ativ. psicofarmacologia
6 pág.

ativ. psicofarmacologia

Disciplina:Psicofarmacologia @emunys19 materiais23 seguidores
Pré-visualização2 páginas
Psicofarmacologia
1 – Unidade de Ensino

1) Para facilitar à didática a forma mais difundida e aceita de classificação do sistema nervoso central é uma divisão em três categorias, sendo elas estimulantes que promovem alerta, depressores que acarretam letargia e por fim as perturbadoras que alteram a percepção dos sentidos.
São substâncias depressoras, perturbadoras e estimulantes do sistema nervoso central, respectivamente?
Álcool, Mescalina e Cafeína.

2) Muito embora apresentem significados distintos droga e fármaco são amplamente utilizados como sinônimos na classe médica. Nos últimos anos vimos surgir drogas como a maconha ser utilizada para fins terapêuticos como no tratamento de crises convulsivas, isso faz com que os termos se confundam ainda mais.
Drogas de ação preventiva, ação paliativa ou curativa no organismo doente, essa definição é referente a qual termo citado abaixo?
Fármaco.

3) A comunicação entre um neurônio e outro ocorre por meio das sinapses, ela é responsável pela transmissão do impulso nervoso de um neurônio a outro, nessa região ocorre a liberação das substâncias transmissoras denominada neurotransmissores.
Os neurotransmissores podem ser diferenciados quanto aos seus efeitos, sendo assim podemos classifica-los como? (Questão foi anulada)
Realmente o gabarito não bate com as respostas, a resposta é excitatório ou inibitório (resposta correta).

4) Grande parte dos seus neurônios são tão velhos quanto você. Diferente de outros tecidos do corpo, cujas células se renovam, em toda sua vida útil, o cérebro depende dos neurônios com os quais nasceu. Apenas em duas áreas do cérebro nascem novas células, mas só nos primeiros 18 anos de vida do ser humano: no hipocampo e no bulbo olfatório, responsáveis pela memória e capacidade olfativa, respectivamente.
O neurônio é a unidade funcional do sistema nervoso central, quando conduz as informações do sistema nervoso central aos músculos e às glândulas o classificamos como:
Neurônio eferente.

5) O tecido nervoso é dividido em Sistema Nervoso Central (SNC) e Sistema Nervoso Periférico (SNP). Por sua vez sistema nervoso central é o sistema que sente, que pensa e em geral controla nosso organismo, ele é um órgão de extrema complexidade.
Embora complexo podemos classificar suas funções em três categorias ou funções, quais são elas?
Função sensorial, motora e integrativa.

6) Durante um dos processos farmacocinéticos, a metabolização que prepara o fármaco para ser excretado pode sofrer influências de fatores que afetam o seu mecanismo. Fatores esses como idade, patologia, fatores genéticos e indução ou inibição enzimática.
No que concerne a inibição enzimática qual seu efeito sobre a metabolização de fármacos?
DIMINUI A METABOLIZAÇÃO.

7) A Interação entre drogas é a ação combinada de uma ou mais drogas, administradas sucessivamente ou simultaneamente, podendo induzir efeitos benéficos ou maléficos. Essas interações podem ser do tipo sinérgica ou antagônica. Sabendo que o curare que atua como relaxante muscular diminui o efeito da estricnina que por sua vez, tem ação convulsivante.
Podemos classificar essa interação medicamentosa entre curare e a estricnina como sendo:
 Antagonismo Fisiológico ou Funcional.

8) Dentre os diferentes tipos de antagonismos que temos destacamos o antagonismo farmacocinético, em que a droga A interfere na absorção, distribuição, metabolismo/biotransformação ou excreção da droga B. Vale ressaltar que às vezes essas interferências são desejadas e promovem alterações benéficas, o problema é quando ela ocorre comprometendo a ação de algum dos fármacos.
Em um antagonismo farmacocinético, temos antiácidos como sal de frutas aumentando o pH estomacal, e consequentemente diminuem a ___________de drogas ácidas como ácido acetilsalicílico (AAS). Preencha a lacuna com o parâmetro farmacocinético correto:
Absorção.

