objetiva instituições e organização do estado.docx
8 pág.

objetiva instituições e organização do estado.docx


DisciplinaAdministração160.853 materiais1.147.059 seguidores
Pré-visualização4 páginas
Instituições e Organização do Estado
Questão 1/10
Pelo princípio da ______________entende-se que o causador do dano (além do pagamento de eventuais multas) deve ser o único responsável pela obrigação de recuperar a área afetada pela sua atividade (tanto nos aspectos ambientais quanto sociais). Já o princípio da _____________serve para evitar a consumação de danos ao meio ambiente cujos resultados sejam conhecidos. 
 Assinale abaixo as expressões que complementam o conceito do princípio mencionado.
	
	A
	precaução; prevenção.
	
	B
	reparação; precaução.
 
	
	C
	prevenção; precaução.
 
	
	D
	reparação; prevenção.
Você acertou!
Pelo princípio da reparação entende-se que o causador do dano (além do pagamento de eventuais multas) deve ser o único responsável pela obrigação de recuperar a área afetada pela sua atividade (tanto nos aspectos ambientais quanto sociais).  Infelizmente, existem danos ambientais que são impossíveis de serem reparados, mesmo com a disponibilidade de imensos recursos.
Realmente o princípio da prevenção serve para evitar a consumação de danos ao meio ambiente cujos resultados sejam conhecidos. A antecipação do possível dano ambiental, e de quaisquer problemas ocorridos pela alteração do meio ambiente, coincide com este princípio, que preza pelo cuidado e pela ação preventiva, de modo a corrigir a ação no seu princípio. (VENERAL; SOUZA, 2014). A precaução, por outro lado, corresponde ao princípio da proteção contra um risco potencial de dimensões ainda desconhecidas, sendo necessários mais estudos e maiores cuidados para que seja evitado um dano irreparável futuramente. Assim, \u201ca precaução não tem por finalidade imobilizar as atividades humanas, visa à durabilidade da sadia qualidade de vida das gerações humanas e à continuidade da natureza existente no planeta\u201d (Machado, 2010).
	
	E
	 indenização; recuperação.
Questão 2/10
A partir da década de 70, com o processo de estagnação econômica, passou-se a defender que os encargos sociais assumidos pelo Estado, assim como a regulamentação da economia destruíam \u201ca liberdade dos cidadãos e a competição, sem as quais não há prosperidade\u201d (CHAUI, 2010, p.499). O Estado precisaria encolher novamente, dedicando sua atenção à estabilidade da moeda e à reforma tributária, com vistas a facilitar a vida das empresas. Combate-se o intervencionismo econômico, por considera-lo implicitamente totalitário (HEYWOOD, 2010, p.98).
Estas receitas econômicas, que buscam adaptar o liberalismo econômico às características do capitalismo moderno, formaram uma doutrina que costuma ser chamada de: 
	
	A
	Socialismo
	
	B
	Neoliberalismo
Resposta correta alternativa B
As alternativas A e C estão erradas, pois não se trata de socialismo ou comunismo , as saídas propostas pelo enunciado da questão não refletem as saídas socialistas  e comunistas como fim da propriedade privada, do estado etc., muito pelo contrário, é um retorno ao liberalismo.
A alternativa B está correta pois o Estado Neoliberal é justamente o que surge das ruínas do Estado de Bem Estar Social, portanto, o sucede e adota as mesmas saídas do Liberalismo de não intervenção do Estado na Economia, ou seja , volta-se à crença no poder autorregulador da economia de mercado
A alternativa D não está correta, pois quando nos referimos ao \u201ckeynesianismo\u201d (ideias de Keynes ganharam bastante força com o fim da Segunda Guerra Mundial (1939-1945)),  falamos de injeção de recursos públicos na economia, subsidiando empresas privadas, investindo em obras de infraestrutura e até mesmo criando empresas \u201cestatais\u201d. Keynes sustenta não haver mais razão para se apoiar a política de um Estado passivo, que evita atuar na economia devido à crença no poder autorregulador da economia de mercado. Era preciso combater o desemprego e aumentar o nível de atividade econômica estimulando a produção de bens de capital e o consumo. Em época de crise, recomendava-se que o governo ampliasse a quantidade de dinheiro na economia aumentando os gastos públicos ou reduzindo a carga de tributos. Nada mais distante do que propõem o enunciado da questão.
A alternativa E não está correta, pois se está descrevendo o momento de retorno das ideias liberais, o novo liberalismo!
	
