A maior rede de estudos do Brasil

É possível aplicar a Lei Maria da Penha a Lésbicas, Travestis e Transexuais?


4 resposta(s)

User badge image

Marcelo Souza

Há mais de um mês

Segue trecho de um julgado que corrobora a tese de aplicabilidade a quaisquer gêneros: "para a configuração da violência doméstica, não importa a espécie do agressor ou do agredido, bastando a existência de relação familiar ou de afetividade entre as pessoas envolvidas". (TJMG; 3ª Câm. Crim; Rec. em Sentido Estrito 1.0145.07.414517-1/001; Rel. Des ANTÔNIO CARLOS CRUVINEL; Data do Julgamento: 15/12/2009)

Segue trecho de um julgado que corrobora a tese de aplicabilidade a quaisquer gêneros: "para a configuração da violência doméstica, não importa a espécie do agressor ou do agredido, bastando a existência de relação familiar ou de afetividade entre as pessoas envolvidas". (TJMG; 3ª Câm. Crim; Rec. em Sentido Estrito 1.0145.07.414517-1/001; Rel. Des ANTÔNIO CARLOS CRUVINEL; Data do Julgamento: 15/12/2009)

User badge image

Ivanesio Jose

Há mais de um mês

A lei vale para proteção de todos os individuos que se comportem como mulheres.

User badge image

Leticia Borges

Há mais de um mês

A lei é clara, surgiu para coibir a violência do gênero feminino, mas como já foi aplicado por alguns tribunais há um projeto em lei o PL (8032/2014) que visa a alteração da Lei Maria da Penha para incluir " transgênero e transexuais " no rol de assegurados pela lei. Ainda, quanto as lésbicas não há nenhuma restrição na aplicabilidade delas, já que o gênero continua sendo feminino. 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes