.:1,50)
	Prova:
	
	Nota da Prova:
	10,00
	
	
Legenda:  Resposta Certa   Sua Resposta Errada  
Parte superior do formulário
	1.
	A implantação da República no Brasil estabeleceu novos parâmetros para pensar a sociedade, determinou os rumos na iminência de um novo século. Acerca da história da República no Brasil, é correto afirmar que:
	 a)
	Foi estabelecida pelos portugueses que possuíam interesse em continuar nas terras brasileiras.
	 b)
	Esteve embasada em eventos que se desenvolveram ao mesmo tempo em todo o país, que não suportava mais o regime imperial.
	 c)
	Foi simples e fácil de explicar e esquematizar, uma vez que pode ser entendida apenas sob o viés político.
	 d)
	É complexa, fragmentária e pressupõe o conhecimento da realidade anterior do Império para ser percebida.
	2.
	Os conflitos internos do início da República no Brasil caracterizaram o período com grande instabilidade política. A difícil situação econômica dos pobres e a insatisfação social geraram vários movimentos populares. Sobre esses movimentos, analise as seguintes afirmativas:
I- Os movimentos possuíam motivação meramente religiosa, milenarista, sem nenhuma vinculação com a ordem social estabelecida.
II- A Guerra do Contestado foi um levante organizado em torno da questão de limites entre Paraná e Santa Catarina, levou em conta o conflito pela posse de terras e a exploração capitalista no meio-oeste catarinense.
III- A Guerra de Canudos foi organizada pelos sertanejos nordestinos que queriam melhores condições de vida e menos impostos, seu líder era Antônio Conselheiro.
IV- Os conflitos internos do Brasil republicano foram resolvidos sem a necessidade do emprego de forças militares.
        
