Crescimento: baixa estatura - Questões resolvidas
4 pág.

Crescimento: baixa estatura - Questões resolvidas


DisciplinaPediatria I5.868 materiais50.203 seguidores
Pré-visualização4 páginas
QUESTÕES
2017 - FMUSP-RP
1. Um menino de 10 anos queixa-se de dores difusas nas panturrilhas e na região pré-tibial (bilateral) há 12
meses. São dores fortes, que aparecem principalmente no fim da tarde. Às vezes, a criança acorda à noite
por causa da dor. Nota que as dores são mais intensas nos dias em que ele tem aula de futebol na escola. A
mãe não nota qualquer alteração objetiva nas pernas (edema, calor, vermelhidão), e as dores melhoram
com massagens l ocais ou compressas mornas sobre as regiões do lorosas. A criança nega qualquer outra
queixa e, ao exame físico, não apresenta qualquer alteração. Diante disso, é correto afirmar que:
a) o diagnóstico mais provável é dor de crescimento
b) considerando a faixa etária da criança e o local da dor, uma hipótese provável é febre reumática
c) considerando que a dor acorda a criança à noite, a hipótese a ser considerada é a leucemia linfoide aguda,
que pode se apresentar como dores nos membros
d) este é um caso típico de dor psico gênica, relacio nada ao medo de participar das aulas de futebol na escola
2017 - UERJ
2. Um lactente de 18 meses é trazido ao pediatra, pois a mãe acha que a criança parou de crescer. Na
anamnese dirigida, refere que a c riança apresenta episódios de distensão abdominal e diarreia f requentes
e intermitentes, sem a presença de sangue. Segundo a mãe, o quadro de diarreia se i niciou por volta dos 9
meses, após a introdução completa da dieta complementar. Ao exame, nota-se uma criança hipocorada,
com abdome distendido, porém sem sinal de irritação peritoneal, com o restante do exame físico sem
alterações. À avaliaç ão nutricional, apresenta-se abaixo do escore z = -3 em estatura para idade e entre os
escores z = -2 e -3 em peso para estatura e IMC para idade. Tem hemograma r ecente, que mos tra anemia
ferropriva. A principal hipótese diagnóstica e a classificação nutricional para esse caso, respectivamente,
são:
a) giardíase; baixa estatura para idade e eutrófica
b) intolerância a lactose; baixa estatura para idade e eutrófica
c) doença celíaca; muito baixa estatura para idade e magreza
d) síndrome do intestino irritável; muito baixa estatura para idade e magreza
2016 - UNITAU
3. J.K.L., de 10 anos e 6 meses, em estágio de Tanner M2P2, c om peso = 44kg, estatura = 143cm e IMC =
22kg/m2 (percentil entre 85 e 95). Assinale a alternativa que indica os diagnósticos corretos:
a) puberdade precoce e obesidade
b) peso adequado e puberdade adequada
c) baixo peso e puberdade atrasada
d) sobrepeso e puberdade adequada
e) peso adequado e puberdade precoce
2016 - PUC-RS
4. Com base no Gráfico, registre e interprete as 3 situações clínicas e considere as afirmativas a seguir:
Fonte: Ministério da Saúde.
- Criança A: 4 meses; peso atual: 7kg; peso ao nascer: 2,8kg;
- Criança B: 6 meses; peso atual: 4,8kg; peso ao nascer: 2,5kg;
- Criança C: 12 meses; peso atual: 7,7kg; peso ao nascer: 3kg.
I - A criança A está em risco para obesidade, considerando seu peso de nascimento.
II - A criança B tem peso muito baixo para a idade.
III - A criança C tem peso baixo para a idade, situando-se na faixa de magreza.
