O condomínio pode figurar no polo passivo de uma relação jurídica

É sabido que condomínio não é pessoa jurídica, mas é correto afirmar que tal fato impede que o condomínio seja sujeito em uma relação jurídica? Se um morador, por exemplo, tiver problemas com o condomínio e decidir recorrer à Justiça, poderá o condomínio figurar no polo passivo da relação jurídica?

Aula de Personalidade Jurídica da Pessoa Jurídica.

ESTÁCIO

Disciplina: Direito Civil I