	C
	Comunismo
	
	D
	Keynesianismo
	
	E
	Liberalismo
Questão 3/10
Foi definido pela Comissão Mundial sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento (1991) como \u201caquele que atende às necessidades do presente sem comprometer a possibilidade de as gerações futuras atenderem as suas próprias necessidades\u201d (CRETELLA NETO, 2012, p. 89). 
Estamos nos referindo ao:
	
	A
	Princípio da Reparação Ambiental
	
	B
	Princípio do Desenvolvimento Sustentável
A Conferência de Estocolmo sobre meio ambiente (1972) teve o mérito de concluir que os recursos ambientais corriam o risco de serem esgotados pela ação humana. Embora todo ser humano tenha o direito de buscar melhores condições de vida, o desenvolvimento deve ser alcançado de forma sustentável, impedindo o esgotamento dos recursos naturais e garantindo que as próximas gerações também possam usufruir do meio ambiente. É necessário buscar, portanto, um ponto de equilíbrio entre economia, desenvolvimento e meio ambiente. Falamos então de princípio do desenvolvimento sustentável que foi definido pela Comissão Mundial sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento (1991) como \u201caquele que atende às necessidades do presente sem comprometer a possibilidade de as gerações futuras atenderem as suas próprias necessidades\u201d (CRETELLA NETO, 2012, p. 89).
Assim, as demais alternativas estão incorretas.
	
	C
	Princípio do Consumo Consciente
	
	D
	Princípio da Prevenção
	
	E
	Princípio da Precaução
Questão 4/10
O e-business representa uma realidade que não pode ser ignorada pelos empreendedores do século XXI. Contudo, devido às rápidas transformações oferecidas pela tecnologia e pelo mundo virtual, ele funciona em um ambiente onde a lei e a força do Estado ainda não conseguiram se fazer totalmente presentes. A tecnologia continua avançando a passos largos e propostas normativas que foram apontadas há apenas cinco anos já se encontram obsoletas. Ademais, em muitos casos, a regulamentação imposta pelos Estados não se mostrou adequada à tecnologia ou foi considerada como violadora da privacidade dos internautas: há um choque entre o acesso ao conhecimento; frente à liberalidade proporcionada pela internet. 
Estamos nos referindo ao problema do:
	
	A
	risco a segurança dos contratos
	
	B
	riscos aos interesses dos consumidores
	
	C
	risco de práticas abusivas pelo e business
	
	D
	risco em relação a territorialidade
	
	E
	risco à violação de direitos autorais, a \u201cpirataria\u201d
Você acertou!
A tecnologia continua avançando a passos largos e propostas normativas que foram apontadas há apenas cinco anos já se encontram obsoletas. Ademais, em muitos casos, a regulamentação imposta pelos Estados não se mostrou adequada à tecnologia ou foi considerada como violadora da privacidade dos internautas.  Neste último caso estão as propostas de combate à violação de direitos autorais (vulgo \u201cpirataria\u201d) que foram tentadas nos Estados Unidos e na França.  Conforme salientado por Patrícia Pinheiro, \u201co ritmo de evolução tecnológica será sempre mais veloz que o da atividade legislativa\u201d.
Questão 5/10
Para ele o poder e a soberania pertencem \u201cde modo absoluto ao Estado, que, por meio das instituições públicas, tem o poder para promulgar e aplicar as leis, definir e garantir a propriedade privada e exigir obediência incondicional dos governados, desde que respeite dois direitos naturais intransferíveis: o direito à vida e o direito à paz\u201d (CHAUI, 2010, p.466). Por conta disto, é considerado um dos teóricos do Absolutismo.
A que teórico o enunciado da questão está se referindo?
	
	A
	Maquiavel
 
	
	B
	Locke
	
	C
	Rousseau
	
	D
	Hobbes
A alternativa a ser marcada é a letra D
Embora filósofos como Hobbes, Locke e Rousseau estivessem