A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
14 pág.
Fael parcial etapa 1 parte 2 ok

Pré-visualização | Página 1 de 3

9
Faculdade educacional da lapa - Fael
Unidade de Apoio Presencial - Polo Novo Hamburgo / RS
Curso Superior de Tecnologia em Gestão Financeira
Bruno da Silva Gaeski – Matrícula 190124032
Mariély Silva de Conto – Matrícula 190123895
Projeto prática em gestão comercial - RubberFeet LTD: 
Relatório Parcial 1º etapa
Tutor EAD: PROFº LUIZ ALBERTO VIVAN
Novo Hamburgo/RS
2020
Faculdade FAEL
Unidade de Apoio Presencial - Polo Novo Hamburgo/RS
Curso de Tecnologia em Gestão Comercial
Trabalho desenvolvido para o curso de Tecnologia em Gestão comercial, disciplinas norteadoras: Relacionamento com clientes, liderança e motivação, gestão comercial no desempenho das organizações e planejamento de vendas e do varejo;
Apresentado à faculdade Fael
Como requisito para a avaliação na atividade prática em gestão comercial para a empresa ´´RubberFeet LTD``.
 Etapa 1°. Orientador ead prof. Luiz Alberto Vivan.
Tutor EAD: PROFº LUIZ ALBERTO VIVAN
Novo Hamburgo/RS
2020
Sumário:
Introdução; ...............................................................................................1
Análise do cenário mercadológico; ...................................................2
Perfil de renda dos consumidores; ...............................................2
Consumo médio do produto; ..........................................................2
Análise de concorrentes; .................................................................3
Análise do perfil do consumidor; ...................................................4
Ações de comunicação e publicidade; ................................................5
Ações no pdv; ...............................................................................................6
Considerações finais; ...............................................................................7
Bibliografia; ................................................................................................8
												1
INTRODUÇÃO:
	Através do desafio proposto, vamos distribuir abaixo estratégias para a empresa “RubberFeet LTDA” alcançar seu objetivo de alavancagem de negócios e crescimento em nossa região.
	 Buscamos o bom gerenciamento de vendas e o controle de resultados são essenciais para o desenvolvimento de qualquer negócio. É fundamental fazer uma análise eficiente dos indicadores apresentados por uma atividade comercial, pois somente assim pode-se elaborar um plano de crescimento de sucesso.
	Seus esforços administrativos não serão efetivos sem um modelo de gestão que integre os objetivos estratégicos e medidas operacionais adequadas. É justamente nesse aspecto que grande parte dos empreendedores encontram dificuldades. 
	O planejamento comercial é realizado basicamente a fim de viabilizar a entrada de receitas e a ampliação de canais de venda e expansão do negócio, cabe ao gestor comercial, entre outras atividades, compreender as metas e desenvolver políticas comerciais que atendam as projeções de crescimento da organização.
	Como proposto neste projeto, adiante traremos o planejamento comercial com um olhar para o análise de mercado, garantindo o levantamento de um conjunto de informações que nos traga subsidio para as tomadas de decisões, isso alinhado aos objetivos da organização com o foco em aumentar as vendas. 
	E com ferramentas dentro do mecanismo de gestão, com a análise de previsão de demanda, vamos planejar as metas de vendas e por onde eles devem ocorrer, ou seja, seus canais de distribuição, que foram pensados para facilitar o acesso a marca e experiência de compra.
Análise do cenário mercadológico da empresa
Tamanho do mercado:
O Vale do Sinos, especializado em produtos voltados ao público feminino, reúne grandes empresas que formam um dos maiores clusters de calçados do mundo. Além disso, a região concentra cerca de 80% dos produtores de máquinas para a fabricação de calçados do país. De um total de 7.700 empresas de calçados, responsáveis pela geração de 286 mil postos de trabalho, 35% estão localizadas nessa região no Rio Grande do Sul. O Vale ainda conta com instituições de ensino voltadas para a pesquisa e o ensino tecnológico, as quais formam mão de obra especializada para as indústrias locais, como o Senai e a Universidade do Vale do Rio dos Sinos.
