Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
8 pág.
QUESTIONÁRIO DE PERCEPÇÃO

Pré-visualização | Página 1 de 2

1-) Defina Percepção.
Percepção refere-se ao produto dos processos psicológicos nos quais o significado, as relações com o mundo, o contexto, o julgamento, as experiências passadas e a memória desempenham um papel
A percepção envolve organização, interpretação e atribuição de sentido àquilo que os órgãos sensoriais processam inicialmente.
2.) Defina Sensação
Sensação refere-se ao processo inicial de detecção e codificação da energia ambiental. É o contato inicial entre o organismo e o ambiente. Esse contato se dá através de unidades neurais especializadas ou células receptoras que reagem a tipos específicos de energia.
3.) Quais são as características da Percepção?
Processo psicológico;
Interpretação dos fenômenos;
Busca de significados por meio de memória, julgamento e experiência passada;
Envolve organização, interpretação e atribuição de sentido àquilo que os órgãos sensoriais processam.
4.) Quais são as características da Sensação?
Processo inicial de detecção de energia ambiental;
Janela que recebe pressão, calor, substâncias químicas;
Experiências imediatas;
Consciência de qualidades (duro, quente).
5.) Por que estudar a sensação e percepção?
PORQUE seus conceitos e temas são essenciais para a história da ciência, em geral, e fundamentais para a psicologia experimental, em particular.
Esses conceitos são importantes para o conhecimento e tomada de consciência no presente de nós próprios e de nosso ambiente.
Esses conceitos são intimamente ligados a aspectos importantes da nossa interação diária com o ambiente. Por exemplo, há uma vasta relação de aparelhos que são projetados para a extração de informações significativas pelos sistemas sensoriais humanos: Semáforos, automóveis, relógios, telefones, aparelhos de som, imagens de vídeo, etc.
Finalmente, estudamos a sensação e a percepção porque são tópicos intrinsecamente interessantes que nos ajudam a responder a questões básicas relativas a nossa experiência diária, especialmente como vemos, ouvimos, sentimos o gosto e usamos os outros sentidos.
6.) Destaque duas raízes históricas da sensação e da percepção:
Séc. V a.C. = Platão e Aristóteles já se interessavam como adquirimos conhecimento do mundo ao nosso redor.
Séc. XVII e XVIII = Empirismo. Todo conhecimento resultado do aprendizado das associações e da experiência fornecida pelos sentidos.
Séc. XIX = Estruturalismo de Wundt e Titchener. Objetivava descobrir elementos mais simples e básicos da experiência consciente, as sensações elementares
7.) Destaque as influências do Século XX para a fundação dos estudos da Psicologia da Percepção.
Psicologia da Gestalt: a imagem só tem sentido quando duas partes são conectadas, pois pontos isolados não tem valor.
Abordagem construtuvista: propõe que uma percepção é mais do que simplesmente a entrada de estímulos informativos, é uma construção mental baseada em nossas estratégias cognitivas, em nosso conjunto de experiências passadas, nossas tendenciosidades, expectativas, motivos, atenção, etc.
Percepção direta: percepção é o processo natural, por meio da adaptação do organismo percebedor e o ambiente físico.
Abordagem computacional: o ambiente nos fornece as infomações necessárias à percepção e a natureza nos exige resolução de problemas.
Abordagem neurofisiológica: as estruturas e os processos do sistema sensorial analisam os estímulos sensoriais que nos chegam para nos fornecer informações sobre o ambiente.
8.) Percepção é uma disciplina interdisciplinar? Explique.
Sim, pois transita por questões da física, da química e da matemática.
9.) Destaque a abordagem mais recente sobre o estudo da percepção e explique seu objetivo:
Neurociência cognitiva: descobrir o desempenho do cérebro diante de atividades complexas, como pensar e perceber.
10.) Aponte a relação da Gestalt com o estudo da Percepção:
A relação é de sentido. A imagem só tem sentido quando suas partes são conectadas, pois pontos isolados não têm valor.
11.) Caracterize a célula nervosa:
São elementos básicos do sistema nervoso;
São os principais processadores e transmissores das informações utilizadas pelo corpo;
Cada neurônio é uma célula individual e trabalha como uma unidade básica de comunicação dentro do sistema nervoso;
Há diferentes tipos de neurônios, cada um com sua especialidade para desempenhar uma atividade neural específica.
12.) Em relação à natureza do estímulo para os quais são sensíveis os receptores sensoriais podem ser classificados em:
Mecanorreceptores;
Termorreceptores;
Fotorreceptores;
Quimiorreceptores;
Alguns autores acrescentam um quinto grupo referente aos receptores da dor:
 Nociceptores.
13.) Pelo que são responsáveis os Mecanorreceptores?
São responsáveis pelas sensações táteis e auditivas.
14.) Pelo que são responsáveis os Termorreceptores?
Detectar estímulos da natureza térmica, como a variação de temperatura.
15.) Pelo que são responsáveis os Fotorreceptores e onde estão situados?
Os fotorreceptores estão situados nos olhos, e captam estímulos de luz.
16.) Pelo que são responsáveis os Quimiorreceptores?
São capazes de detectar substâncias químicas. Responsáveis pelos sentidos de paladar e olfato.
 17.) Onde se situam os Nociceptores e pelo que estão responsáveis?
Estão espalhados por quase todo o corpo e respondem à estimulação mecânica, térmica e química, desde que muito intensa.
18.) Destaque as duas áreas onde os Nociceptores não estão presentes:
O cérebro e o colo do útero não possuem receptores para a dor.
19.) Classifique os receptores sensoriais com ênfase à relação espacial entre o organismo e os estímulos:
Três grupos:
Exterorreceptores – Telerreceptores e Proxirreceptores.
Propriorreceptores
Interorrecpetores
20.) O que detectam os Exterreceptores? E como eles se dividem?
Detectam estímulos das regiões externas do corpo, ou seja, do ambiente, como a luz, calor, sons e pressão.
- Quando os estímulos estão distantes como visuais e auditivos são denominados Telerreceptores.
- Quando os estímulos estão próximos como os gustativos, olfativos e cutâneos, são denominados Proxirrecepetores.
21.) O que detectam os Propriorreceptores?
Detectam estímulos do interior do corpo, como movimento, postura e equilíbrio do corpo.
 Este conjunto de receptores é responsável por comportamentos como andar a pé ou de motocicleta, falar, assobiar, suspirar, afagar e beijar. 
Permitem-nos tomar conhecimento de modificações que acompanham nossas emoções como “batidas fortes do coração”, “nó na garganta”, “aperto no peito”, etc.
22.) O que detectam os Interorreceptores?
Detectam estímulos das regiões internas do corpo, como por exemplo, fome, sede e sexo. Trata-se de modificações de funções orgânicas, devidas a alterações na concentração de diversas substâncias no organismo. Por exemplo, sais minerais, oxigênio, gás carbônico e hormônios. 
23.) O que é transdução?
Transdução é a transformação, ou tradução de um tipo de energia em outro.
É o processo que caracteriza as células receptoras dos órgãos dos sentidos.
Todas as células receptoras, não importa qual a sua especialização, transformam a energia por elas captada, em um único tipo de energia, comum a todo o sistema nervoso: a energia eletroquímica, cuja principal característica é o fluxo de íons através da membrana celular, podendo dar origem ao impulso nervoso.
A resposta das células consiste em uma mudança no potencial de repouso de suas membranas. Por exemplo, tanto um fotorreceptor do olho quanto um termorreceptor da pele, quando estimulados, darão origem a uma mesma resposta: modificação do estado iônico e de suas membranas, a este processo chamamos transdução.
25.) O que acontece depois da transdução?
Depois que o receptor transformou em energia eletroquímica a energia recebida do ambiente, ela
Página12