Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
27 pág.
EXERCÍCIOS TEORIAS DA COMUNICAÇÃO

Pré-visualização | Página 6 de 9

por três etapas de evolução cultural classificadas como:
R: Era da cultura oral, era da cultura escrita e era eletrônica.
Explicação: A civilização oral são os grupos antigos, a de Gutemberg ou da escrita é pós invento da imprensa e a aldeia global é típica da eletrônica. 
7) CETRO - 2014 - IF-PR - As novas tecnologias trouxeram à Comunicação uma nova perspectiva, principalmente devido às redes sociais. Conceitos, como aldeia global e os meios de Comunicação como extensões do homem, tornam-se realidade na sociedade atual. Para o profissional de Comunicação, estes conceitos pertencem a uma escola de Comunicação desenvolvida no Canadá, cujo principal nome completou 100 anos, em 2011. Assim, é correto afirmar que estes conceitos foram desenvolvidos por 
R: Marshall McLuhan
8) A escola canadense foi uma das pioneiras no que concerne a pesquisas na área de comunicação em específico, ou seja, os estudiosos eram da área da Comunicação Social e se dedicaram exclusivamente a estudar os meios de comunicação de massa. Qual autor abaixo é representante dessa escola?
R: Marshall McLuhan
TEORIAS DA COMUNICAÇÃO
7º aula
1) (CCV-UFC 201) Sobre os Estudos Culturais marque a opção INCORRETA:
R: b) Os principais expoentes dos Estudos Culturais são C. Shannon, H. Laswell e W. Weaver.
2) (COMPERVE 2018) No campo da pesquisa e dos estudos da comunicação, a perspectiva teórica conhecida como “Estudos Culturais” tem por abordagem central a questão: 
R: c) da produção de sentidos relativos aos conteúdos da mídia.
3) (FCC, 2013) Stuart Hall, do Centro de Estudos Culturais Contemporâneos da Universidade de Birmingham, Inglaterra, interpreta a comunicação a partir de dois tipos de estruturas de sentido e que têm as relações de produção e a infraestrutura técnica como referenciais de conhecimento. Esta teorização, a qual critica a pesquisa com abordagem linear da comunicação de massa, é conhecida como:
R: a) Codificação/Decodificação
4) Os integrantes do Cultural Studies estudam as relações entre estrutura social, contexto histórico e a ação dos meios de comunicação¿, para saber como acontece a atribuição de sentido à realidade cotidiana de práticas sociais partilhadas. Eles entendem que a cultura é o ¿conjunto de significados, valores experiências, hábitos e rotinas, adotadas por uma sociedade.
TRINTA,Aluizio, POLISTCKUK, Ilana . Teorias da Comunicação- O pensamento e prática da Comunicação Social . Rio de Janeiro: Editora Elsevier, 2003- p.131
Com relação a esse pensamento, considere as informações a seguir:
I-A produção de sentido não constitui objeto de interesse dessa corrente.
II-Os Cultural Studies acreditam na hegemonia do sistema cultural social..
III-O processo cultural se dá e age através dos meios de comunicação.
IV- Público, sentido e mídia não são princípios orientadores desse pensamento.
É CORRETO o que se afirma em:
R: II e III, apenas.
5) Richard Hoggart, Raymond Williams, E. P. Thompson e Stuart Hall são alguns nomes pertencentes à escola de comunicação:
R: Inglesa
6) FCC, 2013
Stuart Hall, do Centro de Estudos Culturais Contemporâneos da Universidade de Birmingham, Inglaterra, interpreta a comunicação a partir de dois tipos de estruturas de sentido e que têm as relações de produção e a infraestrutura técnica como referenciais de conhecimento. Esta teorização, a qual critica a pesquisa com abordagem linear da comunicação de massa, é conhecida como:
R: Codificação/Decodificação
Explicação: O modelos da codificação/decofidicação pregava que o receptor e os meios de comunicação travavam uma negociação de sentido, com a possibilidade de o público entender de uma maneira diferente da idealizada pelos produtores culturais 
7) 2015 - CONVEST, UFAM
Sobre as contribuições dos estudos culturais aos estudos da comunicação, avalie as seguintes afirmativas:
I. A Escola de Birmingham contribuiu para a legitimação de objetos vinculados às culturas populares e à comunicação de massa, em decorrência da problematização da hierarquia entre o que é culto e o que é popular.
II. Contribuiu para a ampliação da categoria "texto", incluindo tanto os artefatos culturais quanto as práticas simbólicas envolvidas.
III. Destacou o papel ativo da cultura na constituição dos processos sociais e sua relação com o poder e a hegemonia.
IV. Os estudos culturais incentivaram a reflexão sobre as particularidades nacionais e regionais dos processos de constituição da cultura popular de massa.
V. Os estudos culturais desenvolveram uma investigação sobre o processo de recepção, promoveram a crítica à compreensão da comunicação como fenômeno centrado nas tecnologias de comunicação, e questionaram o enfoque fragmentado e esquemático do processo comunicativo.
R: Todas as afirmativas estão corretas
8) CCV - UFC, 2017
Sobre os Estudos Culturais marque a opção incorreta.
R: Os principais expoentes dos Estudos Culturais são C. Shannon, H. Laswell e W. Weaver
	Explicação: Os autores são da vertente norte americana. 
9) Herbert Marshall McLuhan foi um dos mais importantes teóricos do estudo da comunicação do século XX e continua atual. Avalie as afirmativas a seguir sobre seus estudos e assinale a incorreta. 
R: Definiu Galáxia de Marconi como um dos períodos da história dos meios e afirmou que foi inaugurada pela eletricidade.
TEORIAS DA COMUNICAÇÃO
8º aula
1) ENADE 2015 (Comunicação Social). Os olimpianos estão presentes em todos os setores da cultura de massa. Heróis do imaginário cinematográfico, são também os heróis da informação. Estão presentes nos pontos de contato entre a cultura de massa e o público: entrevistas, festas de caridade, exibições publicitárias, programas televisados ou radiofônicos. Eles fazem universos se comunicarem: o do imaginário, o da informação e o dos conselhos, das incitações e das normas. Nesse sentido, a sobreindividualidade dos olimpianos é o fermento da individualidade moderna.
MORIN, E. Cultura de massas no século XX (adaptado).
I. As descrições feitas por Edgar Morin em relação à cultura do século XX não são aplicáveis ao atual contexto neste início de século XXI, pois, com o advento da internet, os chamados olimpianos deixaram de exercer tanta influência no espaço público.
II. A promoção das chamadas “celebridades” pelos veículos de comunicação serve para impulsionar o mercado de venda de bens culturais, como roupas e músicas, o que se enquadra na interpretação feita pela Teoria Crítica, que analisa os meios de comunicação pela perspectiva da indústria cultural.
III. Os meios de comunicação, por meio das novelas e do “jornalismo de celebridade”, incentivam a formação de padrões estéticos que influenciam a formação de crianças e jovens, pois os olimpianos se convertem em modelos desejáveis pela sociedade.
VI. A leitura sobre a vida de celebridades é um tipo de lazer adequado ao século XXI e tem reduzidas implicações econômicas, pois esta atividade pode ser realizada de qualquer lugar por intermédio de smartphones, e não é cara.
É correto apenas o que se afirma em:
R: c) II e III
2) “Os Simpsons é um dos poucos desenhos de grande difusão nos quais a fé cristã, a religião e as questões sobre Deus são temas recorrentes”, disse o padre Francesco Occhetta, responsável pela área de direito e sociedade da revista La Civilta Cattolica.
A partir de um capítulo da sexta temporada intitulado “O Pai, o Filho e o santo convidado especial”, no qual Homer e Marge Simpson decidem inscrever seu filho Bart em uma escola católica, o jesuíta analisa em artigo a série de um ponto religioso e antropológico, e afirma que os personagens divulgam uma imagem positiva da Igreja Católica. “Os Simpsons não atacam a religião, estão muito atentos aos testemunhos da Igreja e respeitam o núcleo do evangelho”, assegura Oncchetta.
Com base no texto acima, assinale a alternativa correta, quanto aos pensamentos de Morin.
I. A Igreja é a instituição cultural de mais força no seio social, razão pela qual os produtores do desenho dificilmente iriam entrar em um embate com os católicos.
II. Os católicos elaboram um discurso
Página123456789