A maior rede de estudos do Brasil

Se trata de uma abolitio criminis?

Em virtude da crise econômica mundial, acarretada pela “quebra” de grandes instituições bancárias internacionais, com a retração de crédito para a população em geral e uma vertiginosa “fuga de capitais” do Brasil, que acarretam uma crise jamais no Sistema Financeiro Nacional, com ameaça à sobrevivência da economia do País, entra em vigor, na data de 12/11/08, a hipotética Lei Anti-Marolinha, com o escopo de facilitar o consumo. Aquela Lei cominou pena de dois a cinco anos de reclusão para a conduta de “deixar de conceder, injustificadamente, empréstimo bancário aos consumidores adimplentes”. Com o reaquecimento parcial do crédito, mas ainda sob os efeitos de atipicidade econômica, é alterada, em 27/03/09, a referida Lei, cominando a conduta precedente com pena de detenção, de 06 (seis) meses a um ano, e multa. Finalmente, com o crédito e o consumo restabelecidos no Brasil, com excelentes indicativos econômicos, é promulgada, em 12/11/09, a Lei Pró-Marolinha, revogando o delito acima capitulado. Na data de 13/11/08, o gerente do Banco do Brasil, LERDO LONTRA, foi preso em flagrante quando, sem justa causa, proibiu que fosse dado empréstimo aos clientes da sua agência. Com base nos dispositivos legais pertinentes, analise a situação jurídica de LERDO LONTRA na data de hoje, da 13/11/09. Justifique sua resposta.

 


6 resposta(s)

User badge image

Diogo Quintino

Há mais de um mês

Como a lei foi revogada não a mais crime!
Como a lei foi revogada não a mais crime!
User badge image

Diogo Quintino

Há mais de um mês

Como a lei foi revogada não a mais crime!
User badge image

Diogo Quintino

Há mais de um mês

Acho q errei, a lei não pode ser revogada, pois é uma lei excepcional ! O gerente vai ser condenado pela lei Pró-Marolinha, sendo q vai responder pela lei antiga, pois não existe retroatividade para leis temporais ou excepcionais!

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes