A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Avaliando Aprendizado Aula 05 Metodologia Alfabetização e Letramento

Pré-visualização | Página 1 de 1

CEL0547_EX_A5_201408469936 » de 50 min.09:12 
Aluno: GRAZIELLE DE OLIVEIRA SILVA Matrícula:
Disciplina: CEL0547 - MET. PRAT. DE ALFAB Período Acad.: 2014.3 
 
 
Prezado (a) Aluno(a), 
 
Você fará agora seu EXERCÍCIO DE FIXAÇÃO! Lembre-se que este exercício é opcional, mas não valerá ponto para sua avaliação. O 
mesmo será composto de questões de múltipla escolha (3). 
Após a finalização do exercício, você terá acesso ao gabarito. Aproveite para se familiarizar com este modelo de questões que será usado na 
sua AV e AVS. 
 
1. Muitos educadores se percebem duvidosos no momento em que precisam planejar uma atividade cotidiana 
para alfabetização. Das atividades abaixo, qual NÃO se refere à concepção de alfabetização como um 
processo discursivo? Marque a resposta correta. 
 
Trabalho com jornais em suas diferentes sessões para a criança compreender a sua função social e as 
possibilidades de extração de informações importantes para ao dia-a-dia. 
 
Trabalhos com diferentes linguagens que permitem diferentes interpretações e produções em outras linguagem 
sobre o tema. 
 
Trabalho com cópias em caderno de caligrafia para criança construir uma boa coordenação motora fina que é a 
condição fundamental para a boa escrita. 
 
Trabalho com diferentes textos que ensinem à criança a criar expectativas em relação ao que vai ler e a obra de 
determinados autores. 
 
Trabalho com rótulos, embalagens, mapas cartográficos, previsão do tempo e quaisquer outros textos que ajudem 
a criança a se organizar na sociedade e obter informações importantes. 
2. Considerando-se as ideias de Vygotsky em relação à linguagem, é INCORRETO afirmar que ela é: 
 sem ela não haveria pensamento 
 responsável pela interação e, por isso, é social. 
 relaciona o sujeito à realidade que o cerca. 
 desenvolvida a partir de práticas repetitivas 
 uma forma de materializar o pensamento. 
3. A concepção sócio-cultural de desenvolvimento e aprendizagem apresenta uma nova concepção de 
alfabetização, dentro da qual o sujeito tem que representação?
 
As práticas de linguagem contribuem para que o sujeito esteja sempre se desafiando a construir individualmente 
esquemas de conhecimento cada vez mais sofisticados para interagir com as demandas da sociedade letrada,
 
Um sujeito ativo que introjeta e transforma a cultura em que vive a partir de práticas discursivas que são usadas 
na escola como forma de resgatar a sua subjetividade e dar a autoria requerida nos processos de comunicação. 
Sua formação é social e acontece em todas as práticas de enunciação vivenciadas.
 
As práticas de linguagem fomentam a formação de um leitor e escritor que primeiro se alfabetize nos sistemas de 
informação e nas tecnologias de midiáticas para somente depois, terem competência no uso da língua mãe.
 
Um sujeito que precisa ter seus conhecimentos sobre a leitura e escrita modelados, pois nasce completamente 
despreparado para viver em sociedade e precisa receber reforços positivos para todas as respostas corretas que 
emitir em relação às práticas de linguagem da sociedade.
 
Um sujeito que vive permanentemente treinando as formas corretas de comunicação e expressão, pois somente 
essas são aceitas pela gramática normativa.
Página 1 de 2Exercício
12/11/2014http://simulado.estacio.br/bdq_simulados_exercicio.asp?p0=545790960&p1=1446406...
 
Exercício inciado em 12/11/2014 13:06:41. 
 
 
 
 
 
 
 
4. Vygotsky considera que a criança deve colocar o conhecimento adquirido na escola a serviço de práticas 
socialmente contextualizadas. Para isso, durante a alfabetização ela NÃO deve: 
 
ler jornais e sites de notícias com as crianças para ensinar o gênero informativo e formativo que se intercruzam 
dialeticamente. 
 realizar cópias e ditados que priorizem a forma em detrimento do conteúdo da escrita. 
 trabalhar com textos reais e situações adequadas às condições escolares. 
 produzir textos nas suas formas mais variadas. 
 utilizar a leitura e a escrita em práticas socialmente contextualizadas. 
5. O trabalho com o jornal em sala de aula é uma interessante atividade que pode ajudar o professor a 
alfabetizar letrando por diferentes razões. NÃO é uma dessas razões o fato de: 
 jornal ser um material rico em diversidade dos gêneros textuais 
 o jornal ser um portador de texto com diversos tipos de gêneros. 
 a criança poder produzir um jornal em parceria com o professor.
 o professor utilizar o jornal na aplicação e fixação de regras ortográficas. 
 ser possível trabalhar a diferença entre o jornal impresso e o jornal disponível na Internet. 
6. Nas afirmativas abaixo, tem-se as contribuições de Vygotsky para a alfabetização, EXCETO. 
 A aprendizagem é a aquisição de uma técnica e para tal deve-se preparar o aluno com exercícios de cópia. 
 A proposta pedagógica deve estar organizada para dar voz e vez a criança. 
 Deve-se considerar o discurso da própria criança durante o processo de alfabetização. 
 
Leitura pode ser trabalhada partir de diferentes gêneros discursivos,pois quanto mais a criança conhece os 
gêneros, mais fácil será a sua compreensão. 
 
Os discursos orais que poderão se organizar em discursos escritos das crianças serão os conteúdos de trabalho do 
professor alfabetizador mediador. 
 
 FINALIZAR AVALIANDO O APRENDIZADO 
 
 
Legenda: Questão não respondida Questão não gravada Questão gravada
Página 2 de 2Exercício
12/11/2014http://simulado.estacio.br/bdq_simulados_exercicio.asp?p0=545790960&p1=1446406...