A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
51 pág.
APS UNIP - PROGRAMA DE EDUCAÇÃO ALIMENTAR E NUTRICIONAL PARA ADOLESCENTES

Pré-visualização | Página 1 de 11

CAROLINE LOPES SANTOS RA: N190AJ5 
EMANUELE R. C. DA SILVA RA: D24ADJ5 
JACKSON K. F. GONZALEZ RA: N208155 
LARISSA Y. KIYOHARA RA: D300628 
MAISA ILHÉU RA: N1888D6 
MARIANA DE CARVALHO RIBEIRO RA: C4043G2 
MARIANA FORTES RA: D389IF9 
OTAVIO EUGENIO C. M. ELIAS RA: D485AD3 
 
 
 
 
 
 
DESENVOLVIMENTO DE UM PROGRAMA DE EDUCAÇÃO ALIMENTAR 
E NUTRICIONAL PARA ADOLESCENTES 
 
 
 
 
Trabalho de Atividade Prática Supervisionada do 5° 
semestre do curso de graduação em Nutrição 
apresentado à Universidade Paulista – 
UNIP/SJCampos sob supervisão da Professora M. 
Sc. Carina M. C. Martha. 
 
 
 
 
Orientadora: Professora M. Sc. Carina M. C. Martha. 
 
 
 
 
 
SÃO JOSE DOS CAMPOS 
2019 
 
RESUMO 
O principal intuito do presente trabalho foi analisar e compreender a rotina alimentar de 
24 adolescentes de ambos os sexos entre 16 e 17 anos de idade, sendo 6 do sexo 
masculino e 18 do sexo feminino que estão cursando o 3° ano do ensino médio técnico 
de período integral de rede estadual em São José dos Campos. Foi aplicado aos 
alunos um questionário manual de 19 questões onde abordava-se o número de 
refeições que são realizadas diariamente, onde são realizadas, quais alimentos são 
consumidos e com que frequência, visto isso, foi criado um programa de educação 
alimentar orientando os adolescentes sobre uma alimentação de qualidade, 
importância de atividades físicas, ingestão de fibras para a promoção da saúde. Além 
das respostas de uma alimentação não equilibrada, foi avaliado também que 61,9 % dos 
adolescentes não praticam atividade física, com isso os adolescentes foram 
alertados sobre o risco do sedentarismo e de suas doenças subsequentes como das 
doenças crônicas não transmissíveis (DCNT). Ressaltou-se também a necessidade de 
refeições equilibradas e a importância dos macronutrientes e micronutrientes. Os 
carboidratos complexos por exemplo visto que eles são as maiores fontes de energia dos 
adolescentes. As proteínas são fundamentais para o crescimento de novos 
tecidos durante a fase da adolescência. Orienta-se a ingestão de lipídios, e por fim é 
altamente recomendado o consumo de fibras e a ingestão hídrica para 
adolescente.Os micronutrientes caracterizados por vitaminas e minerais possuem um 
papel importantíssimo no crescimento e na saúde dos adolescentes, na adolescência as 
necessidades de vitaminas são maiores devido ao aumento das necessidades de 
energias, por isso é fundamental maiores quantidades de vitamina B, ácido fólico e 
vitamina B12. E vitamina D por causa do crescimento acelerado do esqueleto e das 
vitaminas A e C. A Pirâmide Alimentar é um guia que com a utilização do alimento visa, 
a manutenção do peso corporal, dieta pobre em gorduras saturadas, rica em vegetais, 
frutas e grãos, moderada ingestão de açúcar, sal, e bebidas alcoólicas. A pirâmide 
alimentar recomendada ao adolescente engloba suas particularidades (idade, sexo, 
altura, nível de atividade física, entre outros), foi calculada para mulheres sedentárias e 
idosos o valor de 1.600 kcal, 2.200 kcal atribuída a adolescentes do sexo feminino, 
 
mulheres com atividade física intensa e homens sedentários, e 2.800 kcal foi estabelecida 
para homens com atividade física intensa e adolescentes do sexo masculino. 
Palavras-chave: Macronutrientes, Pirâmide Alimentar, Adolescentes, Alimentação. 
 
LISTA DE FIGURAS 
Figura 1 – Pirâmide Alimentar .......................................................................... 18 
 
SUMÁRIO 
1 INTRODUÇÃO .............................................................................................. 07 
2 OBJETIVOS .................................................................................................. 08 
2.1 Objetivo Geral ........................................................................................... 08 
2.2 Objetivos Específicos .............................................................................. 08 
3 MATERIAIS E MÉTODOS ............................................................................ 09 
3.1 Diagnóstico Situacional ........................................................................... 09 
3.2 Planejamento das Ações Educativas ..................................................... 09 
3.3 Avaliação da Aprendizagem .................................................................... 10 
4 DESENVOLVIMENTO .................................................................................. 10 
4.1 Alimentação Saudável ............................................................................. 10 
4.2 Macronutrientes ....................................................................................... 11 
4.3 Micronutrientes ........................................................................................ 12 
4.3.1 Cálcio ...................................................................................................... 12 
4.3.2 Ferro ........................................................................................................ 13 
4.3.3 Zinco ....................................................................................................... 15 
4.3.4 Vitamina A ............................................................................................... 16 
4.3.5 Vitamina B9 ............................................................................................. 16 
4.3.6 Vitamina B12 ........................................................................................... 17 
4.4 Pirâmide dos Alimentos........................................................................... 18 
4.5 Alimentos in-natura, processados e ultraprocessados ........................ 20 
4.6 Prática de Atividade Físicas .................................................................... 21 
4.6.1 A Importância de Associar uma Alimentação Saudável .......................... 21 
4.6.2 Danos à Saúde Relacionados ao Sedentarismo ..................................... 22 
4.6.3 Utilização de Aplicativos .......................................................................... 22 
4.7 Influência da Mídia ................................................................................... 23 
4.7.1 Coco e Óleo de Coco .............................................................................. 23 
4.7.2 Glúten e Lactose ..................................................................................... 24 
5 RESULTADOS .............................................................................................. 26 
6 CONSIDERAÇÕES FINAIS .......................................................................... 37 
REFERÊNCIAS ............................................................................................. 38 
APÊNDICE A ................................................................................................ 42 
APÊNDICE B ................................................................................................ 45 
APÊNDICE C ................................................................................................ 46 
APÊNDICE D ................................................................................................ 49 
 
 
7 
 
 
1 INTRODUÇÃO 
A adolescência é um período de transição da infância para idade adulta, e pode 
ser dividida em três fases de acordo com as mudanças físicas, psicológicas e sociais. 
A adolescência inicial, período variável, normalmente de 10 a 13 anos; adolescência 
intermediária, 14/15 a 17 anos; adolescência tardia 17 a 21 anos. As características 
podem variar entre os indivíduos de acordo com o gênero, hereditariedade, 
desenvolvimento, a maturidade, as condições e estilo de vida. Com isso, é importante 
atentar-se aos hábitos alimentares inadequados na adolescência e fatores de riscos 
associados. A omissão de refeições especialmente o desejum e o consumo de 
refeições rápidas além da menor ingestão de frutas