Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
8 pág.
Administração e Gestão

Pré-visualização | Página 1 de 3

Parte superior do formulário
Parte inferior do formulário
Administração e Gestão: Conceitos e Aplicações
simulado
Atenção. Este gabarito é para uso exclusivo do aluno e não deve ser publicado ou compartilhado em redes sociais ou grupo de mensagens.
O seu compartilhamento infringe as políticas do Centro Universitário UNINTER e poderá implicar sanções disciplinares, com possibilidade de desligamento do quadro de alunos do Centro Universitário, bem como responder ações judiciais no âmbito cível e criminal. 
Questão 1/5 - Administração e Gestão: Conceitos e Aplicações
· Uma organização estava com sérios problemas e há tempos suas ações vinham caindo consideravelmente. Uma consultoria foi contratada para auxiliar a empresa e o principal problema foi diagnosticado: falta de estoque para alguns produtos, excesso para outros e atraso na entrega do produto para o cliente. Porém a empresa tinha vantagens em relação aos concorrentes: equipe de trabalho competente e fiel a empresa, muitas vezes fazendo horas extras, prezando pela qualidade do produto.
Após análise, os administradores elaboraram uma lista de mudanças e um plano para melhorar as operações e torná-las lucrativa, com foco no reajuste da produção e na exposição de todos os indicadores.
Pensando que você fosse o consultor responsável pelas mudanças nessa empresa, em qual ou quais das funções da administração o principal erro aconteceu e afetou a lucratividade, de acordo com o grau de importância? O que e como você faria diferente? (Use, pelo menos, dois conceitos corretos listados a seguir em sua resposta: PODC, Integração Vertical, Padronização, Centralização, Descentralização Vertical e Horizontal, Qualidade Total, Motivação, Satisfação no Trabalho ou outros aspectos comportamentais). 
	O principal erro aconteceu, em primeiro lugar, na falta de planejamento da linha produtiva. Havia a necessidade de uma pesquisa de mercado para identificar o comportamento de compra dos consumidores da organização, de modo a evitar a ruptura de estoque e, consequentemente, atraso nas entregas, que são falhas inadmissíveis para uma organização. Em segundo lugar, houve falta de organização, onde está a estrutura organizacional capaz de captar que algo não ia bem?, se houvesse organização dos processos poder-se-ia, por exemplo, fazer promoções para aumentar as vendas dos produtos com excesso de estoque e, ao mesmo tempo, reduzir a quantidade de produtos fabricados que não estejam sendo vendidos, pois saberia-se o padrão de vendas na organização. Sendo assim, faltou controle dos processos também, para fazer o monitoramento contínuo das vendas, das entradas e saídas.            A única função administrativa que parece funcionar bem é a direção, na medida em que o enunciado deixa claro que o diferencial da empresa era a equipe de trabalho competente e fiel, muitas vezes disposta a fazer outras extras, ou seja, os funcionários estão bem motivados a trabalhar, parece não haver falta de liderança sobre os mesmos. O que poderia ser feito diferente? Planejamento, Organização e Controle contínuos; padronização de processos- de modo a estabelecer um estudo das vendas médias, e identificar potenciais sazonalidades das mesmas, criando-se padrões de operação para o processo; técnicas de qualidade total- melhoria contínua e busca pela excelência- Kaizen, Kanban; o que não poderia ser usado como resposta é: integração vertical ou horizontal; centralização e descentralização, motivação, satisfação e aspectos comportamentais, pois a função Direção não apresenta falhas, o enunciado é claro quando diz que o diferencial da organização está justamente na equipe competente e fiel a empresa.
Resposta: Falta de planejamento da linha produtiva necessidade de pesquisa do mercardo falta de organizaçao falta de controle direçao ok como melhorar planejamento e organizaçao e controle continuos padrinizaçao de processos de modo a estabelecer um estudo medias de vendas e identificar potencias sazonalidade das mesmas criando se padroes de operaçao para processo tecnicas qualidade total melhoria continua e busca pela exelencia kaizen e kaban
Questão 2/5 - Administração e Gestão: Conceitos e Aplicações
· O conceito Google de gestão de pessoas
Com um conceito inovador de gestão de pessoas, a empresa cria um ambiente de trabalho confortável, que estimula a criatividade e a inovação 
“Isso serve para que as pessoas possam relaxar no meio do dia, ou na hora que elas quiserem. Temos também cuidados como creme de mão, espuma de barbear e desodorante dentro do banheiro”.
Dessa forma, parece até que os funcionários do Google não trabalham, mas pelo contrário, as atividades são muito bem administradas pela companhia. A política de gestão de pessoas do Google desenvolveu a seguinte fórmula: 70% - 20% - 10%, na qual a primeira porcentagem significa o tempo em que o empregado deve dedicar-se à empresa. Os 20 % representam o tempo em que deve se ocupar com pesquisas de interesse pessoal e os 10% restantes, quanto deve usar para lazer. “O Orkut foi desenvolvido por um de nossos funcionários nessa parte dos 20%”, conta Carlos Félix Ximenes, gerente de Comunicação do Google Brasil.
Para trabalhar no Google, os profissionais precisam possuir capacidade de exercer as suas atividades em equipe, pois os projetos podem estar sob liderança de qualquer profissional de suas filiais espalhadas pelo mundo independente de seu nível hierárquico. “A gente trabalha com muitos projetos, às vezes até alguns que não são da nossa área de atuação. Mas, se podemos oferecer alguma contribuição, somos convidados para participar em determinado momento, podendo ficar sob liderança de alguém que está em um nível hierárquico acima ou até mesmo abaixo que o nosso. Isso, aqui, não importa, não faz diferença”, fala o gerente de comunicação.
Uma das principais preocupações da empresa é a de motivar, constantemente, os seus colaboradores. Prêmios que podem ir de um boné até uma viagem, ou um bolo de dinheiro são oferecidos para os que se envolvem em projetos pessoais. Matsuo explica que a premiação em si não faz muita diferença no Google: “o que realmente faz diferença é a pessoa sentir que contribuiu efetivamente. Essa é a chave da nossa relação com os funcionários. Aqui, não estimulamos só as pessoas que trazem grandes economias, ou que aumentem absurdamente as vendas, mas premiamos as pessoas que têm idéias brilhantes e que melhoram as vidas das outras pessoas que aqui trabalham”, completa.
	 
