BDQ Psicologia das Pessoas com Necessidades Especiais
56 pág.

BDQ Psicologia das Pessoas com Necessidades Especiais


DisciplinaPsicologia das Pessoas com Necessidades Especiais45 materiais79 seguidores
Pré-visualização14 páginas
Psicologia das Pessoas com Necessidades Especiais
1a Questão
A história da pessoa com necessidades especiais passou por diversos significados que foram sendo construídos 
por diferentes visões culturais e contextos históricos. As transformações das atitudes da sociedade em relação à
pessoa com deficiência decorrem da forma com que a sociedade organiza seus paradigmas. As descobertas 
científicas realizadas no Renascimento permitiram o desenvolvimento científico das causa da deficiência porque 
trouxe conceitos de normalidade que funcionaram como uma nova forma de exclusão. Acerca destas 
afirmações, assinale a resposta correta:
Tanto a primeira como a segunda são afirmações falsas.
 As duas afirmações são verdadeiras, mas a segunda não é uma justificativa correta da 
primeira
A primeira é uma afirmação falsa e a segunda uma afirmação verdadeira
A primeira afirmação é uma proposição verdadeira e a segunda uma proposição falsa
As duas afirmações são verdadeiras e a segunda é uma justificativa correta da primeira.
Explicação:
As duas afirmativas são verdadeiras, mas a segunda afirmativa não é uma justificativa da primeira: 
A ciencia realmente permitiu uma explicação cientifica e o conceito de normalidade levou a um 
outro tipo de exclusão, mas esta exclusão não decorreu das descobertas da ciências, mas dos 
padrões quantitativos.
 
Ref.: 201603493815
 2a Questão
A história mostra que os discursos sobre a deficiência têm como efeito uma prática que começou com uma 
grande discriminação e um enorme isolamento, porque o paradigma da beleza e da perfeição considerava que 
as pessoas com deficiências não tinham direito à vida . Acerca destas afirmações, assinale a resposta correta:
Tanto a primeira como a segunda são afirmações falsas
A primeira afirmação é uma proposição verdadeira e a segunda uma proposição falsa
 As duas afirmações são verdadeiras e a segunda é uma justificativa correta da 
primeira.
A primeira é uma afirmação falsa e a segunda uma afirmação verdadeira
As duas afirmações são verdadeiras, mas a segunda não é uma justificativa correta da 
primeira
Explicação:
As duas afirmativas são verdadeiras. A segunda é uma justificativa correta da primeira porque 
como as pessoas com deficiência não se enquadravam nos padrões esperados pela sociedade as 
práticas de eliminar as pessoas deficientes eram decorrentes dos paradigmas de beleza e perfeição 
geraram esta prática da antiguidade de discriminar e isolar as pessoas com deficiências porque o 
padrão esperado era o da beleza e perfeição e as pessoas com deficiências que não correspondiam a
este padrão e eram eliminadas.
 
Ref.: 201602997348
 3a Questão
Analisando os aspectos dos primórdios do uso da medicina, podemos citar o teórico que com a seguinte fala 
discorre: ¿ uso da medicina no tratamento das aberrações mentais, em vez de exorcismos e palavras mágicas.¿
 Paracelso
Einstein
Michelangelo
Pinel
Papa
Explicação:
As contribuições de Paracelso foram um avanço porque este médico postulava que as doenças não deveriam ser 
curadas com métodos mágicos, mas que poderiam ser objeto de um tratamento. As postulações feits por Paracelso 
favoreceram um olhar clínico sobre as deficiências, enfatizando que um processo de tratamento era possível. Assim, 
a partir de Paracelso começa a mudança de paradigmas das causas mágicas das doenças para a explicação e 
tratamento médico-cientifico.
 
