Prova Gastroenterologia
32 pág.

Prova Gastroenterologia

Pré-visualização2 páginas
*
LABORATÓRIO MORFOFUNCIONAL
5 ETAPA \u2013 MÓDULO III 
UNICID
2º semestre
2016
*
A-1) Identifique as setas nas Figs. 1 e 2.
A-2) Qual o epitélio, apontado na seta 6, que reveste internamente a estrutura da seta 5?
Morfologia 01
6
5
Figura 1
Figura 2
Figura 3
2
1
3
4
*
Morfologia 01
As figuras A,B,C e D representam o mesmo órgão.
B-1- Cite as duas alterações observadas nas figuras C e D em relação as figuras A e B.
B-2 \u2013 Qual a principal causa das alterações observadas nas figuras C e D?
*
Morfologia 01
C-1) Nome do exame abaixo e preparo .
C-2) Frequência do transdutor em Mhz.
C-3) Identificar 1, 2, 3 e 4 .
C-4) Qual a patologia observada no exame C.
A
B
C
1
2
3
4
*
A-1) Que órgãos são evidenciados abaixo na Fig1? Correlacione as Figuras 2 e 3 com as setas da Fig 1.
A-2) Cite duas características para o órgão 1 e duas para o órgão 2 observadas nas respectivas imagens abaixo.
Figura 2
Figura 1
Figura 3
Morfologia 02
2
1
*
Morfologia 02
Em relação as figuras acima:
B-1- Descreva as alterações observadas nas figuras A e B.
B-2-Quais os agentes etiológicos que causam as alterações das figuras A e B?
*
Morfologia 02
C-1) Nome do exame 
C-2) Contraste e via de administração.
C-3) Preparo.
C-4) Identificar : 1, 2, 3 e 4.
2
3
4
1
*
Figura 3
Figura 1
A-1) Indique as setas na Fig1. Indique o sentido do sangue por estas estruturas até o coração.
A-2) Tendo-se em conta que as Figs 3 e 4 são detalhes da peça apresentada na Fig2, que alterações são possíveis de ser observadas nas mesmas? Justifique o quadro.
Morfologia 03
Figura 4
Figura 2
*
Morfologia 03
B-1 \u2013 Qual o diagnóstico da doença demonstradas nas figuras A, B e C?
B-2- Identifique as alterações indicadas na figura C (DUAS)
B-3 \u2013 A figura D demonstra uma importante consequência que essa doença. Qual é essa complicação?
*
Morfologia 03
C-1) Qual a frequência do transdutor utilizado para avaliação do fígado e
vias biliares ?
C-2) O meteorismo intestinal deve ser reduzido com medicação para não 
prejudicar a avaliação . Qual o medicamento utilizado ?
C-3) Identificar as estruturas 1 , 2 e 3.
C-4) Qual a patologia observada em C.
1
2
3
C
*
Figura 1
MORFOLOGIA 04
2
1
Figura 2
B
A
Figura 3
Figura 4
 A-1) Indique os órgãos apontados na Fig1 e 2. Correlacione com as lâminas das Figs 2 e 3.
 A-2) Que componentes autonômicos são observados na Fig4?
*
A
C
B
As figuras mostram 3 agentes etiológicos que causam diarreia. Identifique a letra e dê o nome do agente:
B-1 - Que apresenta transmissão através da pele?
B-2- Que pode causar abscesso hepático?
MORFOLOGIA 04
*
3
5
4
Figura2: súpero-lateral E
Figura 1
Figura 3: ínfero-lateral D
2
1
 A-1) Tendo-se em consideração que as Figs 2 e 3 são detalhes da Fig 1, identifique as estruturas apontadas nas figuras 2 e 3;
 A-2) Quais artérias se anastomosam na curvatura gástrica menor? Quais suas origens?
Morfologia 05
*
Morfologia 05
B-1 \u2013 Cite a patologia das figuras A e B.
B-2 \u2013 Cite duas causas mais comuns.
B-3 - Cite outro órgão que apresenta os mesmos aspectos morfológicos.
*
A
B
C
D
As figuras acima mostram dois formas de comprometimento hepático.
B-1 \u2013Qual a doença das figuras A e B?
B-2- Qual a principal causa das alterações das figuras C e D?
B-3 \u2013Identifique aalteração intracelular indicada pela seta na figura D.
Morfologia 06
*
Prova 5ª etapa 
Módulo 3 
2016 - 2º semestre
*
Assinale a droga indicada para o tratamento de cancro mole ou cancroide (Haemophilus ducreyi):
Oxicilina.
Eritromicina.
Penicilina G benzatina.
Gentamicina.
*
2.	Um homem de 43 anos, fumante e sob corticoterapia por patologia ocular, é diagnosticado com uma pneumonia. A investigação etiológica permitiu identificar como agente responsável, a Legionella pneumophila. O medicamento de primeira escolha para o tratamento da pneumonia por esta bactéria atípica é:
Cefalosporina de segunda geração como a cefuroxima.
