A maior rede de estudos do Brasil

Considerando os conceitos de recursos humanos estratégicos como o profissional de recursos humanos deve agir para enfrentar o desafio proposto?

É comum ouvir profissionais de recursos humanos se queixando das tentativas frustradas para montar um departamento de recursos humanos, com todas as políticas e conceitos que escola lhe oferece - afinal, foram contratados pelas empresas para isso - mas o dono, que toma todas as decisões, lhe impede de implantar qualquer sistema básico de recursos humanos dizendo:ainda não é a hora

Vamos entender o que está acontecendo. O setor de recursos humanos foi criado por enormes corporações multinacionais que tinham tantos empregados que era impossível saber o nome de todos eles, e muito menos entender as necessidades básicas de cada um. Os programas básicos de recursos humanos, como planos de cargos e salários, avaliação de desempenho, entre outros, sempre partem do coletivo para o individual. Numa empresa familiar ocorre o contrário, o individual é que prevalece. Todos se conhecem pelo nome, e não raramente conhece detalhes da vida particular dos outros. O dono, ao contrário do presidente de uma corporação, é uma pessoa visível, ele chama o mecânico pelo apelido e participa de tudo, logo o interesse dele não é coletivizar a empresa, implantando normas que irão substituir uma boa e produtiva conversa.

Sendo um dono atendo ele decide contratar um especialista na área de recursos humanos para ajudá-lo a entender o que pode ser melhorado. Para fazer isso o profissional de recursos humanos precisa voltar às origens, que é entender o que os empregados de fato precisam, e levar as recomendações ao dono. A diferença está em implantar um departamento de recursos humanos tradicional, (pré-formatado) ou um departamento de recursos humanos prático, que nasce da observação do dia a dia.

Considerando os conceitos de recursos humanos estratégicos como o profissional de recursos humanos deve agir para enfrentar o desafio proposto?



Ainda não temos resposta. Você sabe responder?