Semiologia
97 pág.

Semiologia


DisciplinaPráticas do Cuidar6 materiais30 seguidores
Pré-visualização29 páginas
GUILHERME DAMIANI ATM 2013/1
ÍNDICE
1. Anamnese ................................................................................................
2. Exame Físico ...........................................................................................
3. Semiologia Cabeça e Pescoço .................................................................
4. Semiologia Cardiovascular ......................................................................
5. Semiologia Respiratória ..........................................................................
6. Semiologia Digestiva ..............................................................................
7. Semiologia do Sistema Urinário .............................................................
8. Semiologia Neurológica ..........................................................................
9. Semiologia Endócrina .............................................................................
10. Semiologia do Sistema Locomotor ........................................................
11. Semiologia do Sistema Vascular ...............................................................
3
5
9
14
27
37
51
55
77
84
93
GUILHERME DAMIANI ATM 2013/1 2
ANAMNESE
\u2022 Tópicos fundamentais da clínica médica: diagnóstico, tratamento, prognóstico e 
prevenção. Dentre os instrumentos para diagnóstico, a anamnese é a principal 
ferramenta disponível.
\u2022 Consiste na reconstituição dos fatos relacionados a doença e vida do paciente.
Roteiro da Anamnese
\u2022 Indispensável saber ouvir e deixar o paciente contar sua história, da sua maneira.
\u2022 Inicia-se com a sua apresentação e o propósito do entrevistador.
\u2022 Iniciar a anamnese com uma pergunta aberta, dê tempo para o paciente responder e 
assuma uma atitude de quem está ali para ouvir \uf0e0 empregar perguntas mais focadas 
quando já estiver ouvido o paciente suficiente para ter alguma idéia diagnóstica.
\u2022 Objetivos: identificar o paciente, definir claramente sua queixa principal, detalhar 
como a queixa principal ocorreu e como evoluiu até o momento da entrevista e 
revisar sintomas que possam ter significância clínica. Deve também revisar como 
foi o desenvolvimento, a ocorrência de patologias prévias e o seu manejo, pesquisar 
a presença de sintomas ou diagnósticos significativos na família no círculo social 
próximo; definir as condições sociais que favorecem os desfavorecem o paciente ou 
modificam o risco e o prognóstico das patologias em questão.
\u2022 Queixa Principal: formulada a partir das palavras da pessoa, indica quais os motivos 
do paciente para a busca de auxílio médico.
\u2022 Os sintomas do paciente devem ser definidos claramente (ex.: se a queixa é cansaço, 
definir se há perda de força, dispnéia, perda da vontade ou fatigabilidade).
Elementos Básicos da Anamnese
\u2022 Identificação : nome, leito, registro, idade, sexo, raça/cor, estado civil, profissão e 
respectivo local de trabalho, naturalidade, procedência, religião, responsável, etc.
\u2022 Queixa Principal (ou motivo da internação) : poucas palavras (máximo 3), procurar 
usar expressão utilizada pelo paciente e evitar rótulos diagnósticos.
\u2022 História da Doença Atual (HDA) : relatar tudo que estiver relacionado à queixa 
principal, características específicas da queixa, início e evolução, duração, 
localização dos sintomas (e irradiação), relação com outros sintomas, relação com 
outros órgãos, situações que aliviam e que agravam os sintomas. É importante 
relatar doenças preexistentes: doenças que o paciente apresenta no momento da 
consulta e medicações em uso (utilizar nome do genérico ou especificar como marca 
registrada).
\u2022 Revisão de Sintomas : busca reconhecer enfermidades que não tenham relação com o 
quadro sintomatológico registrados na HDA \uf0e0 geral e nutrição, pele, cabeça, olhos, 
ouvidos, nariz e seios paranasais, boca e orofaringe, pescoço, mamas, sistema 
respiratório, circulatório, digestivo, geniturinário, endócrino, musculoesquelético, 
nervoso e psiquismo. 
\u2022 História Médica Pregressa : gestação e nascimento, desenvolvimento, puberdade, 
menarca e ciclo menstrual, doenças prévias, cirurgias e internações prévias, 
imunizações, uso de drogas, alcoolismo, tabagismo, alergias, transfusões de sangue.
\uf0e0 Nos casos de vícios é importante relatar tipo de droga, data de início e término 
(se houver) e quantidade.
