Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
AV_INTÉRPRETE DE LIBRAS

Pré-visualização | Página 1 de 1

INTÉRPRETE DE LIBRAS
Abaixo estão as questões e as alternativas que você selecionou:
Parte superior do formulário
QUESTÃO 1
Entre as opções abaixo, pode-se dizer que a tradução intralingual pode ser vista como
a ) tradução propriamente dita.
b ) adaptação.
c )reformulação.i
d ) invenção.
QUESTÃO 2
A tradução, além de contribuir para o desenvolvimento de línguas nacionais, também teve participação fundamental na construção do conhecimento de muitos países. Considere, então, as afirmações abaixo.
I. O exercício da tradução incentivou a formação de uma linguagem científica.
II. A tradução de obras científicas para as línguas nacionais acabou tomando uma dimensão didática, já que por meio delas os não especialistas podiam aprender, se informar.
III. Em geral, a prática de tradução científica se mostrou negativa, já que as civilizações copiavam umas às outras e nada de novo se produzia.
IV. A tradução científica evitou que muito do conhecimento produzido pela humanidade permanecesse isolado na região em que foi produzido.
Estão corretas
a ) as afirmações I e IV.
b )todas as afirmações. 
c ) as afirmações I, II e IV.
d )as afirmações I, III e IV.
QUESTÃO 3
É considerada uma exigência específica à atuação do intérprete:
 
a )  vestir-se adequadamente, sem fazer uso de acessórios brilhantes que ofusquem a visão do surdo.
b )conhecer sinais informais e gírias da Língua de Sinais Brasileira, bem como apresentar excelente expressão facial.
c )saber empregar os recursos estruturais da Libras e da língua portuguesa de forma a esclarecer qualquer dúvida sobre a forma como uma dada mensagem deve ser veiculada.
d )habilidade para captar e selecionar, em pouco tempo, a mensagem essencial do discurso transposto.
QUESTÃO 4
O gênero discursivo para dar forma a um discurso é escolhido com base
 a )no objeto do discurso, as finalidades do mesmo, o público para o qual se dirige e a esfera social na qual a interação verbal é estabelecida.
b )em quão fácil sua compreensão será, afinal o objetivo é que o público entenda toda a mensagem da melhor maneira possível.
c )em escolha subjetiva, já que todo gênero discursivo deve refletir os propósitos de seu autor, ainda que eles sejam inconscientes.
d )apenas na esfera social, pois todos os outros fatores derivam daí. Assim, se o texto se destina a trabalhadores, formas linguísticas sem floreios serão usadas.
QUESTÃO 5
Numa universidade, alunos, professores, intérpretes, todos envolvidos nas situações interativas elaboradas dentro da instituição, convivem com os mais variados gêneros discursivos. Por exemplo: comunicados da coordenação de cursos, fichamentos, contos, monografias e bilhetes, os quais pertecem, respectivamente,
às esferas:
a ) científica, científica, literária, cotidiana e cotidiana.
b )científica, cotidiana, literária, científica e literária.
c ) cotidiana, cotidiana, cotidiana, científica e cotidiana.científica
 
d )cotidiana, científica, literária, científica e cotidiana.
QUESTÃO 6
A desverbalização, processo definido pela Teoria do Sentido com base no estudo da interpretação consecutiva, consiste em "memorizar o sentido do que foi dito sem supervalorizar a memorização das palavras com que esse sentido foi expresso" (FREIRE, 2008, p. 154) Ciente disso, aponte qual das situações abaixo é um exemplo de desverbalização.
a ) Diante da expressão "Caiu a noite", o intérprete opta por uma tradução literal.
b )Diante de uma expressão muito comum, embora peculiar devido ao nível de metaforização, como "até explicar que focinho de porco não é tomada, dá pano pra manga", o intérprete opta por sinalizar uma mensagem com o seguinte conteúdo:"problemas podem acontecer até se explicar que uma coisa não é o que parece ser"
c )O palestrante usa a nomenclatura Organização das Nações Unidas e o intérprete sinaliza a sigla ONU.
d )Durante uma aula de filosofia, o professor emprega o termo "dialética" e o intérprete opta, já que se trata de um termo específico à disciplina, por empregar o recurso da datilologia.
QUESTÃO 7
Pode-se dizer que é papel do intérprete educacional
 a )explicar o conteúdo ao aluno surdo da forma que julgar melhor, já que o professor dispõe da figura do intérprete. 
b )ser a ponte de comunicação entre professor e aluno, procurando auxiliá-los no processo de ensino aprendizagem sem perder de vista a sua condição de intermediador, para que não assuma responsabilidades que não lhe são próprias.
c )ser a autoridade respeitada em sala de aula, já que é ele, e não o professor, quem domina a língua utilizada pelo surdo.
d )elaborar avaliações sobre a evolução do aluno surdo, uma vez que seu contato direto com esse aluno o capacita, mais que o professor, para isso.
QUESTÃO 8
Dizer que uma escrita de sinais segue o princípio alfabético significa dizer que ela trabalha representando
a ) um conjunto de ideias com símbolos individuais.
b ) os sons, sendo inútil a língua de sinais.
c ) os sinais por meio do alfabeto latino.
 d )os parâmetros que compõem os sinais.
QUESTÃO 9
Durante muito tempo na história das civilizações, houve a separação entre as línguas ditas de ordem superior e as do dia a dia, razão pela qual o latim, durante muito tempo, foi a língua empregada para a produção e disseminação do conhecimento, bem como a língua empregada nas traduções. Historicamente, o que motivou as primeiras traduções para o inglês, rompendo com a tradição de empregar o latim, foi
 
a ) o cristianismo.
b ) a medicina.
c ) o comércio.
d )a literatura.
10
A diferença entre saber uma língua pelo uso e conhecer sua estrutura pelo estudo se compara a quais das metáforas abaixo?
a ) Usar os cômodos de um prédio e ser o engenheiro do prédio.
b ) Usar os cômodos de um prédio e ser o pintor do prédio.
c ) Usar os cômodos de um prédio e ser o zelador do prédio.
d )Usar os cômodos de um prédio e ser o encanador do prédio.
Parte inferior do formulário