POSTAGEM 2 POUP observação e projeto
9 pág.

POSTAGEM 2 POUP observação e projeto


DisciplinaPraticas de Ensino VI17 materiais55 seguidores
Pré-visualização2 páginas
LICENCIATURA EM MATEMATICA
PRATICA DE ENSINO: OBSERVAÇAO E PROJETO
POSTAGEM 2: ATIVIDADE 2
PROJETO DE TRABALHO- APROVEITAMENTO PEDAGOGICO DE UM AMBIENTE NÃO ESCOLAR
NOME: BRUNA DOS SANTOS CAVALHEIRO
RA:1735265
POLO VACARIA-RS
ANO 2017
LICENCIATURA EM MATEMATICA
PRATICA DE ENSINO: OBSERVAÇAO E PROJETO
BRUNA DOS SANTOS CAVALHEIRO
POSTAGEM 2: ATIVIDADE 2
PROJETO DE TRABALHO- APROVEITAMENTO PEDAGOGICO DE UM AMBIENTE NÃO ESCOLAR
Trabalho de conclusão de curso para obtenção do título de graduação em Matemática apresentado á Universidade Paulista \u2013 UNIP.
POLO VACARIA-RS
2017
SUMÁRIO
1.INTRODUÇÃO........................................................................................................04
2. OBJETIVOS...........................................................................................................05
2.1Objetivo Geral........................................................................................................05
2.2 Objetivos Específicos...........................................................................................05
3. DESENVOLVIMENTO............................................................................................05
3.1Revisão Bibliográfica.............................................................................................05
3.2 Procedimentos Metodológicos.............................................................................07
3.3 Cronograma.........................................................................................................08
4. AVALIAÇÃO...........................................................................................................08
5.CONSIDERAÇÕES FINAIS....................................................................................08
6. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS......................................................................09
1. INTRODUÇÃO
A realização do projeto se dará utilizando o posto de saúde e a escola municipal do bairro. O posto de saúde se denomina ESF (Estratégia Saúde da Família) no KM 4, localizado em Rua Alípio Ramiro Porto,bairro Mauá, cidade de Vacaria no Estado de RS. Todo cidadão brasileiro tem direito a atendimento gratuito e integral das UBS \u2013 Unidades Básicas de Saúde e dos Centros de Apoio para o Programa da Família instalados em todo o Brasil. Os serviços de clínico geral e de outras especialidades disponibilizadas pelos postos são totalmente garantidos pelo SUS \u2013 Sistema Único de Saúde.
A E.E.M.F General Osorio esta localizada no bairro ao lado do posto de saúde, favorece o desenvolvimento de projetos educacionais aliados à saúde.
Essa parceria deve se estruturar e solidificar levando-se em conta os limites e as inúmeras possibilidades de atuação, de forma dinâmica e perene, não eventual, nem esporádica. Este é um rico desafio para os profissionais da saúde da ESF e da área da educação, e também para seus interlocutores, usuários, gestores e formuladores de políticas sociais, além de movimentos sociais, representações populares, acadêmicas e de serviços, pública.
Torna-se necessário promover atividades e exercer funções que promovam a presença e o fortalecimento da atuação das pessoas no interior das escolas. No entanto, o modo democrático de gestão envolve o exercício do poder, incluindo os processos de planejamento, a tomada de decisões e a avaliação dos resultados alcançados, etc. Trata-se, pois, de fortalecer procedimentos de participação dos membros da comunidade escolar e local no governo da escola, descentralizando os processos de decisão e dividindo responsabilidades.
Aliar as disciplinas de forma interdisciplinares favorece o desenvolvimento da aprendizagem do educando. Este projeto será desenvolvido em parceria com um ambiente não escolar(posto de saúde) e a escola de ensino fundamental, a fim de utilizar esse ambiente de forma interdisciplinar com o objetivo de aliar as disciplinas de matemática, português, ciência e o tema transversal saúde A forma de aliar diferentes disciplinas em parceria com outros ambientes favorecer a diversidade, a criatividade e o desenvolvimento cognitivo dos educandos. Como problema de
pesquisa buscaremos saber: É possível aliar diferentes disciplinas em um só projeto utilizando um ambiente não escolar?
