Questoes Étnicas AD2 2018.2
3 pág.

Questoes Étnicas AD2 2018.2


DisciplinaQuestões Etnicas e de Gênero66 materiais144 seguidores
Pré-visualização1 página
Fundação Centro de Ciências e Educação a Distância do Estado do Rio de Janeiro
Centro de Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro
Curso de Pedagogia para as Séries Iniciais do Ensino Fundamental
UERJ /CEDERJ
Avaliação a Distância 2018/2
AD2 - Questões Étnicas e de Gênero
Coordenadora de disciplina: Prof. Maria Alice Rezende Gonçalves
Tutores à distância: Profs. Marcelo Gomes da Silva, Raphael Neves Martins, Vinícius Pereira, Henrique Souza e Fernando Santos. 
Nome: 
Pólo: Paracambi
Matrícula: 
1 \u2013 As afirmações abaixo se referem a desigualdade social e racial no Brasil. Marque a alternativa INCORRETA. (2 pontos)
A- ( ) A estrutura da desigualdade no Brasil demonstra que os 10% mais ricos ficam com 50% do total da renda, enquanto os 50% mais pobres ficam com apenas 10% da renda gerada no país. 
B - ( ) Os indicadores raciais como os de renda, trabalho, escolaridade, entre outros, atestam a continuidade das desigualdades em relação à composição de cor/raça da população brasileira. 
C - (X ) A intensa desigualdade racial brasileira, associada às formas contemporâneas de discriminação racial, não impedem a promoção e o desenvolvimento das potencialidades da população negra.
D - ( ) Os indicadores raciais demonstram que o homem negro recebe menor salário que a mulher branca e a mulher negra menor salário que o homem negro. 
2 \u2013 A partir da leitura do material, responda: o que são \u201cAções Afirmativas\u201d? Apresente quais são as ações afirmativas no Brasil e que tipo de desigualdades elas objetivam corrigir. (3 pontos)
	As Ações Afirmativas são medidas que tem por objetivo reverter a histórica situação de desigualdade e discriminação a que estão submetidos indivíduos de grupos específicos. Elas partem do reconhecimento de que alguns grupos sociais \u2013 tais como os negros, os indígenas e as mulheres \u2013 foram historicamente privados de seus direitos, resultando em uma condição de desigualdade (social, econômica, política ou cultural). 
	As ações afirmativas no Brasil visam sanar uma situação de desigualdade considerada prejudicial para o desenvolvimento da sociedade como um todo, dentre elas, podemos citar a reserva de uma parcela dos postos de trabalho para pessoas com deficiências físicas ou intelectuais, pois colabora para a inclusão ativa dessas pessoas, aumento da participação dos grupos discriminados em determinadas áreas de emprego ou no acesso à educação por meio de cotas; concessão de bolsas de estudo; prioridade em empréstimos e contratos públicos; distribuição de terras e moradias; medidas de proteção diferenciada para grupos ameaçados.
3 \u2013 Sobre a diversidade e o sistema de ensino brasileiro, é CORRETO afirmar que cabe à escola. (2 pontos)
A ( ) Evidenciar que a diversidade étnico-racial é um tema apenas para negros;
B ( ) Salientar que a educação para igualdade racial não é um desafio para os sistemas de ensino;
C ( ) Demonstrar que a temática racial é um tema relativo ao interesse direto de um grupo inexpressivo dos brasileiros;
D ( X ) O sistema de ensino entende por diversidade o conhecimento e a valorização das diferenças regionais, de classe social, de crença, de sexo, de raça, de políticas etc...
4- Do que trata a Lei 10.639/2003 e quais são os conteúdos sugeridos por ela? (3 pontos) 
A Lei 10.639/2003 institui a obrigatoriedade do ensino de História e Cultura Africana e Afro-Brasileira nos currículos da Educação Básica no Brasil. Essa lei tem, assim, caráter compensatório, ao possibilitar a desconstrução de mentalidades e práticas preconceituosas, sequelas deixadas pelo longo período de escravização.
No início de 2003, no entanto, o crescimento do debate em âmbito nacional resultou, finalmente, na alteração da Lei de Diretrizes e Bases da Educação com a sanção da conhecida lei 10.639, que determinou os seguintes artigos:
Art. 26 \u2013 A. Nos estabelecimentos de ensino fundamental e médio, oficiais e particulares, torna-se obrigatório o ensino sobre História e Cultura Afro-Brasileira.
§ 1ª \u2013 O Conteúdo programático a que se refere o caput deste artigo incluirá o estudo da História da África e dos Africanos, a luta dos negros no Brasil, a cultura negra brasileira e o negro na formação da sociedade nacional, resgatando a contribuição do povo negro nas áreas social, econômica e política pertinentes à História do Brasil.
§ 2ª \u2013 Os Conteúdos referentes à História e Cultura Afro-Brasileira serão ministrados no âmbito de todo o currículo escolar, em especial nas áreas de Educação Artística e de Literatura e História Brasileiras.
Art. 79-B. O calendário escolar incluirá o dia 20 de novembro como \u201cDia Nacional da Consciência Negra\u201d.