Exercicios de Fisica
97 pág.

Exercicios de Fisica

Disciplina:Física Teórica I1.404 materiais25.221 seguidores
Pré-visualização35 páginas
estava em primei-

ro, em segundo e em terceiro lugar, respectivamente,

no instante 10 s.

a) 1º Maria, 2º Joana, 3º Carla

b) 1º Joana, 2º Maria, 3º Carla

c) 1º Carla, 2º Maria, 3º Joana

d) 1º Maria, 2º Carla, 3º Joana

e) 1º Carla, 2º Joana, 3º Maria

3. (UEPA 2009) No cotidiano, usamos as palavras

peso e massa indistintamente. Na Física, estas pala-

vras designam conceitos distintos.

Em termos físicos, o peso de um corpo é definido

como o produto da massa pela aceleração da gravi-

dade. Para ilustrar esta definição, observe na tabela

como se comporta o peso de um homem de massa

igual a 60 kg em diferentes locais.

De acordo com a tabela, a aceleração da gravidade

em Marte, é:

a) 1,7 m/s
2

b) 3,7 m/s
2

c) 8,5 m/s
2

d) 9,8 m/s
2

e) 25 m/s
2

4. (UEPA 2009) Em alguns países, dependendo da

época do ano, ocorre a precipitação de neve, o que

ocasiona diversos problemas para a população afe-

tada. Um desses problemas é que as pistas, por onde

os carros se movimentam, tornam-se bastante escor-

regadias, o que dificulta a dirigibilidade dos auto-

móveis e, como conseqüência, é a causa de vários

acidentes.

A respeito desse assunto, analise as afirmações a-

baixo.

I. As pistas ficam escorregadias devido ao acúmulo

de gelo sobre elas, o que causa a redução do atrito

entre as superfícies em contato.

II. Um dos fatores que determinam as forças de atri-

to são as forças intermoleculares entre as superfícies

em contato. III. A força de atrito não depende do

peso do carro.

De acordo com as afirmativas acima, a alternativa

correta é:

a) I b) II

c) I e II d) II e III

e) I, II e III

5. (UEPA 2009) A experiência pioneira de Ruther-

ford, que observou colisões de partículas alfa com

núcleos de ouro, serviu de base para a elaboração de

seu modelo do átomo. Considere que nesta colisão, a

qual é elástica, a partícula alfa tinha uma velocidade

alta e o núcleo de ouro, que tem uma massa muito

maior, estava inicialmente em repouso. Analise as

seguintes afirmativas sobre esta colisão:

I. Se a partícula foi rebatida pelo núcleo com veloci-

dade igual à inicial, ela perde sua energia cinética,

ficando apenas com energia potencial.

II. A energia total é constante durante as colisões

descritas.

III. A energia cinética adquirida pelo núcleo de ouro

é igual a que foi perdida pela partícula durante a

colisão.

De acordo com as afirmativas acima, a alternativa

correta é:

a) I b) III

c) I e II d) II e III

e) I, II e III

6. (UEPA 2009) Em uma competição de natação de

100 m, nado livre, o tempo gasto pelo atleta vence-

dor no percurso de ida foi menor do que o tempo nos

50 m da volta.

Analise as seguintes afirmativas sobre a velocidade

média na competição de 100 m descrita acima.

I. Vence a competição aquele atleta que tem a maior

velocidade média.

II. A velocidade média total é sempre menor do que

as velocidades médias nos dois percursos.

III. A velocidade média nos primeiros 50 m é maior

do que nos 50 m finais.

IV. Se todos os atletas terminassem a prova ao

mesmo tempo, a maior velocidade média seria da-

quele que conseguisse o maior valor de velocidade

instantânea durante o percurso.

De acordo com as afirmativas acima, a alternativa

correta é:

a) I e II b) I e III

c) II e III d) III e IV

e) II e IV

7. (UEPA 2009) Para permanecer em uma órbita

circular, a uma certa distância fixa da Terra, um sa-

télite deve ter uma velocidade precisa. Para o cálcu-

lo da velocidade da órbita, observamos que a força

centrípeta (Fc) sobre o satélite é exatamente a força

de atração gravitacional (Fg) da Terra sobre ele.

Ao fazer Fc = Fg, é correto concluir que a velocidade

(V):

a) não depende da massa (m) do satélite.

b) varia diretamente com o raio (R) da órbita.

c) não depende da massa (M) do planeta.

d) varia de acordo com o quadrado do produto G M.

e) é independente do valor da constante gravitacio-

nal G.

8. (UEPA 2009) Todos os dias, uma grande parcela

da população utiliza automóvel como meio de trans-

porte. Admita que a energia fornecida pela gasolina

adquirida num posto de combustível seja igual a

10.000 J. Destes, 2.500 J foram utilizados para reali-

zar trabalho e o restante, isto é, os 7.500 J, são as

perdas. A partir dessas informações, analise as se-

guintes afirmativas:

I. Neste processo, a energia total se conserva.

II. O rendimento dessa máquina é igual a 75%.

III. O processo em questão é irreversível.

De acordo com as afirmativas acima, a alternativa

correta é:

a) I b) II

c) I e III d) II e III

e) I, II e III

9. (UEPA 2009) O som audível apresenta freqüên-

cias variando entre 20Hz e 20.000Hz, sendo a velo-

cidade do som no ar igual a 340m/s. Considerando-

se a onda sonora, é correto afirmar que:

a) quando ela passa de um meio para outro sua fre-

qüência se altera.

b) quando ela passa de um meio para outro seu

comprimento de onda permanece constante.

c) a qualidade fisiológica que permite distinguir um

som forte de um fraco é o timbre.

d) a qualidade fisiológica que permite distinguir dois

sons, de mesma altura, emitidos por fontes sonoras

diferentes é a amplitude.

e) o comprimento de onda do som de menor fre-

qüência, no ar, é igual a 17m.

10. (UEPA 2009) Um ribeirinho pretende atravessar

o rio e, para isso, constrói uma jangada com toras de

madeira. Cada tora tem 0,08m³ e massa de 40kg. Se

o ribeirinho tem 70kg, qual a quantidade mínima de

toras ele pode usar para que a jangada não afunde?

Considere a densidade da água 1000kg/m³.

a) 1 b) 2

c) 3 d) 4

e) 5

11. (UEPA 2009) O som na atmosfera diminui de

intensidade à medida que se distancia da fonte.

Quanto maior é a freqüência do som, mais rapida-

mente ele é atenuado com a distância. Em um show

estão se apresentando os cantores Walter Bandeira,

que canta em tom grave, e Andréa Pinheiro, em tom

agudo. O sistema de som emite as duas vozes com a

mesma intensidade. Dentre os gráficos abaixo, mar-

que aquele que descreve corretamente o comporta-

mento das ondas sonoras descrito acima:

a) b)

c) d)

e)

12. (UEPA 2009) Os mamíferos possuem um meca-

nismo de controle de temperatura em seus corpos

que age para manter a temperatura aproximadamen-

te constante. Já os répteis não contam com um con-

trole desses e a temperatura de seus corpos varia

conforme a temperatura do ambiente.

Analise as seguintes afirmativas, considerando que o

corpo de uma pessoa se mantenha a 37°C e que o de

um jacaré permaneça sempre na mesma temperatura

do meio.

I. Se um jacaré ficar em um ambiente em que a tem-

peratura seja de 30°C, ele absorverá calor do ambi-

ente continuamente e, após um tempo, haverá um

fluxo líquido de calor do jacaré para o ambiente.

II. Se a temperatura do ambiente for abaixo de 25°C,

tanto o jacaré quanto a pessoa entrarão em equilíbrio

térmico com o meio.

III. Existe um fluxo líquido de calor da pessoa para

o ambiente, enquanto a temperatura do ambiente for

abaixo de 37°C.

De acordo com as afirmativas acima, a alternativa

correta é:

a) I b) III

c) I e III d) II e III

e) I, II e III

13. (UEPA 2009) Morcegos e golfinhos se orientam

emitindo ondas sonoras em torno de 150 KHz e cap-

tando suas reflexões pelos objetos ao redor. Esta

habilidade é chamada de ecolocalização. Analise as

afirmações a seguir:

I. Se um golfinho escutar duas reflexões diferentes

de um pulso que ele emitiu, cada uma com uma fre-

qüência diferente, então o objeto que refletiu a onda

de freqüência menor que 150 KHz está se afastando

do golfinho.

II. As ondas emitidas para a ecolocalização estão na

faixa do infra-som.

III. O tempo necessário para o golfinho ouvir o eco

de um objeto, a uma certa distância, é menor do que

o tempo que o morcego levará para ouvir o eco de

outro objeto à mesma