A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
10 pág.
PAPER VARIAÇÃO LINGUÍSTICA

Pré-visualização | Página 3 de 3

Escolhemos algumas atividades de modo a exemplificar como o livro orienta as práticas pedagógicas com base na reflexão de uso da língua.
QUADRO 1 – ABORDAGEM DAS VARIAÇÕES LINGUÍSTICAS NO LIVRO DIDÁTICO
	Variações Linguísticas
	Atividades Pedagógicas
	Didático Referência do Livro
	Pluralidade da língua no Brasil
	O livro traz uma reflexão importante a respeito das diferentes variações da língua portuguesa e orienta aos alunos a pesquisarem sobre o conteúdo, discutirem as informações coletadas e elaborarem um roteiro com a finalidade de expor uma narrativa sobre os dados da pesquisa.
	Tópico: A hora da pesquisa
9° ano
	Variedades regionais
	Utilizando-se do poema de cordel o livro expõe a linguagem popular e as diversas palavras associadas ao universo da roça.
	Tópico: Por dentro do texto
8° ano
	Mudança linguística histórica
	A explicitação se dá através de uma imagem fotográfica de uma propaganda, cujo texto evidencia algumas palavras escritas de modo diferente de como grafamos atualmente, solicitando aos alunos a sua transcrição.
	Tópico: Linguagem do texto
9° ano
	Gêneros textuais adequados conforme contexto
	Nas produções textuais os livros orientam o planejamento seguindo os seguintes critérios:
-público leitor;
-linguagem adequada;
-estrutura textual;
-onde o texto vai circular.
	Tópico: Produção de texto
7° ano
8° ano
9° ano
	Tratamento da norma padrão
	Apresenta atividades para que aluno conheça a ortografia da língua e a implemente no contexto de uso mais formal
	Tópico: De olho na escrita
7° ano
8° ano
9° ano
	Variação entre fala e escrita
	Com a intenção de orientar os alunos a adequarem-se às situações reais de uso da oralidade, os alunos são incentivados a produzirem uma narração de um jogo de futebol,atentando para a entonação, ritmo, gírias e jargões típicos dessa modalidade.
	Tópico: Na trilha da oralidade 
7° ano
FONTE: Produção própria a partir da análise da Coleção Tecendo Linguagens (2018).
Pode-se dizer, enfim, que os livros da coleção Tecendo Linguagens apresentam questões atuais quanto à reflexão do uso da língua, trazendo exercícios que levam os discente a refletirem sobre as variações linguísticas.
Todos os exemplares estão organizados em função dos quatro eixos de ensino: leitura, produção textual, oralidade e conhecimentos linguísticos. 
As atividades são conduzidas de forma que os alunos reflitam sobre as características dos gêneros textuais, bem como suas funções comunicativas, possibilitando ao educando a escolha da linguagem adequada ao contexto. Apesar da predominância do ensino da norma padrão, conscientizando os alunos sobre seu contexto de uso, os livros buscam contemplar, compreender, reconhecer e usar as demais variantes quando necessário.
A partir do exposto é possível perceber que as atividades pedagógicas dos Livros Didáticos de Língua Portuguesa evidenciam a imprescindibilidade de proporcionar ao aluno o domínio da norma padrão, de modo que ele possa utilizá-la como meio de acesso pleno ao contexto social, porém de forma razoável, trata das variações linguísticas visando não desvalorizar ou negar a linguagem espontânea da comunidade escolar.
Por isso, o estudo da variação nos livros didáticos cumpre um papel fundamental na formação da consciência linguística e competência discursiva dos alunos.
REFERÊNCIAS
	BAGNO, Marcos. Preconceito Lingüístico: o que é, como se faz?. ed. São Paulo: Edições Loyola, 1999. 
BRASIL/MEC/SEF. Parâmetros Curriculares Nacionais: terceiro e quarto ciclos do Ensino Fundamental: Língua Portuguesa. Brasília: MEC/SEF, 1998.
CASTILHO, Ataliba. Como as línguas nascem e morrem? Disponível em: http.//museudalinguaportuguesa.org.br/biblioteca. Acesso em 22 de novembro de 2020.
MOLLICA, Maria Cecília & Braga, Maria Luiza. Introdução à sociolinguística – o tratamento da variação. São Paulo: Contexto, 2010.
OLIVEIRA, Tania Amaral et.al. Tecendo Linguagens: Língua Portuguesa: 7° ano. 5.ed. São Paulo: IBEP, 2018. 
_______. Tecendo Linguagens: 8°ano. São Paulo: IBEP, 2018.
_______. Tecendo Linguagem: 9° ano. São Paulo: IBEP, 2018.
SILVA, Rita do Carmo Polli da. A socioliguística e a língua materna. Curitiba: InterSaberes, 2013.
1 Vanessa Przylepa
2 Josiane Amaral Goes Reis
Centro Universitário Leonardo da Vinci – UNIASSELVI – Licenciatura Letras-Português (FLX5068) – Prática do Módulo IV - 05/12/2020.

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.