Está(ão) correta(s):
a) I, apenas
b) II, apenas
c) I, II
d) II, III
e) I, II, III
2015 - UNAERP
5. Um lactente de 6 meses vem para consulta de puericultura. O exame da cavidade oral revela ausência de
dentes. Qual é a idade média para a erupção do 1º dente?
a) de 2 a 4 meses
b) de 4 a 6 meses
c) de 6 a 8 meses
d) de 8 a 10 meses
e) de 10 a 12 meses
RESPOSTAS
Questão 1. Analisando as alternativas:
a) Correta. A dor de crescimento também é chamada de dor recorrente inespecífica nos membros.
b) Incorreta. A febre reumática é caracterizada por artrite migrató ria, com predileção po r grandes articulações.
c) Incorreta. A leucemia linfoide aguda é uma doença de evolução aguda, não compatível com o quadro.
d) Incorreta. A dor não atrapalha nem impede que a criança desempenhe suas atividades diárias.
Gabarito = A
Questão 2. Para responder a esta questão, precisamos relembrar a classificação de acordo com as tabelas de
estatura, peso/estatura e IMC para idad e. De aco rdo com a Tabela estatura para idade, os pacientes com
valores acima do escore z = -2 são classificados como estatura adequada para idade; entre -2 e -3, baixa
estatura para idade; abaixo do z escore -3, muito baixa estatura para idade.
Com relação às tabelas de peso por estatura e IMC por idade, o s valores entre escore z = +1 e -2 são
considerados como eutrofia; entre os escores z = -2 e -3, m agreza; abaixo do esco re z = -3, magreza acentuada.
Analisando as alternativas:
a) Incorreta. A giardíase crônica poderia cursar com a desnutrição por absorção, mas não teria quadro
intermitente.
b) Incorreta. A intolerância a lactose é uma doença rara nessa faixa etária e não comprometeria o ganho
ponderoestatural.
c) Correta. A doença celíaca caracteristicamente se inicia entre 6 meses e 2 ano s, após a introdução do glúten
na dieta. Caracteriza-se por diarreia crônica, baixo ganho ponderal ou perda de peso.
d) Incorreta. A síndrome do intestino irritável é uma diarreia crônica sem causa estrutural ou bioq uímica
adjacente que não compromete o estado nutricio nal da criança.
Gabarito = C
Questão 3. A 1 ª manifestação mais frequente de puberdade nas meninas é o aparecimento do broto mamário
(M2) e, nos meninos, o aumento do volume testicular (G2). Não um a relação estabelecida entre
determinado estadio puberal e determinada idade cronológica, entretanto a puberdade deve iniciar-se em
meninas entre 8 e 13 anos e, em meninos, entre 9 e 14 anos. Em geral, a menarca após os 16 anos é
considerada tardia, mas toda a história clínica deve ser levada em consideração. Com relação à velocidade de
crescimento, verifica-se o pico da velocidade de crescimento no sexo feminino quando as mamas apresentam
estadio 3. No sexo masculino, esse pico é alcançado no estadio 4 do des envolvimento da genitália externa. O
diagnóstico antropométrico para crianças entre 5 e 19 anos é dado a partir do valor do IMC segundo os
seguintes critério s:
Valores de referência para diagnóstico do estado
nutricional utilizando as curvas de IMC para idade, da Organização Mundial da Saúde
Valor encontrado na criança
Diagnóstico nutr icional
<percentil 0,1
<escore z -3
Magreza acentuada
≥percentil 0,1 e <percentil 3
≥escore z -3 e <escore -2
Magreza
≥percentil 3 e <percentil 85
≥escore z -2 e <escore +1
Eutrofia
≥percentil 85 e <percentil 97
≥escore z +1 e <escore +2
Sobrepeso
≥percentil 97 e ≤percentil 99,9
≥escore z +2 e <escore +3
Obesidade
>percentil 99,9
>escore z +3
Obesidade grave
Trata-se de paciente que já adentrou a puberdade e apresenta sobrepeso (IMC entre p85 e p97).
Gabarito = D
Questão 4. A criança B apresenta-se abaixo do percentil 3 para idade e é classificada com peso muito baixo
para idade. A criança A apresenta-se entre os percentis 50 e 90 para idade, considerada adequada para idade.
E a criança C está entre os percentis 10 e 50, sendo considerada adequada para idade.
Gabarito = B