4. PSICOLOGIA SOCIAL
15 pág.

4. PSICOLOGIA SOCIAL


DisciplinaPsicologia do Consumidor II5 materiais93 seguidores
Pré-visualização1 página
Psicologia social 
 
 
Aparência influencia julgamento sobre 
personalidade. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
\u2022 Atratividade física 
atribuição de características 
desejáveis: sociáveis , amigáveis, 
equilibradas,cordiais 
 ( Dion 1986, Eagly,1991) 
 
 
\uf0e0Rosto de bebê 
\uf0e0 honestas, confiáveis, cordiais, 
submissas, desamparadas, 
ingênuas (Zebrowitz,1996) 
 
 
 
Convicções amplamente mantidas de que as pessoas têm 
características específicas porque integram um grupo particular. 
 
 
\uf071 Poupam energía simplificando o 
mundo social. 
 
 
\uf071 Supergeneralizações 
 
 
\uf071 Percepção: subjetiva. 
 
\uf071 Inclinação egocêntrica. 
Esterótipos 
Tendenciosidade na percepção 
interpessoal 
 Ingroup: 
 
 pertencimento ou 
identificação 
\uf0e0 Percepção favorável 
Outgroup: 
 
 estereotipos negativos 
\u201csão todos iguais\u201d, 
\u201celes são inferiores\u201d 
 
 
Preconceito: presença arraigada na memória 
 de associações e atitudes negativas em relação a 
membros de um grupo. 
 
 
\uf076 Aprendizagem por 
observação. 
 
 
\uf076 Reforçado por aprovação. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Como atuam? 
 
\u2022 \u201cPostura automatizada\u201d 
 
\u2022 Pressionados, cansados 
 julgamento não resulta da 
reflexão. 
 
\u2022 Curiosidade! 
 
\u2022 Preconceito reprimido 
pressiona cada vez 
mais por expressão. 
 
 
 
 
\u2022 Facilitam o processamento 
de informação. 
 
 
 
 
\u2022 Escudo protetor da 
autoestima. 
 
Mecanismos responsáveis pelo preconceito 
1.Para justifica-lo \uf0e0 recorremos a amostra distorcida 
 
2. Contemplamos nosso grupo como diferenciado: os 
demais como massa homogênea 
 
3. O que contraria o estereótipo é visto como exceção. 
 
4.desconsideramos informações que questionem nosso 
juízo 
 
5. a mesma ação é interpretada de forma diferente, 
dependendo de quem a pratica 
 
6.portadores e vítimas de preconceito comportam-se de 
modo a confirmar os estereótipos. 
 
\u2022 Medo existencial. 
 
 
 
 
\u2022 Quando inseguros 
vemos com outros 
olhos o diferente. 
 Coletivismo 
 
\uf0d8 Metas grupais antecedem às 
pessoais. 
 
\uf0d8 identidade sustenta-se 
 nos grupos de pertencimento 
(família, grupo de trabalho, classe 
social,casta). 
 
\uf0d8 Padrão de educação 
\uf0d8 Obedediência, confiabilidade 
\uf0d8 Comportamento apropriado. 
 
 Individualismo 
 
 
Priorizar metas pessoais em 
detrimento das grupais. 
 
Identidade: Ênfase no sujeito. 
 
Padrão de educação: 
 
independencia 
autoestima 
Autoconfiança 
competição . 
Conformidade 
\u2022 Solomon Asch (década de 
1950) 
 
 
 
 
 
\u2022 Rendir-se a uma pressão 
social ou imaginária. 
 
\u2022 Maior nível de conformidade 
em culturas coletivistas. 
 
\u2022 Em grupos maiores 
 
\u2022 conformidade se eleva 
 
\u2022 \u201cmoda\u201d 
\u2022 \u201cpara evitar reclamações\u201d 
\u201cpara não ser questionado\u201d 
 
Obediência 
\u2022 Submissão aos comandos diretos de alguém que ocupa 
posição de autoridade. 
 
\u2022 Stanley Milgram (1963). 
 
\u2022 40 homens 
\u2022 Falso gerador de choque 
\u2022 Aprendiz\uf0e0\u201cExperiência de aprendizagem\u201d. 
 
 
\u2022 65% administraram 30 níveis de choque. 
 
 
\u2022 \u201cA essencia da obediência é 
que uma pessoa passa a ver 
a si mesma como o 
instrumento para executar 
os desejos de outra pessoa 
e, portanto, não mais se 
considera responsável por 
suas ações\u201d . 
 
 Milgram