\u2022 História Familiar : Cônjuge, filhos, pais e irmãos, falecimentos (causa e idade), 
doenças mais comuns (enxaqueca, diabetes, tuberculose, HAS, asma, cardiopatias, 
GUILHERME DAMIANI ATM 2013/1 3
câncer, doenças alérgicas, úlcera péptica, colelitíase e varizes). Investigar hábitos de 
vida (alimentação, habitação, ocupação atual e anteriores, atividade física).
\u2022 Perfil Sócio-Econômicas : educação, estilo de vida, com quem mora, rendimentos 
mensais, situação profissional, dependência de familiares, dependência de 
instituições, custo de medicação, nível cultural, vida conjugal, ajustamento familiar, 
boa relação.
Revisão de Sintomas agrupados em Sistemas
\uf0e0 Geral e nutrição: febre, calafrios, peso e variações, fraqueza, fadiga, sudorese, 
história prévia de anemia, predisposição e sangramentos.
\uf0e0 Pele: ictérica, lesões, prurido, alopecia, hirsutismo, lesões ungueais.
\uf0e0 Cabeça: tonturas, cefaléia, dor facial.
\uf0e0 Aparelho Ocular: alteração da visão, prurido, secreção, lacrimejamento, sensação 
de corpo estranho, fotofobia, diplopia, dor ocular, catarata, glaucoma (também 
história familiar).
\uf0e0 Aparelho Auditivo: deficiência auditiva, vertigem, dor, secreção, zumbido, 
sensação de pressão.
\uf0e0 Nariz e seios paranasais: epistaxe, secreção, prurido, crises de espirro, história de 
pólipo.
\uf0e0 Boca e orofaringe: lesões da mucosa, alterações nos dentes, estomatorragia, gota 
pós-nasal.
\uf0e0 Pescoço: disfonia, protuberâncias, dor ao movimento, disfagia, odinofagia, doença 
da tireóide.
\uf0e0 Mamas: nódulos, secreção, dor, relação dos sintomas com o ciclo menstrual, auto-
exame, história familiar de mastopatia.
\uf0e0 Sistema Respiratório: dor torácica, dispnéia, tosse, expectoração, hemoptise, 
sibilância (\u201cchiado\u201d).
\uf0e0 Sistema Circulatório: dor torácica, hipertensão arterial. Palpitações, dispnéia aos 
esforços, dispnéia paroxística noturna, ortopnéia, história de infartos do miocárdio 
ou febre reumática, sopros, claudicação intermitente, edema de extremidades, 
varizes, tromboflebite, alterações tróficas.
\uf0e0 Sistema Digestório: apetite, dor abdominal, distensão abdominal, uso crônico de 
laxantes, vômitos, hematêmese, náuseas, pirose, hábitos intestinais, hematoquezia, 
enterorragia, melenas, fezes em fita, acolia.
\uf0e0 Sistema Geniturinário: noctúria, polaciúria, urgência, incontinência, ardência 
miccional, hematúria, colúria, eliminação de cálculos, dor no flanco, lesões 
genitais, infertilidade, histórias de DST, pruridos, sangramentos.
\uf0e0 Sistema Endócrino: intolerância ao calor e ao frio, alterações dos pêlos, mixedema, 
retardo psicomotor (ou aceleração), polifagia, polidipsia, poliúria, retardo do 
crescimento, hirsutismo.
\uf0e0 Sistema Musculoesquelético: fraqueza, artralgia, mialgia, dor a mobilização, 
limitações dos movimentos, deformidades, traumatismos, cãibras.
\uf0e0 Sistema Nervoso e Psiquismo: paralisia, parestesia, síncope, história de transtornos 
circulatórios encefálicos, movimentos involuntários, amnésia, disfasia, alterações 
da marcha.
GUILHERME DAMIANI ATM 2013/1 4
EXAME FÍSICO
\u2022 Estado Geral
- BEG: bom estado geral.
- REG: regular estado geral.
- PEG: péssimo estado geral.
\u2022 Nível de Consciência: consciente (LOC = lúcido orientado e consciente), estado de 
vigília, obnubilado, sonolência, confusão mental,
Diva
Diva fez um comentário
Divasibral@i
0 aprovações
Carregar mais