Ref.: 201603356559
 4a Questão
Na história moderna do ocidente- a partir do sec. VI a.C. na Grecia - as pessoas que estivessem fora dos 
padrões da época de beleza e compleição física deveriam ser eliminadas do grupo. Essas pessoas eram levadas 
à algum lugar afastado e deixadas à própria sorte. Como se chama esse costume?
 Exposição
Infanticídio
Genocídio
Purificação
Eliminação
Explicação:
Beleza e força das pessoas eram os padrões esperados nas sociedades da antiguidade. Como as pessoas com 
deficiências fugiam a este padrão e eram vistas como imperfeitas eram realizadas práticas de eliminação. A exposição 
era uma das práticas de eliminação utilizadas pelas sociedades antigas e consistia em abandonar as crianças 
imperfeitas e fracas sem cuidado o que levava á morte.
 
Ref.: 201602997347
 5a Questão
A pessoa com deficiência foge dos padrões de beleza e força aclamado e fomentado pela sociedade. Quando tais
sujeitos fugiam deste padrão, estes eram:
Mumificados
Tratados pelos aprendizes da medicina da época
Colocados para tocar os sinos das igrejas
 Assassinados e barbarizados
Canonizados por ser um ser especial
Explicação:
 
A história do olhar que se tem sobre as deficiências refletem a exclusão a que foram submetidas às pessoas com 
necessidades especiais. Baseavam-se num paradigma discriminatório e de exclusão, às vezes da forma mais radical 
como o abandono e a morte.
Assim, na antiguidade, quando a pessoa não apresentava os padrões ideias de beleza e perfeição esperados eram 
consideradas anormais e afastadas da sociedade, assassinados e barbarizados.
 
 
 
Ref.: 201602998452
 6a Questão
Muitas intempéries existem na relação deficiência e sociedade. Marque a correta.
Deficiência e sociedade se complementam visto que ambas andam juntas
Não existe preconceito na sociedade brasileira
A sociedade é verdadeiramente justa e humana para todos. Está na legislação.
A deficiência é tratada de forma saudável
 A sociedade prima pela beleza e saúde, assim exclui a deficiência
Explicação:
 
A história do olhar da sociedade sobre as deficiências refletem o preconceito a que foram 
submetidas às pessoas com necessidades especiais. O preconceito da sociedade baseia-se num 
paradigma discriminatório e de exclusão, de todos os que não apresentam os padrões de beleza e 
saúde esperados pelos padrões idealizados vigentes na sociedade.
 
Ref.: 201603419870
 7a Questão
Analisando o histórico de como as culturas ocidentais entendiam a pessoa com necessidades especiais. É correto
afirmar que estudamos a história desse grupo no ocidente pois:
assim podemos impedir que a exclusão se dê já que toda a sociedade tem acesso ao 
processo de exclusão no contexto histórico.
assim podemos compreender que a inclusão depende exclusivamente do modo como as
pessoas com necessidades especiais se veem.
 assim podemos compreender o quanto avançamos e isso é um incentivo para 
seguirmos em nosso trabalho de inclusão.
assim entendemos que o papel do profissional de saúde é relevante desde os 
primórdios da história da inclusão das pessoas com necessidades especiais.
assim não desistiremos, pois vemos que os esforços no passado não impediram que 
pessoas com necessidades especiais continuem sendo excluídas.
Explicação:
Estudamos a forma como as culturas ocidentais compreendem as pessoas com necessidades especiais 
para situarmos os avanços no entendimento da PNE e como incentivo para o trabalho de inclusão 
mostrando sua importância.
 
Ref.: 201603018723
 8a Questão
Na Antiguidade, antes do surgimento do cristianismo, as pessoas com deficiências eram vistas como sub-
humanas. Em Roma, por exemplo, as pessoas que estavam fora dos padrões de força e beleza eram 
abandonadas em lugares ermos para esperar pela morte. Qual nome se dá a essa pratica?
Rotular
 Exposição
Inquisição
Exclusão
Mortificação
Explicação:
Beleza e força das pessoas eram os padrões esperados nas sociedades da antiguidade. Como as pessoas 
com deficiências fugiam a este padrão e eram vistas como imperfeitas eram realizadas práticas de 
eliminação. A exposição era uma das práticas de eliminação utilizadas pelas sociedades antigas e consistia 
em abandonar as crianças imperfeitas e fracas sem cuidado o que levava á morte.
1a Questão
Assinale abaixo a opção que melhor define o conceito de Normalidade no contexto da saúde:
Normal é um termo