Cefalosporina de terceira geração como a ceftriaxona.
Uma penicilina como a piperacilina.
Um macrolídeo como a azitromicina.
*
	3. Um homem de 32 anos se apresenta no consulto\u301rio com histo\u301ria de tosse produtiva, escarro purulento e dificuldade respirato\u301ria. E\u301 feito diagno\u301stico de Pneumonia Adquirida na Comunidade. E\u301 informado que este paciente tem grave alergia a\u300 ampicilina (anafilaxia). Qual dos seguintes medicamentos sera\u301 um tratamento mais adequado para esse paciente?
Moxifloxacino. 
Ciprofloxacino. 
Penicillina V. 
Nitrofurantoi\u301na.
*
	4. Idoso procura seu atendimento com tosse produtiva e purulenta, dores pelo corpo e astenia. Nega internações prévias ou comorbidades. O exame físico revelou estertores crepitantes em base do hemitórax direito. A radiografia de tórax confirmou área de condensação basal à direita, com broncograma aéreo. A monoterapia ambulatorial que cobre satisfatoriamente as possibilidades etiológicas de pneumonia por bactérias típicas e atípicas de origem comunitária é:
Amoxicilina.
Cefuroxima.
Levofloxacina.
Oxacilina.
*
	5. Uma mulher de 22 anos se apresenta com anamnese de 2 dias de disu\u301ria com aumento da freque\u302ncia da urge\u302ncia urina\u301ria. Sa\u303o feitas cultura e ana\u301lise da urina. Ela e\u301 diagnosticada com ITU causada por E. coli. Qual dos seguintes antimicrobianos é considerado o mais apropriado para o tratamento:
Penicilian G benzatina.
Ampicilina.
Ciprofloxacino.
Moxifloxacino.
*
	6. Qual dos seguintes fa\u301rmacos esta\u301 corretamente associado com seu efeitos adversos mais comuns?
Levofloxacino \u2013 hiperpotassemia. 
Gentamicina \u2013 ototoxicidade.
Estreptomicina \u2013 anafilaxia.
Azitromicina - bloqueio neuro muscular.
*
	7. Uma gestante apresenta-se ao pronto-socorro com febre, freque\u302ncia e urge\u302ncia urina\u301ria. O diagno\u301stico e\u301 de infecc\u327a\u303o do trato urina\u301rio (ITU). Com base no potencial de risco teratogênico, qual dos seguintes antimicrobianos deve ser evitado no tratamento da ITU?
Ciprofloxacino.
Amoxicilina.
Amicilina.
Cefalexina.
*
	8. O melhor método para avaliação da presença do H. Pylori e suas consequências na mucosa gastroduodenal, na realidade brasileira, é:
teste respiratório com carbono 13.
Endoscopia.
Sorologia.
Cultura.
*
9. Uma paciente de 46 anos atualmente está\u301 tomando vários medicamentos, incluindo warfarina, fenitoina e cetoconazol. Apresenta queixa de azia ocasional. Qual dos seguintes medicamentos deve ser EVITADO nessa paciente devido à interação medicamentosa?
Cimetidina. 
Famotidina. 
Omeprazol. 
Ranitidina. 
*
10. Uma pequena parcela da população pode produzir hiperplasia de células enterocromafins-like ao utilizar o medicamento:
 
Ranitidina. 
Omeprazol. 
Cimetidina.
Sucralfato.
*
11. Quais dos exames a seguir são mais indicados para avaliar a função hepática?
 
fosfatase alcalina e gamaglutamiltransferase.
tempo de protrombina e dosagem de albumina.
aspartato aminotransferase e alanina. aminotransferase.
bilirrubina total e frações e fosfatase alcalina.
*
12. Quanto aos exames laboratoriais que normalmente são utilizados para avaliar a integridade dos hepatócitos é correto afirmar que:
Numa lesão de hepatócitos aguda, o ALT será o primeiro a elevar, pois está presente em maior quantidade no citoplasma dos hepatócitos e possui maior meia-vida. O AST citoplasmático se elevará numa fase mais tardia. 
No caso de uma hepatite crônica sem cirrose a dosagem de AST estará mais elevada que a dosagem de ALT. Esse perfil é característico, visto que nesse momento o AST que se encontra nas mitocôndrias dos hepatócitos será liberado e, possui meia-vida muito longa. 
Numa lesão de hepatócitos aguda, nas primeiras horas, o AST citoplasmático estará mais elevado que o ALT, por estar presente em maior quantidade no citoplasma dos hepatócitos. Contudo, o ALT permanecerá elevado