Buscar

Reformas e Resistências

Prévia do material em texto

1
De acordo com Roberto Leal Silva Filho, nos anos de 1960 ocorreram no Brasil
diversas manifestações de docentes, de pesquisadores e de movimentos estudantis
exigindo reformas do sistema universitário brasileiro, que ainda mantinha o sistema
arcaico de cátedras e número limitado de vagas.
Fonte: adaptado de: SILVA FILHO, R. L. Entrevista: lições e problemas da
universidade. [Entrevista cedida a] Marco Antônio Coelho. Estudos Avançados, São
Paulo, v. 6, n. 15, p. 130-145, maio 1992.
As principais críticas apontavam o caráter elitista das universidades, o número
insuficiente de vagas, a necessidade de atualização dos currículos e o fim do
sistema de cátedras vitalícias. Considerando essa questão, avalie as afirmativas
que correspondam ao tema:
I. O governo propôs a implantação dos cursos de pós-graduação.
II. O governo designou um grupo de trabalho para propor reformas nas
universidades.
III. O grupo designado propôs o fim das cátedras vitalícias e a criação do regime
departamental.
IV. As principais reformas propostas envolviam a gratuidade do ensino e a
valorização dos docentes.
É correto o que se afirma em:
A
I, apenas.
B
I, II e III, apenas.
C
III e IV, apenas.
D
II e IV, apenas.
2
De acordo com Fábio Stern, o ano de 2016 foi um marco para as Ciências da
Religião e a Teologia no Brasil. As disciplinas eram identificadas pela CAPES como
uma subcomissão da área de Filosofia. A partir de 2016, elas passaram a compor a
Área de Avaliação 44: Ciências da Teologia e Teologia.
Fonte: adaptado de: STERN, F. L. A criação da área de avaliação “Ciências da
Religião e Teologia” na Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível
Superior (CAPES). Espaços, Revista de Teologia e Cultura, v. 26, n. 1, 2018.
Disponível em: https://espacos.itespteologia.com.br/espacos/article/view/62. Acesso
em: 4 jul. 2023.
A criação da nova área de avaliação sofreu resistência por parte da Sociedade
Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). Com base nas informações
apresentadas, avalie as asserções a seguir e a relação proposta entre elas:
I. A SBPC vetou o uso do termo Ciências da Religião, considerando que a
associação do termo ciência ao estudo da religião abriria precedentes para a
utilização do termo por instituições religiosas.
PORQUE
II. As respostas dadas a esses questionamentos demonstraram as diferenciações
metodológicas entre Teologia e Ciência da Religião; apresentaram o histórico dos
PPGCR no Brasil; apontaram a inconveniência da análise externa baseada no
desconhecimento das especificidades das disciplinas; e apresentaram o histórico de
quarenta anos de autorização do MEC na nomeação dos programas de Ciências da
Religião.
A respeito dessas asserções, assinale a opção correta:
A
A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.
B
A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
C
As asserções I e II são verdadeiras, e a II é uma justificativa correta da I.
D
As asserções I e II são verdadeiras, mas a II não é uma justificativa correta da I.
3
De acordo com Walter Capps, as tradições normativas são princípios norteadores
responsáveis pela definição de parâmetros de análise e produção de pesquisas em
determinado período. Não se trata de períodos precisamente definidos, havendo
sobreposições de tradições em determinadas circunstâncias.
Fonte: adaptado de: CAPPS, W. H. Religious Studies: the making of a discipline.
Mineápolis: Fortress Press, 1995.
No Brasil, consideramos que os estudos da religião sofreram a influência de três
tradições norteadoras distintas. Com base nessa afirmação, analise as afirmações
considerando V para verdadeiro e F para falso:
( ) A tradição normativa da Psiquiatria analisa a religião e o indivíduo religioso.
( ) A tradição normativa da Sociologia é caracterizada pelas abordagens
sociológicas da religião.
( ) A tradição normativa da Teologia resultou da separação entre as teologias
católica e protestante.
( ) A tradição normativa da Psiquiatria foi desenvolvida através da criação da USP
na década de 1934.
Assinale a afirmativa que contempla corretamente a sequência:
A
V, F, F, V.
B
V, V, F, F.
C
V, V, V, F.
D
F, V, V, F.
4
De acordo com Frederico Pieper, o padre Jaime Snoek encaminhou ao Conselho
Federal de Educação (CFE) uma proposta de criação do Instituto de Teologia da
UFJF. A proposta de criação do Instituto de Teologia da UFJF foi analisada e o
parecer nº 190/68 - CFE, de 15 de março de 1968, foi contrário.
Fonte: adaptado de: PIEPER, F. Aspectos históricos e epistemológicos da Ciência
da Religião no Brasil: um estudo de caso. Numen – Revista de Estudos e Pesquisa
da Religião, Juiz de Fora, v. 21, n. 2, p. 232-291, jul. 2018. Disponível em:
https://periodicos.ufjf.br/index.php/numen/article/view/22159. Acesso em: 4 jul. 2023.
O parecer contrário emitido pelo professor Newton Sucupira é considerado a
certidão de nascimento das Ciências da Religião no Brasil. A partir do conteúdo
abordado, associe quais pontos deste parecer contrário contribuíram para a criação
das Ciências da Religião no Brasil:
I. O parecer considerou que a proposta da UFJF apontava para uma Teologia
Dogmática.
II. O parecer considerou que não haviam verbas públicas naquele momento para o
investimento.
III. O parecer considerou que o estudo da religião não é um tema acadêmico, mas
sim eclesiástico.
IV. O parecer negou a criação do departamento de Teologia e propôs a criação de
um Departamento de Ciências da Religião.
É correto o que se afirma em:
A
II e III, apenas.
B
I e IV, apenas.
C
III e IV, apenas.
D
I, II e III, apenas.
5
De acordo com Dilaine Soares Sampaio, os resultados alcançados e os trabalhos
apresentados no Seminário da UFJF em 2000 foram publicados através do livro A(s)
Ciência(s) da Religião no Brasil: Afirmação de uma Área Acadêmica.
Fonte: adaptado de: SAMPAIO, D. S. Ciências da Religião e Teologia como área
autônoma: reconfiguração do debate epistemológico, novos desafios e perspectivas
para o estudo das (não) religiões e da(s) espiritualidade(s). Horizonte, Belo
Horizonte, v. 17, n. 53, p. 890-914, maio 2019. Disponível em:
http://periodicos.pucminas.br/index.php/horizonte/article/view/20337. Acesso em: 4
jul. 2023.
Considerando que essa obra se tornou paradigmática para as Ciências da Religião
no Brasil e marcou o início da sistematização dos debates epistemológicos e o
primeiro salto epistemológico da área, sobre a importância da obra para a questão
da epistemologia, assinale a alternativa correta:
A
A importância foi expressa na abordagem da necessidade de superação dos limites
cognitivos, bem como na necessidade de um contrato epistemológico estabelecido
entre o corpo político-social da área.
B
As relações entre as Ciências Sociais e as Ciências da Religião demandam a
proximidade epistemológica entre ambas.
C
A importância residiu na busca pela aplicabilidade das Ciências da Religião.
D
A proposta de coesão entre as epistemologias das Ciências da Religião e da
Teologia promoveram um grande salto epistemológico para a área.
6
De acordo com Antônio Gouvêa de Mendonça, no ano de 2002, a Universidade
Presbiteriana Mackenzie criou seu programa de pós-graduação em Ciências da
Religião na modalidade mestrado. O programa também foi criado a partir da
proximidade com a Teologia.
Fonte: adaptado de: VALLE, E.; QUEIROZ, J. J.; MENDONÇA, A. G. Memórias da
fase inicial da Ciência da Religião no Brasil: entrevistas com Edênio Valle, José J.
Queiroz e Antônio Gouvêa Mendonça. [Entrevistas cedidas a] Ângela Cristina
Borges Marques; Marcelo Rocha. Rever – Revista de Estudos da Religião, São
Paulo, n. 1, p. 192-214, mar. 2007.
Antônio Gouvêa Mendonça, que havia participado da criação do programa da
UMESP, participou da criação do programa de pós-graduação em Ciências da
Religião como consultor convidado. Considerando essa questão, avalie as
afirmativas que correspondem ao tema:
I. A intenção da Mackenzie era de criar uma pós-graduação em Teologia.
II. A intenção era criar um curso voltado ao segmentoprotestante na Grande São
Paulo
III. O corpo docente era formado majoritariamente por docentes formados em
Ciências da Religião.
IV. O programa da Mackenzie inovou e foi o primeiro a ter a modalidade mestrado
profissional no Brasil.
É correto o que se afirma em:
A
II e IV, apenas.
B
I, II e III, apenas.
C
III e IV, apenas.
D
I, apenas.
Revisar Conteúdo do Livro
7
De acordo com Sonia Elizabeth Reyes Herrera, as primeiras pesquisas com
fundamentação científica sobre a religião no Brasil surgiram no interior de uma
tradição normativa da psiquiatria, abordando o indivíduo religioso a partir do
preconceito racial e cultural dirigido principalmente aos afrodescentes.
Fonte: adaptado de: HERRERA, S. E. R. Reconstrução do processo de formação e
desenvolvimento da área de estudos da religião nas Ciências Sociais brasileiras.
2004. 374 f. Tese (Doutorado) – Programa de Pós-Graduação em Sociologia,
Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Rio Grande do Sul, 2004.
A aproximação da Psiquiatria com os estudos da religião resultou das pesquisas
produzidas no século XIX por autores como Foustel de Coulanges, Émile Durkheim,
Max Weber e Sigmund Freud. Considerando essa questão, avalie as afirmativas
que correspondam ao tema:
I. O interesse da Psiquiatria surgiu da análise das relações humanas com o
transcendente.
