A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
Patologia Médica - Sistema Urinario

Pré-visualização | Página 2 de 2

das alças capilares com hiperplasia dos 
podócitos, assumindo aspecto de pseudocrescentes. 
 
 
 
→ A resposta à corticoterapia é variável e evolui para 
insuficiência renal em ritmo variável. 
→ O mau prognostico ocorre quando há resistência inicial aos 
corticosteroides, níveis de proteinúria e creatinina no início do 
quadro clinico, esclerose glomerular em mais de 30% dos 
glomérulos e grau de fibrose intersticial. 
 
Glomerulonefrite Membranosa 
→ É uma causa frequente de síndrome nefrótica, ocorre em 
caucasianos, homens entre 40 e 60 anos. 
→ Pode ser autoimune ou secundária, sendo mediada por 
imunocomplexos. 
 
 
 
 
 
Glomerulonefrite Membranoproliferativa 
→ GN mesangiocapilar causada por espessamento de alças 
capilares e aumento da celularidade do tufo glomerular. 
→ A forma primaria (autoimune) ocorre em crianças e adultos, 
entre 8 e 40 anos. 
→ A forma secundaria se dá devido a neoplasias, doenças 
infecciosas como hepatite C, reumatológicas e genéticas. 
→ É uma síndrome nefrótica nefrítica. 
→ Ocorre o aumento global difuso do volume glomerular e das 
celularidades dos tufos, além do espessamento das alças 
capilares e aspecto de duplo contorno ou trilho de trem.