A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
9 pág.
DIGESTÃO E ABSORÇÃO NO TRATO GASTROINTESTINAL capítulo 66 Guyton

Pré-visualização | Página 6 de 6

corpo. Nos animais herbívoros, essa fonte de energia é significativa, embora seja de importância negligível 
nos seres humanos. Outras substâncias formadas como resultado da atividade bacteriana são: a vitamina K, 
vitamina B12, tiamina, riboflavina e diversos gases que contribuem para a flatulência, especialmente dióxido de 
carbono, gás hidrogênio e metano. A vitamina K formada pela atividade bacteriana é sobretudo importante, 
porque a quantidade dessa vitamina nos alimentos ingeridos diariamente, em geral, é insuficiente para manter a 
coagulação sanguínea adequada. 
 
 Composição das Fezes: 
As fezes são compostas normalmente por três quartos de água e um quarto de matéria sólida que, por sua vez, é 
composta por 30% de bactérias mortas, 10% a 20% de gordura, 10% a 20% de matéria inorgânica, 2% a 3% de proteínas e 
30% de restos indigeridos dos alimentos e constituintes secos dos sucos digestivos, tais como pigmento da bile e células 
epiteliais degradadas. A cor marrom das fezes é causada pelas estercobilina e urobilina, derivadas da bilirrubina. O odor é 
ocasionado principalmente por produtos da ação bacteriana; esses produtos variam de uma pessoa para outra, 
dependendo da flora bacteriana colônica de cada pessoa e do tipo de alimento ingerido. Os verdadeiros produtos 
odoríferos incluem indol, escatol, mercaptanas e sulfeto de hidrogênio.

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.