9) No que concerne a lipossolubilidade, os fármacos tem maior facilidade ou maior dificuldade em atravessar as barreiras biológicas que estão presentes em nosso organismo. Sendo assim sua forma iônica tem grande influência sobre os diferentes tipos de transporte.
Assinale qual das formas abaixo tem a capacidade de difundirem-se facilmente pelas membranas biológicas.
Não ionizada.

10) Vários fatores podem interferir na eficácia de um fármaco, e dentre elas uma das mais importante é a via de administração, que está diretamente relacionada com a taxa de absorção do fármaco. Existem várias opções de vias de administração pelas quais um agente terapêutico pode ser administrado e, por esta razão, o conhecimento das vantagens e desvantagens das diferentes vias de administração é fundamental para se obter a melhor biodisponibilidade possível para um determinado fármaco.
_____________superfície de absorção pequena, rápida ação, sem efeito de primeira passagem, como desvantagem temos que é uma via incômoda, gosto desagradável e requer a cooperação do paciente. Preencha a lacuna com as seguintes opções de vias de administração:
Via sublingual.

11) GABA é a sigla utilizada para definir o Ácido gama-aminobutírico, que é o principal neurotransmissor inibitório do sistema nervoso central, é sintetizado a partir do aminoácido glutamato pelas ações da enzima ácido glutâmico descarboxilase.
Nos receptores gabaérgicos atuam duas importantes classes de fármacos os benzodiazepínicos e os barbitúricos. Assinale a alternativa que contenha um benzodiazepínico de ação ultra curta.
 Lorazepam

12) Metabolização é um conjunto de alterações químicas que a droga sofre no organismo, geralmente promovida por enzimas, tem a finalidade de facilitar a excreção do fármaco. No sistema nervoso central também temos enzimas responsáveis pela metabolização dos neurotransmissores.
São exemplos de enzimas que metabolizam os neurotransmissores no sistema central.
Monoamino oxidase e catecol-Ometiltransferase

13) A Acetilcolina (ACH) é um neurotransmissor produzido pelo sistema nervoso central, nas terminações nervosas, sendo derivada da colina e da acetil coenzima A (AcCoA). Esses dois substratos interagem com a enzima de síntese colina acetiltransferase produzindo o neurotransmissor acetilcolina.
Assinale apenas a alternativa que contenha os receptores onde se liga a acetilcolina.
MUSCARÍNICO E NICOTÍNICO.

14) O neurotransmissor dopamina é sintetizado através da ativação da enzima tirosina hidroxilase que converte o aminoácido tirosina em L-DOPA, que por sua vez sofre descarboxilação e é biotransformada em dopamina essa é armazenada em vesículas.
Após sintetizada a dopamina é distribuída pelo sistema nervoso central, assinale em quais regiões ela pode ser encontrada em maior quantidade.
Estriado, Sistema límbico e Hipotálamo

15) Aprendizado e memória são extremamente importantes no desenvolvimento de seres humanos. Em animais de laboratório (ratos e camundongos) é visto que ao bloquear a liberação de acetilcolina, ocorre uma deficiência no processo de aprendizagem e memória desses animais.
Durante sua síntese dois substratos interagem com a enzima colina acetil transferase produzindo o neurotransmissor acetilcolina. De quais substratos nos referimos?
Colina e acetil Coenzima A

16) Sabendo que os benzodiazepínicos como, por exemplo, o clonazepam e barbitúricos como fenobarbital são utilizados no tratamento das crises convulsivas, pensando em uma segurança terapêutica para o paciente, ter um fármaco que reverta os efeitos de outro fármaco nos possibilita corrigir um erro de administração como excesso de dose.
Assinale qual das opções abaixo possui um fármaco que seja capaz de reverter o efeito dos benzodiazepínicos, por atuar como um antagonista do receptor GABA.
Flumazenil

17) A dopamina está intimamente envolvida em alguns transtornos, como a esquizofrenia, doença de Parkinson, distúrbio do déficit de atenção, dependência química e alguns distúrbios endócrinos. Esse neurotransmissor atua em pelo menos 5 receptores dopaminérgicos.
Receptores dopaminérgicos podem ser divididos