A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
14 pág.
ANATOMIA SISTEMA CARDIACO

Pré-visualização | Página 1 de 4

ORGANIZAÇÃO MORFOLÓGICA E FUNCIONAL Dos SISTEMAS#
*SISTEMA CARDÍACO
. Formação do pericárdio
• INTRODUÇÃO : CORAÇÃO
- bomba muscular dupla e auto . reguladora
-
localizada na região retroesternal
- 2/3 à esquerda da linha mediana.
- Envolvido pelo saco pericardíaca
- Apoiado sobre o centro tendínea e M . diafragma
- Mediastino meélio . -0 Caridade pericárdica : espaço virtual entre as lâminas
que permite o movimento do coração
vulva atrioventricular esq .
( mitral)
-
valva da aorta
O
valva do tronco pulmonar
valva atrioventricular direita
( tricúspide )
. SEIOS DO PERICÁRDIO
SEIO TRANSVERSO : passagem transversal
* CICLO CARDÍACO na cavidade pericárdica
[
valvas AVD e AVE abertas . Limitado anteriormente pela
DIÁSTOLE valvas da aorta e do t, pulmonar aorta e pelo tronco pulmonar .
( relaxamento) fechados
- Posteriormente pela VCS e
SÍSTOLE § valvas AUD e AVE fechados pelos
átrios
.
( contração)
hornos da aorta e do t - pulmonar . Inferiormente pela desembo -
abertas
cadeira das veias pulmonares
• PERICÁRDIO : saco fisrossuoso de parede dupla SEIO OBÚOuo: situado na base do coração ,
que envolve o coração e a raízes dos grandes vasos . entre as veias pulmonares esquerdos e direitos. .
→ PERICÁRDIO FIBROSO
. Limitado posteriormente pelo pericárdio que cobre
- camada externa a face anterior do esôfago
- contínua com o anel tendínea do diafuaay- . Lateralmente pela desembocadura dos veios pre-
ma pelo lig . pericárdicofrênico . manaus e da veia cava inferior .
- fixado ao esterno pelos lig - esternopericárdico
- posteriormente eiga- se às estruturas do medi - IRRIGAÇÃO DO PERICÁRDIO
astro posterior SUPRIMENTO no provém principalmente da artéria
PERICÁRDIO SEROSO ARTERIAL pericardíaca frênico , ramo da art.
- composto pela lâmina parietal ( camada torácica interna ( ramo da subclávia) .
aderiu ao pericárdio fibroso) e pela lâmina visceral
→ Art . secundários :
( aderida ao coração , forma o epicárdio , camada ex- - A . mesmo frênico:( ramo da A. torácica int .)
terra da parede cardíaca . A. bronquial , esofágica e frênico superior
(ramo da parte torácica da aorta)
- A. coronárias : irriga a lâmina visceral
DRENAGEM - veias pericárdio pânicos ÁTRÍO DIREITO
VENOSA
_Tributários dos v. torácicas interna Seio venoso ou seio das veias covas : entre as veias
ou braquiocefálica . carros superior e inferior.
- caímos veias do Sistema venoso de Asjigo
(
Parreira
sueco terminal
INERVAÇÃO - nervos púnicos : dor referida para
sujemosregião subclavicular e ombros
-
nervos vagos
- troncos simpáticos : vasomotor . -triângulo de
Koch
ESTRUTURA CARDÍACA - Recebe o sangue dos veios carros superior e inferior
- PAREDES CARDÍACAS : e do seio coronário
- Endocárdio : endotélio uosãeort tecido conectivo . no septo interatrial → fossa oval : resquício do fo -
- Miocárdio : camada muscular helicoidal rame oval fetal ( atalho para o sangue sem passar pelo pulmão ,
- Epicárdio " lâmina visceral do pericárdio suoso já que este , não é utilizado no período embrionário) .
Apenas após o nascimento , com o uso do pulmão , há
APRESENTAÇÃO DO CORAÇÃO : Pirâmide uma mudança de pressão que fica mais alta fora do
{
voltada para TG a Ta átrio direito que ocasiona fechamento da fossa oval
→ limita - se pra bifurcação
do tronco pulmonar e pelo e Limbo da fossa Oval
✓
Base
sueco coronário (atrioventricular )
~
Face esterno costal : anterior , em
° Aurícula direita
-
-
-
- contato com esterno e costelas cvd)
e Números pectíruob : parte rugosa
-
-
-
-
-
-face pulmonar : impressão do
ventrículo esquerdo no puemáo (UE) VENTRÍCULO DIREITO
[ Ápice : posteriormente ao 5° espaço intercostal[
Face diafragmática: inferior (UE e VD)
CONFIGURAÇÃO INTERNA DO CORAÇÃO
e Esqueleto Fibroso - anéis fibrosos : votos\
trígono fibroso : conexão
dos áneis e parte membranáuos dos septos
e Responsável por manter - Cone arterial ou infundibula : saída para T. pulmonar
• Obs: malformações dos os orifícios valvas abertos , . Trabéculas caímoso
C septos podem gerar impedindo dilatação excessiva . Gusta supraventricular : separa a parede rugosa da pisa
a comunicação entre as I I
C câmaras . . Retardo na condução para . Valva tricúspide trabéculas com
obter o compasso adequado .
