A maior rede de estudos do Brasil

De que forma a linguagem melhora durante a segunda infância, e o que acontece quando o seu desenvolvimento é atrasado


1 resposta(s)

User badge image

Bárbara Vitória Verified user icon

Há mais de um mês

Crianças nessa idade apresentam crescente facilidade com a linguagem de forma a expressar sua visão de mundo particular. Desenvolvimento da pragmática.
Entre as idades de 3 e 6 anos, as crianças fazem avanços rápidos no vocabulário (expansão pela associação rápida), gramática e sintaxe (é normal cometerem erros porque ainda não aprenderam as regras e suas exceções, e tendem a generalizar).

Sobre o atraso no desenvolvimento da linguagem, podem estar associados problemas de audição, anormalidades da cabeça e da face, nascimento prematuro, histórico familiar, fatores socioeconômicos e outros atrasos do desenvolvimento.
Muitas crianças que falam tardiamente (especialmente aquelas cuja compreensão é normal) eventualmente recuperam. Mas se crianças com atraso na primeira linguagem não foram tratadas, podem experimentar consequências cognitivas, sociais e emocionais de longo alcance.


Fonte
Livro: desenvolvimento humano; papalia; 12 Edição
Crianças nessa idade apresentam crescente facilidade com a linguagem de forma a expressar sua visão de mundo particular. Desenvolvimento da pragmática.
Entre as idades de 3 e 6 anos, as crianças fazem avanços rápidos no vocabulário (expansão pela associação rápida), gramática e sintaxe (é normal cometerem erros porque ainda não aprenderam as regras e suas exceções, e tendem a generalizar).

Sobre o atraso no desenvolvimento da linguagem, podem estar associados problemas de audição, anormalidades da cabeça e da face, nascimento prematuro, histórico familiar, fatores socioeconômicos e outros atrasos do desenvolvimento.
Muitas crianças que falam tardiamente (especialmente aquelas cuja compreensão é normal) eventualmente recuperam. Mas se crianças com atraso na primeira linguagem não foram tratadas, podem experimentar consequências cognitivas, sociais e emocionais de longo alcance.


Fonte
Livro: desenvolvimento humano; papalia; 12 Edição

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes