A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
apol musica na sala de aula

Pré-visualização | Página 2 de 2

Jackeline Marisa. A música no desenvolvimento da criança de 3 a 4 anos na educação infantil. Revista REP’s. Experiências em Educação do Campo: Perspectivas e práticas pedagógicas, Sinop, v. 7, n. 3 (20. ed.), p. 1146-1160, ago./dez, 2016. p. 1149. <sinop.unemat.br/projetos/revista/index.php/eventos/article/download/2556/1870>. Acesso em 14 nov. 2017. 
Conforme os conteúdos do livro-base Música na infância e na adolescência: Um livro para pais, professores e aficionados sobre desenvolvimento musical infantil, analise as afirmativas que seguem:
I. A estimulação precoce do desenvolvimento musical em crianças é prejudicial a elas, pois ainda não têm capacidade de escolha.
II. Na pré-adolescência, as crianças se tornam mais críticas e seus interesses mudam e, por isso, podem substituir atividades que gostavam de fazer, por exemplo, cantar e dançar, por outras.
III. Há certo consenso entre pesquisadores ao afirmarem que, nas primeiras séries do Ensino Fundamental, os alunos estão mais receptivos à música, pois esta é uma das fases mais ricas e prazerosas para o ensino e a aprendizagem musicais.
IV. Uma pesquisa comprovou que bebês preferem versões musicais acompanhadas por vários instrumentos musicais do que músicas cantadas apenas por voz humana. 
Está correto apenas o que se afirma em:
Nota: 20.0
	
	A
	II e IV
	
	B
	II, III e IV
	
	C
	II e III
Você acertou!
A alternativa correta é a letra c) II e III. A afirmativa II está certa, tendo em vista que, na pré-adolescência, “além de as crianças ficaram autoconscientes (e críticas!) de seus atos – cantar e dançar em público, por exemplo, ganham novos significados – seus interesses também começam a mudar [...]. É justamente nessa época que algumas crianças substituem diversas atividades por outras (livro-base, p. 43). A III está correta, pois “há certo consenso nas pesquisas em educação musical de que é nas primeiras séries do Ensino Fundamental que os alunos estão mais receptivos à música [...]. [Os estudos] chegam a sugerir que essa é uma das fases mais ricas e prazerosas para o ensino e aprendizagem musicais” (livro-base, p. 43,44). A I é incorreta, pois a infância é um “dos períodos mais propícios da vida para a aprendizagem [...], [e] a estimulação precoce tem consequências para o desenvolvimento da criança. Desde que os limites da criança sejam respeitados, a estimulação precoce pode ser mesmo benéfica” (livro-base, p. 39). A IV está errada, porque uma pesquisa provou que bebês preferem ouvir canções apenas cantadas por voz humana, sem instrumentos musicais (livro-base, p. 43).
	
	D
	I, II e III
	
	E
	I, II e IV
Questão 5/5 - Música na Sala de Aula
Leia com atenção o trecho de texto a seguir: 
“Segundo Blasco [...], da Pré-História à Idade Antiga, o uso terapêutico da música se baseava em uma modalidade de pensamento mágico, ou seja, o tipo de pensamento causal que buscava correlações entre os fenômenos da natureza e as doenças. Um dos princípios fundamentais sobre os quais se embasavam as práticas de cura desse período era a crença de que a música era um dom dos deuses capaz de restabelecer a harmonia do corpo enfermo desarmonizado”. 
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: CAMPOS, Louise Ferreira; NAKASU, Maria Vilela. Efeitos da utilização da música no ambiente hospitalar: Revisão sistemática. Revista Sonora, Campinas, v. 6, n. 11, p. 9-19, 2016. p. 10. <https://www.publionline.iar.unicamp.br/index.php/sonora/article/download/686/659>. Acesso em 14 nov. 2017. 
Levando em consideração os conteúdos do livro-base Música na infância e na adolescência: Um livro para pais, professores e aficionados sobre música e bem-estar, analise as asserções a seguir:
I. Não há pesquisas ainda sobre o efeito da música em pacientes hospitalizados, pois é difícil comprovar que a música pode ser usada como terapia.
II. Nos Estados Unidos e no Canadá, vários médicos e dentistas fazem uso da música em seus consultórios ou clínicas a fim de relaxar os pacientes que aguardam por um tratamento.
III. Pesquisa desenvolvida em um hospital, no Canadá, comprovou que o humor das crianças e adolescentes melhoraram porque tiveram sessões diárias de musicoterapia.
IV. Uma pesquisa realizada na Inglaterra, em um hospital, sugeriu que, durante as sessões de musicoterapia, as crianças ficavam relaxadas, calmas e diminuíram a ansiedade e o estresse, mesmo que temporariamente. 
Está correto somente o que se afirma em:
Nota: 20.0
	
	A
	I e II
	
	B
	II e III
	
	C
	I, II e III
	
	D
	II, III e IV
Você acertou!
A alternativa correta é a letra d). A afirmativa II está correta, uma vez que “nos estados Unidos e no Canadá [...], vários médicos e dentistas colocam música de fundo para relaxar um paciente que espera por um tratamento doloroso ou uma cirurgia” (livro-base, p. 93). A III está certa, já que “um grupo de musicoterapeutas do Hospital de Crianças Enfermas de Toronto, Canadá, resolveu investigar se sessões diárias de musicoterapia teriam algum impacto no bem-estar de crianças portadoras de câncer [...]. Os resultados foram claros: as crianças e adolescentes melhoraram o humor” (livro-base, p. 93,94). A IV está correta, porque um estudo realizado em um hospital na Inglaterra sugeriu que, durante as sessões de musicoterapia, “ao cantarem e ouvirem música, as crianças, os adolescentes e os bebês relaxaram, acalmando, ainda que temporariamente, a ansiedade e o estresse” (livro-base, p. 94). A I está errada, pois “há [...] estudos que sugerem que a música pode ter efeitos fisiológicos no ser humano e que pode ser usada para fins de terapia e cura” (livro-base, p. 92).
	
	E
	I e IV

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.