Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
A ação do professor

Pré-visualização | Página 1 de 1

1
UNIVERSIDADE PAULISTA
EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA
A AÇÃO DO PROFESSOR: Uma atitude que faz a diferença
O professor é um instrumento de catequização que faz toda a diferença na vida do aluno. É através de seus ensinamentos que o educando instruiu-se durante sua vida educativa. Segundo Almeida (2015) no texto intitulado “Teddy e a superação diante de uma perda, através da intervenção de sua Professora”, a docente foi responsável direta pelo futuro de Teddy, pois, desde o instante em que a Sra. Thompson leu os relatórios e conscientizou-se da rotina familiar de seu aluno, ela se compadeceu de todos os acontecimentos e resolveu fazer a diferença.
Quando a Sra. Thompson começou a incentivar Teddy na realização de suas tarefas, bem como coloca-lo dentro do assunto estudado, a participação do menino aumentou, bem como seus conhecimentos. Aos poucos a vontade de estudar foi voltando, fazendo-o o melhor aluno da turma daquele ano.
Embora os professores enfrentem obstáculos e dificuldades todos os dias, eles necessitam demonstrar capacidades e habilidades sociais e profissionais, demonstrando comprometimento com a aprendizagem e desenvolvimento de seus estudantes. Ao exibir conhecimento dos conteúdos de aprendizagens, o professor demonstra ensino aprendizagem condizente com a necessidade do aluno.
Ao deixar de ser uma simples educadora, a Sra. Thompson passou a exercer importante papel na vida de Teddy, sendo considerada posteriormente como a melhor professora, inclusive sendo até comparada com sua mãe. Após toda a dedicação da Sra. Thompson, Teddy passou a informá-la de todas as suas conquistas. Desta forma, entende-se que os professores precisam ser vistos como anjos protetores, que ajudam, apoiam e estão ao seu lado sempre que precisar. Independente da profissão escolhida, o educador faz toda a diferença no momento da decisão.
No que tange o texto de Thomas Edison (MOMENTO ESPÍRITA, 2010), o educador também poderia ser o responsável pelo futuro de seu aluno, porém nesse caso, o resultado seria negativo. Com a dispensa do aluno, o professor colocou-o à disposição de todas as possibilidades, porém sua mãe abraçou a educação de seu filho, fazendo-o o gênio do século.
Salienta-se que se a mãe tivesse tido a mesma postura do professor, muitas invenções deixariam de existir, muitos benefícios para a humanidade não seria oferecidos, porém, com sabedoria a mãe galgou os degraus da aprendizagem do filho junto com o mesmo. 
Assim, conclui-se que o desenvolvimento precisa acontecer para condicionar o progresso de cada um. Outra consideração importante é que cada um possui um modo de aprender e o educador, com seus conhecimentos precisa discernir esta atitude, explorando o melhor de cada aluno e não abrindo mão dele por conveniência. Ações deste tipo são consideradas como diferenciais, da mesma forma que há alunos com diferentes modos de aprender, há educadores com diferentes modos de educar.
Concomitantemente, a Sra. Thompson fez toda a diferença na aprendizagem de Teddy, sendo instrumento essencial para sua formação. Por meio do incentivo ela impulsionou Teddy a se tornar um respeitável doutor. Porém no caso de Tomas Edison quem fez a diferença foi sua mãe, que o educou e incentivou a ir de encontro a mais e mais informações, lapidando seus conhecimentos, reforçando a atitude errônea do professor. 
Por fim, os educadores necessitam estimular e incentivar os educandos, impulsionando-os a novos saberes e aptidões.
REFERÊNCIAS
ALMEIDA, C. A. Carta do Professor de Thomas Edison para sua Mãe. 2015. Disponível em: <http://www.ovaledoribeira.com.br/2015/11/carta-do-professor-de-tho mas-edison-para-sua-mae.html#axzz4gULApC1M>. Acesso em: 13 nov. 2017.
MOMENTO ESPÍRITA. Você pode fazer toda a diferença. 2010. Disponível em: <http://www.momento.com.br/pt/ler_texto.php?id=656>. Acesso em: 13 nov. 2017.