Dentro deste cenário, encontramos uma das principais oportunidades, que em uma região repleta de fábricas e muitas exportadoras, concentram sua energia na fabricação de produtos femininos, e com foco em sapatos fechados, chinelos com design diferentes dos nossos e bolsas.
Consiste de uma área de 1.398,5 km², e segundo dados da FEE (Fundação de Economia e Estatística do RS), a população total era de 1.309.991 habitantes, sendo que 56% deste números são mulheres.
As lojas multimarcas representaram 95% do mercado de calçados e ‘puxaram’ o aumento da frequência de shoppers (10,5%), mas as Monomarcas (5% do mercado) registraram maior tíquete médio (22,4%). Sandálias e calçados femininos fechados foram os produtos que mais impulsionaram as vendas das lojas. Todas as classes se destacaram em compras, principalmente a Classe C e indivíduos acima de 19 anos. Em relação a marcas, Moleca seguiu líder de preferência, seguida por Beira Rio e Vizzano. No segmento esportivo, Nike registrou boa performance, tanto em número de pares quanto em valor, seguida por Olympikus e Beira Rio, e na região a marca mais vendida em chinelos é Havaianas.
Perfil de renda dos consumidores:
Na região do vale dos sinos constatamos os seguintes dados:
Renda per capita R$ 1.538,90. Empregos formais 62,30%. Ensino superior 12%.
Consumo médio do produto:
Não conseguimos obter esta informação específica de nossa região, no entanto embasados na pesquisa realizada pela Ablac, em torno de 114 milhões de brasileiros compraram calçados em 2018 (70% da população), com uma frequência de compras de 3x no período (+11,5%) e gasto médio de R$ 105,20 (-5%). 
Análise de concorrentes:
Mapeamos dois principais concorrentes em nossa região, Tere calçados e Kinei calçados, ambas multimarcas com venda de chinelos e sandálias similares aos nossos, e com grande representatividade no comércio local.
Tere calçados trabalha atualmente com 3 lojas localizadas no centro de Novo Hamburgo, são lojas multimarcas, onde comercializam tênis esportivos, sapatos, bolsas, mochilas, chinelos e acessórios. Em uma análise mais fechada em virtude ao nosso alvo, seus chinelos de borracha são das marca Rider e Havaianas, com médias de preço que oscilam, o Rider entre R$ 19,00 e R$ 29,90 e Havaianas de R$ 29,90 a R$ 49,90. Suas principais ações de marketing e publicidade, são anúncios de promoções no jornal da cidade, rádio local e panfletagem em locais de grande fluxo. A loja têm como perfil a boa localização, sendo que já aumentou duas unidades em pontos que eram de seus concorrentes, realizando a compra do ponto e inserindo sua marca no local. Suas campanhas m geral não são ofensivas o bombásticas, o seu principal mecanismo de venda é a tradição, confiabilidade e carteira de clientes. Atualmente seu único canal de vendas são as lojas físicas.
Kinei calçados Com uma estratégia de colocar no mínimo uma loja em cada cidade da região, trabalha com venda de multimarcas e com foco nos calçados para família, comercializa tênis, sapatos, sandálias e chinelos. Seus chinelos de borracha, assim como toda a loja não são de fabricação própria, as marcas atuais são Mormaii com valor médio entre R$ 29,90 e R$ 49,90 e Havaianas entre R$ 39,90 e R$ 59,90. A kinei realiza suas ações de marketing através dos jornais das cidades, em patrocínios a eventos da região, e panfletagem em locais públicos. A loja possui um ecommerce bem organizado e com parceiros e patrocinadores, sua venda online ainda é pequena, mas segundo questionamento ao time de vendas, hoje a venda pelo site representa em média 15% das vendas mensais, o principal público são pessoas de outras cidades onde não possui a loja física, e jovens até 25 anos. Mas o principal canal de distribuição