. Caudas tendínea
-
Músculos papilos : projeções musa . relacionados com náuseas
septal Talo Posterior } impede o prolapso das válvulas( vs e VA) (upevs)
Anterior contração : fechamento
CVA e VP )
. Septo interventricular
.
Trabécula septo marginal:
"
banda moderadora
"
- sai
do septo interventricular e se fixa ao músculo papilar anterior
,
se relacionando com a parte elétrica .
. Valvas do tronco pulmonar
e
Seios pulmonares das válvulas - voltado para parte pulm.
VALVAS
. Seios da aorta :
As válvulas semi lunares da volva
A D aórtica → Posterior com seio não coronária
e oitão da art . Óstio da art . ↳Direita e Esquerda comcoronário esq.
- D coronária direito seio coronário
E
p
A
e- C
S S D
P
nódulo C Tanto as uoluuhes semi lunares
P C
P tricúspide lúnula da valva do tronco pulmonar
mitral C
[
como da aorta
, não apresentam
Diferente dos demais regiões e cordas tendemos
do corpo , o sangue penetra
ÁTRIO ESQUERDO nas artérias coronárias durante a diástole ventricular .
. Maior parte da base do coração
• Aurícula esquerda com músculos petíneos
FOCOS DE AUSCULTA CARDÍACA
. Óstio das 4 meias pulmonares e Sons dos rolinhos de entrada:
- Septo interatrial : depressão semilunar com a valva yrtiãúop,DE + ÚTIL = TUM
do forame oval .
>
Átrio da valva atrioventricular E (mitral) de Sons das válvulas de saída :
Foco + Foco
AÓRTICO PULMONAR
= T A
✓
veias pulmonares VASCULATURA DO CORAÇÃO
~
possa oval . Artérias Coronários e veios cardíacos , que se situam entre
septo interatrial o epicárdio e o tecido gorduroso .
✓
. O endocárdio recebe os suprimentos difusão e micro
vascularizaçãodiretamente dos cárceres do coração .
ARTÉRIAS CORONÁRIAS
. Se originam dos seios coronárias direito e esquerdo .
VENTRÍCULO ESQUERDO
- O território de irrigação é variável de pessoa para pessoa .
. Ápice do coração e face pulmonar e parte da face diafragmática Apesar disso , a dominância esquerdo e direito são um tanto equilibrada
. Miocárdio mais espesso : bombeia sangue para todo corpo Possui ramos atuais finos . Dominância
e maior cavidade cônica . § pq na fonte t foi ACD : mais robusta
C 15% ACE
15% Codominância
|
A análise da dominância é
definida pela artéria que dá4° cartilagem costal
✓ origem
ao ramo
Wratten
geralmente
originada pelo
contorno de um
ramo da Aci
-
Vestíbulo da aorta
. valva da aorta ( 3: espaço intercostal)
ARTÉRIA CORONÁRIA DIREITA DRENAGEM VENOSA
- Volta- se para direita no sueco atrioventricular ou Seio Coronário : canal venoso que segue no
sulco coronário , ficando encoberta pela aurícula direita , parte posterior do sueco coronário , recebe o sangue
se continua até a face diafragmática. dos veios do coração e desemboca no átrio D .
. O ramo do cone arterial e o ramo do nó sinoatrial £ D
¥
são os primeiros ramos do ACD controleda Meg . elétrica
. Roma marginal direito
. Ramo do nó atrioventricular \
.
- Ramos atrás e ventriculares
- Ramo interventricular posterior } drenagemdo território
direito
n E
7 .| ←| matinal E
- Veia cardíaca Magna :
| . principal tributária do seio coronário
irriga os ventrículos . inicia - se como veia interventricular anterior ,
Dá origem aos r. interventricular septais ascende do ápice em direção ao sueco coronário
Pode se anastomosar com ramos da ACE
. Acompanha a Art. interventricular anterior do ACE
Nz posterior do septo o Átrio direito . veia Marginal Esquerda
interventricular ) maior parte do . veia ventricular esquerda posterior
←ACD ventrículo Dnó sinoatrial em . Veia oblíqua do átrio esquerdo - remanescente
Gó. dos casos { ↳ face diafragmática da VCS esquerda embrionaria .
nó atrioventricular do ventrículo E
em 80% dos casos
•
Veia Coronária Direita : veias anteriores do VD
que cruzam o sulco coronário e desembocam no AD
ARTÉRIA CORONÁRIA ESQUERDA