Agora, assinale a alternativa CORRETA:
	 a)
	As afirmativas I, III e IV estão corretas.
	 b)
	As afirmativas II e III estão corretas.
	 c)
	Somente a afirmativa IV está correta.
	 d)
	As afirmativas I e II estão corretas.
	3.
	Em 1910, os marujos do encouraçado São Paulo e Minas Gerais se insubordinaram a seus oficiais, realizando um motim. Assinale a alternativa CORRETA que retrata esse acontecimento:
	 a)
	Trata-se da Associação dos Marinheiros e Fuzileiros Navais do Brasil, que lutavam pelas Reformas de Base do governo João Goulart.
	 b)
	Trata-se da Revolta dos Sargentos e suboficiais da Armada, membros do Partido Comunista Brasileiro.
	 c)
	Trata-se da Revolta da Armada, na qual o contra-almirante Custódio de Mello se insubordinou ao governo do marechal Floriano Peixoto.
	 d)
	Trata-se da Revolta da Chibata, na qual os marujos se insubordinaram contra os castigos físicos impostos pela Marinha do Brasil.
	4.
	A partir de 1870, com o fim da Guerra do Paraguai, a situação do Brasil era tensa, as intrigas políticas e civis estavam no seu auge. Posterior a isso, os anos seguintes seguiram mais conturbados ainda, restringindo toda e qualquer intenção do regime. Que acontecimentos tiveram destaque no Brasil no ano de 1874?
	 a)
	A instauração de um novo sistema político no Brasil, a República, fato que culminou com o fim dos privilégios da coroa portuguesa.
	 b)
	A Inconfidência Mineira, tentativa frustrada de tornar o Brasil independente; revoltosos do Estado de Minas Gerais reuniram um grupo de revolucionários com o mesmo objetivo: tornar o Brasil livre de Portugal.
	 c)
	O golpe militar que derrubou o governo democrático no país, fato que acabou com a liberdade política de todos os cidadãos do Brasil.
	 d)
	O movimento dos Quebra-Quilos no Nordeste do país, contra a igualização de pesos e medidas pelo sistema métrico, fato que desencadeou a indignação de comerciantes, burgueses e camponeses de toda a região contra o governo brasileiro.
	5.
	As principais cidades no Brasil no período colonial e também durante o império eram: Recife, Salvador e Rio de Janeiro. As duas últimas eram cidades portuárias ligadas ao tráfico negreiro e pelo comércio, principalmente da cana-de-açúcar e do ouro. Como se sabe, por séculos o Brasil precisou atender o mercado estrangeiro como fornecedor de matéria-prima. Do ponto de vista industrial, o Brasil ficou em grande parte dependente do capital estrangeiro durante todo o período da primeira República. Sobre a experiência brasileira na Modernidade e os surtos industriais, assinale a alternativa INCORRETA:
	 a)
	Uma medida tomada pelo governo para incentivar a abertura de indústrias causou uma grave crise financeira, isto porque muitos especuladores não utilizavam o capital para a construção de fábricas e a contração de pessoal, mas para a aplicação na bolsa de valores do Rio de Janeiro, o que causou uma quebradeira, colocando o mercado de créditos em suspeição.
	 b)
	Do ponto de vista industrial, a cidade do Rio de Janeiro se modernizou com a presença de indústrias têxteis ligadas ao capitalismo inglês, sendo uma das mais famosas a fábrica de Bangu.
	 c)
	Já nas primeiras décadas da República, teve início o processo de modernização e industrialização do Brasil, que deixou de ser um país com caráter agroexportador. Para tanto, o Estado investiu muito no desenvolvimento das indústrias, inclusive com incentivo fiscal e a expansão do crédito para os investidores capitalistas.
	 d)
	Por séculos, os incentivos econômicos e tecnológicos se destinavam prioritariamente à monocultura da cana-de-açúcar e, posteriormente, do café. Sendo assim, o Brasil se caracterizava como um mercado consumidor de produtos industrializados importados de outros países, o que não mudou muito na Primeira República.
	6.
	A História da Arte se configura como um dos principais temas de pesquisa de muitos historiadores. A denominada Primeira República ou República Velha foi um dos períodos-chave para a compreensão das principais alterações na concepção de Arte no Brasil. Sobre o período cronológico convencionado a se denominar República Velha, analise as opções a seguir:
I- A Arte Moderna, simbolizada pela Semana de 1922.
II- O Parnasianismo, caracterizado pela precisão formal poética.
III- A poesia concreta, caracterizada pela busca do formalismo.
IV- O tropicalismo, movimento de oposição ao regime político vigente.  
Assinale a alternativa CORRETA:
	 a)
	As opções I e II estão corretas.
	 b)
	As opções II e IV estão corretas.
	 c)
	As opções I e III estão corretas.
	 d)
	As opções I e IV estão corretas.
	7.
	O governo Hermes da Fonseca passou por crises militares e políticas de grande envergadura. A ação governamental, em grande parte das revoltas, foi a da violência como principal atitude desempenhada pelos donos do poder político. Dentre estas várias revoltas vivenciadas pela população brasileira, podemos citar a Revolta de Juazeiro. Com relação ao conflito que ocorreu no Ceará, analise as sentenças a seguir:
I- Movimento social que teve como principal personagem o padre Cícero, figura político-religiosa venerada nos sertões do nordeste.
II- Movimento social ligado às disputas políticas do Ceará, no qual se destacava o coronelismo simbolizado pela família Acioli.
III- Ação social motivada por funcionários públicos do sertão nordestino, que reclamavam por melhores salários e condições de trabalho.
IV- Revolta conduzida por empresários fabris de todo o nordeste brasileiro, contrários às políticas econômicas federais que favoreceram apenas a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo.
Assinale a alternativa CORRETA:
	 a)
	As sentenças II e III estão corretas.
	 b)
	As sentenças I e III estão corretas.
	 c)
	As sentenças I e IV estão corretas.
	 d)
	As sentenças I e II estão corretas.
	8.
	A instauração da República no Brasil marcou profundamente a política administrativa do país, as elites políticas e intelectuais pensaram o Brasil de maneira diversa. Neste cenário, os positivistas também contribuíram com suas ideologias. Partindo desse pressuposto, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
( ) Os positivistas afirmavam