Eletro   Ultrassom
17 pág.

Eletro Ultrassom

Pré-visualização1 página
ULTRA-SOM TERAPÊUTICO

(US)

Eletrotermofototerapia

Prof Fábio Guedes

• É uma energia mecânica de alta frequência que se
propaga através de um meio;

• A faixa de frequência terapêutica é de 1Mhz e 3Mhz

• Propagação: as ondas sonoras necessitam de um meio de
propagação – a veloc. está diretamente relacionada à
densidade do tecido;

• Impedância acústica: resistência oferecida pelos tecidos à
passagem do US;

• Reflexão, refração, absorção;

• Efeito tixotropo: consiste na propriedade que apresenta o US
de “amolecer”substâncias em estados mais sólidos

BIOFÍSICA

• Atenuação: perda da capacidade terapêutica do US
à medida que as ondas passam através dos meios;

• Ondas estacionárias: poderão ocorrer caso o
cabeçote do US fique estacionado num único lugar

BIOFÍSICA

Tecidos 1 Mhz 3 Mhz

Osso 2 mm xxxxxxxxxx

Pele 11,1 mm 4 mm

Cartilagem 6 mm 2 mm

Ar 2,5 mm 0,8 mm

Tendão 6,2 mm 2 mm

M. longitudinal 9,0 mm 3,0 mm

M. Paralelo 24,6 mm 8,0 mm

Gordura 50 mm 16,5 mm

Água 11.500 mm 3.833,3 mm

• A área de radiação do US corresponde a área do cristal e
chama-se ERA (área efetiva de radiação);

• Para a aplicação do US faz necessário a interposição, entre
o cabeçote e o tecido, de uma substância de acoplamento;

• O US não aquece implantes metálicos, porém provoca
ondas estacionárias nos tecidos vizinhos

PROPRIEDADES DO US

• 1 Mhz  lesões profundas

• 3 Mhz  lesões superficiais / estética

TIPOS DE US

•  da permeabilidade da membrana;

• Vasodilatação;

•  do fluxo sanguíneo;

•  do metabolismo;

• Ação tixotrópica;

•  atividade dos fibroblastos;

•  síntese de colágeno;

EFEITOS FISIOLÓGICOS

• Anti-inflamatório;

• Analgesico;

• Fibrinolítico;

• Regeneração Tissular;

EFEITO TERAPÊUTICO

• É o produto da intensidade do estímulo pela duração do

tratamento

INTENSIDADE

• Deve-se tomar por base a tabela de atenuação da potência;

• Em qualquer caso o paciente não pode sentir sensações

desagradáveis ou dolorosas;

• É expressa em watt por centímetro quadrado (w/cm2)

DOSIMETRIA

EX: Quanto de intensidade chegará na bursa se usarmos um US

de 1Mhz com intensidade inicial de 2 w/cm2, sabendo que antes

da bursa existe uma camada de gordura de 20mm, uma camada

de músculo longitudinal de 9mm e um tendão de 3mm?

50mm  50% 2w/cm2  100%

20mm  x x  20%

 x = 20% x = 0,4 w/cm2

9mm  50% 1,6w/cm2  100%

9mm  x x  50%

 x = 50% x = 0,8w/cm2

 6,2mm  50% 0,8w/cm2  100%

 3 mm  x x  25%

 x  25% x  0,2w/cm2

Portanto, chegará 0,6w/cm2 na bursa

M

Ú

S

C

U

L

O T

E

N

D

Ã

O

2 w/cm2

1,6 w/cm2

0,8 w/cm2

0,2 w/cm2

- 20%

- 50%

- 25%

100%

• A duração do tratamento depende do tamanho da área corporal

e da ERA

• A literatura preconiza no máximo 15 min por área de

tratamento;

• O tempo de tratamento é calculado da seguinte maneira:

TEMPO DE APLICAÇÃO

T =
Área a ser tratada

ERA do US

• Fraturas;

• Lombalgias/cervicalgias;

• Processos inflamatórios;

• Processos fibróticos;

• Regeneração tecidual

INDICAÇÕES

OBS: O início da terapia com US para o traumatismo agudo deve-se

iniciar somente 24 a 36 hs depois do trauma

• TVP;

• Aplicação ao nível dos olhos;

• Útero grávido;

• Tumores malígnos;

• Epífises férteis;

• Implantes metálicos;

• Área com marcapasso;

• Processos infecciosos.

CONTRA-INDICAÇÕES

• Contato direto;

• Técnica subaquática;

• Bolsa de água.

 TESTE DE NÉVOA

 Realizado para verificar a funcionalidade do aparelho.

 Coloca-se algumas gotículas de líquido sobre o transdutor e

liga-se o aparelho, esperando a cavitação destas gotículas.

TÉCNICAS DE APLICAÇÃO