II. As pesquisas eram realizadas exclusivamente no interior dos hospitais e dos
manicômios.
III. As pesquisas eram produzidas a partir do pressuposto da neutralidade axiológica
e científica.
IV. Os pesquisadores tinham a religião e suas diversas manifestações como objeto
principal de pesquisa.
É correto o que se afirma em:
A
I, apenas.
B
II e IV, apenas.
C
I, II e III, apenas.
D
III e IV, apenas.
Revisar Conteúdo do Livro
8
De acordo com Macioniro Celeste Filho, um capítulo importante da história das
pesquisas acadêmicas em religião foi escrito no Brasil a partir da fundação da
Universidade de São Paulo (USP), em 1934. Tanto as pesquisas como os
pesquisadores foram beneficiados com um refinamento teórico e metodológico.
Fonte: adaptado de: CELESTE FILHO, M. Os primórdios da Universidade de São
Paulo. Revista Brasileira de História da Educação, n. 19, p. 187-204, jan. 2009.
Disponível em: https://www.redalyc.org/pdf/5761/576161064001.pdf. Acesso em: 4
jul. 2023.
A criação da USP com um quadro docente estrangeiro promoveu o alinhamento do
pensamento científico nacional com o pensamento da comunidade internacional,
possibilitando uma evolução metodológica nas pesquisas produzidas a partir de
então. Com base nas informações apresentadas, avalie as asserções a seguir e a
relação proposta entre elas:
I. A partir da década de 1950, as pesquisas sobre a religião sofreram alterações,
sendo inaugurada a tradição normativa da Sociologia na elaboração dos estudos da
religião.
PORQUE
II. A criação da USP com um quadro docente estrangeiro beneficiou as pesquisas
sobre a religião com a inclusão de metodologias advindas das Ciências Sociais e da
Antropologia, bem como de novos olhares e abordagens sobre os fenômenos
religiosos.
A respeito dessas asserções, assinale a opção correta:
A
As asserções I e II são verdadeiras, e a II é uma justificativa correta da I.
B
As asserções I e II são verdadeiras, mas a II não é uma justificativa correta da I.
C
A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.
D
A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
9
De acordo com Faustino Teixeira, o seminário dos programas de Ciências da
Religião, promovido pela ANPTER, realizado na UFJF no ano de 2000, foi um
importante espaço de autorreflexão metodológica e epistemológica, além de ser um
indicador da consolidação da fase formativa da área no Brasil.
Fonte: adaptado de: TEIXEIRA, F. (org.). A(s) Ciência(s) da Religião no Brasil:
afirmação de uma área acadêmica. 2. ed. São Paulo: Paulinas, 2008.
O seminário foi organizado pelo PPCIR da UFJF e contou com a participação de
inúmeros pesquisadores, docentes e discentes dos programas de pós-graduação
em Ciências da Religião até então existentes. Considerando essa questão,
identifique as afirmativas que correspondam ao tema:
I. O seminário discutiu sobre diversos temas epistemológicos da área.
II. O seminário da UFJF representou o primeiro grande salto epistemológico da
área.
III. A proposta do seminário foi reunir pesquisadores e alunos dos programas de
Ciências da Religião para trabalhar a questão da afirmação, da pertinência e dos
desafios da área no Brasil.
É correto o que se afirma em:
A
III, apenas.
B
II e III, apenas.
C
I, II e III.
D
I e II, apenas.
Revisar Conteúdo do Livro
10
De acordo com Maurílio Ribeiro da Silva, o ano de 2013 foi outro marco da evolução
do debate epistemológico das Ciências da Religião. Nesse ano ocorreu o que autor
descreveu como sendo o segundo grande salto epistemológico da área, a
publicação do Compêndio de Ciência da Religião.
Fonte: adaptado de: SILVA, M. R. Ciência da Religião: contexto e pressupostos.
Belo Horizonte: Editora PUC Minas, 2022.
A publicação do Compêndio partiu da iniciativa dos professores João Décio Passos
e Frank Usarski, que organizaram a obra coletiva que contou com a contribuição de
52 pesquisadores e pesquisadoras das diversas áreas de estudo da religião.
Considerando a importância da obra para o desenvolvimento epistemológico da
área, analise as afirmações considerando V para verdadeiro e F para falso:
( ) O Compêndio foi estruturado com cinco divisões ou abordagens.
( ) O Compêndio se consolidou como obra de referência em todos os cursos.
( ) O Compêndio apresenta o desenvolvimento das Ciências da Religião na
América Latina.
( ) O Compêndio tem como abordagem principal a questão dos pressupostos
científicos e das teorias.
Assinale a afirmativa que contempla corretamente a sequência:
A
V, F, F, V.
B
V, V, F, F.
C
F, V, V, F.
D
V, V, V, F.
  • Relacionados
  • Inteligência Artificial