jararaca, perereca e tiririca
1 pág.

jararaca, perereca e tiririca


DisciplinaPrática Pedagóg em Geografia 117 materiais51 seguidores
Pré-visualização1 página
MACHADO, A.M. A Jararaca, a Perereca e a Tiririca. Ilustração: Esteves, Cecília.. Ed.1 [S. l.]: Companhia Das Letrinhas. 2012, 32p.
É uma história de uma jararaca, uma perereca e uma tiririca que moravam juntas num \u201cterreno cheio de mato\u201d, primeiramente percebemos a categoria espaço geográfico quando a autora complementa com \u201cdesses que existiam tempos atrás\u201d, ou seja, o ambiente natural. Ao final da história também percebemos esta mesmo categoria quando a aparecem uns homens que queriam construir prédios. 
Identificamos a categoria território quando no inicio a uma delimitação territorial \u201cNão era bem na cidade nem era ainda na roça, era quase na metade, entre uma casa e uma palhoça.\u201d Como também percebemos logo em diante quando a jararaca pulou pra cima deles e quis brigar, mas não brigou porque logo morreu. 
Quando a perereca se mandou para longe e ficou olhando a pororoca, identificamos a categoria região, por se trata de um fenômeno natural que é característico da Região Norte. 
Assim como a tiririca ficou parada no lugar, vendo toda a construção, podemos identificar a categoria Lugar, por se trata de espaço afetivo para a Tiririca, já que aquele local possui certa familiaridade ou intimidade, porque era o seu lar. Arrancavam ela e ela sempre deixava um broto para nascer de novo. O tempo foi passando e ela assim nessa luta... e venceu.