 
 
01)             O conceito Google de gestão de pessoas
Com um conceito inovador de gestão de pessoas, a empresa cria um ambiente de trabalho confortável, que estimula a criatividade e a inovação 
“Isso serve para que as pessoas possam relaxar no meio do dia, ou na hora que elas quiserem. Temos também cuidados como creme de mão, espuma de barbear e desodorante dentro do banheiro”.
Dessa forma, parece até que os funcionários do Google não trabalham, mas pelo contrário, as atividades são muito bem administradas pela companhia. A política de gestão de pessoas do Google desenvolveu a seguinte fórmula: 70% - 20% - 10%, na qual a primeira porcentagem significa o tempo em que o empregado deve dedicar-se à empresa. Os 20 % representam o tempo em que deve se ocupar com pesquisas de interesse pessoal e os 10% restantes, quanto deve usar para lazer. “O Orkut foi desenvolvido por um de nossos funcionários nessa parte dos 20%”, conta Carlos Félix Ximenes, gerente de Comunicação do Google Brasil.
Para trabalhar no Google, os profissionais precisam possuir capacidade de exercer as suas atividades em equipe, pois os projetos podem estar sob liderança de qualquer profissional de suas filiais espalhadas pelo mundo independente de seu nível hierárquico. “A gente trabalha com muitos projetos, às vezes até alguns que não são da nossa área de atuação. Mas, se podemos oferecer alguma contribuição, somos convidados para participar em determinado momento, podendo ficar sob liderança de alguém que está em um nível hierárquico acima ou até mesmo abaixo que o nosso. Isso, aqui,
Página123