A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
AV LOGISTICA

Pré-visualização | Página 2 de 2

do percentual de lucratividade, 
recuperação de valor e de ativos. 
 
 
 
 
ENSINEME: PLANEJAMENTO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO 
 
 
 8. 
 
Pontos: 1,00 / 1,00 
 
Canal de Distribuição é o conjunto de meios utilizados para fazer com que o 
produto ou serviço chegue desde o produtor até o consumidor final. O canal 
de distribuição pode ser direto ou incluir intermediários. As opções abaixo 
representam objetivos e funções dos canais de distribuição, EXCETO: 
 
 Garantir o fluxo de informações rápido e preciso entre os elementos 
participantes da cadeia; 
 Buscar de forma integrada e permanente, a redução de custos, 
atuando não isoladamente, mas analisando a cadeia de valor como um 
todo. 
 Atuar de maneira isolada em cada instalação, buscando a maior 
eficiência local; 
 Garantir a rápida disponibilidade do produto nos segmentos de 
mercado identificado como prioritários; 
javascript:alert('C%C3%B3digo%20da%20quest%C3%A3o:%204053264.');
 Garantir um nível de serviço pré-estabelecido entre os parceiros da 
cadeia de distribuição; 
 
 
 
 
ENSINEME: SISTEMAS LOGÍSTICOS DE DISTRIBUIÇÃO FÍSICA 
 
 
 9. Pontos: 0,00 / 1,00 
 
Os profissionais possuem olhares distintos sobre questões relevantes dentro 
das organizações e a soma desses olhares permite uma visão mais 
abrangente e complementar das organizações e de seus processos. Dentre 
as alternativas apresentadas qual delas melhor descreve o olhar do 
profissional de logística para o processo de distribuição física de produtos? 
 
 É um processo estratégico e de controle necessário para garantir o 
estoque mínimo dos produtos nos armazéns das organizações com giro 
máximo possível de estoque garantindo a entrega ágil dos produtos ao 
consumidor. 
 É um processo operacional e de controle de suprimentos, escolha, 
fabricação em terceiros in house, sem possibilidade de reciclagem 
mantendo a escala e por apresentar o fluxo logístico convencional 
 É um processo operacional e de controle necessário para realizar a 
transferência dos materiais desde o ponto onde eles são 
manufaturados até o ponto em que os produtos deverão ser entregues 
ao consumidor. 
 É um processo operacional e de controle de suprimentos, estocagem, 
acondicionamento, embalagem, compra, escolha, fabricação 
terceirizada em lotes, sem possibilidade de reuso, sem aumento de 
escala e por apresentar o fluxo logístico convencional 
 Aquisição, escolha, fabricação em terceiros, com ou sem possibilidade 
de remanufatura mantendo o plano mestre de produção e inventários 
de itens, insumos e mercadorias a custos competitivos e por 
apresentar o fluxo logístico indireto. 
 
 
 10. 
 
Pontos: 0,00 / 1,00 
 
As guerras e a cultura militar tiveram um papel importante para o 
desenvolvimento da logística. No contexto histórico qual foi a importância 
das guerras e das tecnologias militares para o processo logístico. 
 
 A ciência aplicada a tecnologia militar desde o século passado e 
principalmente ao longo das últimas três décadas fez com que o 
processo logístico se tornasse mais custoso e por consequência 
não permitiu o desenvolvimento logístico ao longo das 
últimas décadas na velocidade requerida pelo desenvolvimento 
econômico. 
javascript:alert('C%C3%B3digo%20da%20quest%C3%A3o:%203991580.');
javascript:alert('C%C3%B3digo%20da%20quest%C3%A3o:%203991579.');
 A partir da 2.ª Guerra Mundial, o termo logística empresarial, passou a 
ser adotado de forma mais sistematizada. A partir daí, logística passou 
a ser estendida abrangendo os segmentos distribuição física e 
suprimentos. 
 As grandes guerras mundiais mudaram o contexto geopolítico entre as 
nações e fizeram com que novas tecnologias industriais, incluindo a 
logística, surgissem primeiramente nos países desenvolvidos e depois 
para os países em desenvolvimento. 
 A 2.ª Guerra Mundial foi um conflito militar global, envolvendo a maioria 
das nações do mundo organizadas em duas alianças militares opostas. 
Em estado de "guerra total", os principais envolvidos dedicaram toda 
sua capacidade econômica, industrial e científica a serviço dos esforços 
de guerra, deixando de lado a distinção entre recursos civis e 
militares para a sua aplicação em logística. 
 A Primeira Guerra Mundial alterou radicalmente o mapa geopolítico da 
Europa, com a derrota dos Impérios Centrais (Áustria-
Hungria, Alemanha e Império Otomano). Os aliados vitoriosos, como 
França, Bélgica, Itália, Grécia e Romênia ganharam territórios, mas 
não investiram significativamente para o incremento do processo 
logístico.

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.