2. OBJETIVOS
2.1 Objetivo geral 
	Propor a realização de atividades envolvendo diferentes disciplinas em um ambiente não escolar.
2.2 Objetivos Específicos
	Elaborar um cronograma de atividades e participar de atividades escolares no posto de saúde.
3. DESENVOLVIMENTO
3.1 REVISÃO BIBLIOGRAFICA
	Um projeto pedagógico deve estar alicerçado em práticas que beneficiam o aprendizado dos alunos. O desenvolvimento de práticas pedagógicas em ambientes não escolares favorece o enriquecimento do trabalho, bem como a capacidade de realizar um trabalho interdisciplinar envolvendo várias diferentes disciplinas. O enfoque interdisciplinar constitui a necessidade de superar a visão mecânica. Para Fazenda, 
[...] reconstituir a unidade do objeto, que a fragmentação dos métodos separou. Entretanto, essa unidade não é dada a "priori". Não é suficiente justapor-se os dados parciais fornecidos pela experiência comum para recuperar-se a unidade primeira. Essa unidade é conquistada pela "práxis", através de uma reflexão crítica sobre a experiência inicial. É uma retomada em termos de síntese. (FAZENDA, 1992, p. 45).
	Assim sendo oferecer projetos com possibilidades de trabalhar com diferentes disciplinas é transformar a aula em movimento entre os componentes curriculares onde haverá reciprocidade, troca e integração. Este projeto oferece uma troca entre as disciplinas de matemática, português, ciências e saúde. 
	Para Matter (2012) ensinar Matemática é ensinar a \u201cpensar matematicamente.\u201d Antes de ser aplicada, a Matemática precisa ser compreendida. A forma como ela é experenciada reflete em desânimo e falta de entendimento por parte de alguns educando. Assim trabalhando de forma interdisciplinar poderá abrir um leque de novas experiências que poderá transformar o aprendizado em momentos de prazer. Os PCNs de Matemática (1997, p.25) mostram que:
é importante que a Matemática desempenhe, equilibrada e indissociavelmente, seu papel na formação de capacidades intelectuais, na estruturação do pensamento, na agilização do raciocínio dedutivo do aluno, na sua aplicação a problemas, situações da vida cotidiana e atividades do mundo do trabalho e no apoio à construção de conhecimentos em outras áreas curriculares. 
O ensino das ciências também precisa ser explorado com mais afinco e relacionado com as demais disciplinas.
	Segundo José (2008, p.90): 
Permitir que cada aluno se transforme em um \u201ccientista\u201d significa considerá-lo também como protagonista do processo de ensino e aprendizagem. O professor já não possui mais o papel de detentor de todas as possibilidades e nuances do saber. O conhecimento não é julgado estático, mas em constante 23 transformação. As aulas consideram o avanço científico provocado pela diversidade de pesquisas que diariamente alcançam novos resultados, sobretudo pelo vasto aparato tecnológico destinado para este fim, disponíveis em grande parte do planeta. Essa maneira de enxergar o trabalho com a área de ciências permite a compreensão e o estabelecimento de uma nova forma de olhar o conhecimento, o ensino e a aprendizagem.
	Matter (2012) diz 
que o ensino das Ciências promove alguns procedimentos que permitem a aprendizagem: a investigação, a comunicação e o debate de fatos e ideias, a observação, a experimentação e o registro das aprendizagens por meio de desenhos, tabelas, gráficos e histórias. Além disso, considera-se relevante muitos aspectos da vida social, como a cultura e as relações entre homem e natureza. Por intermédio de discussões e investigações, o educando sente-se incentivado na busca por novos conhecimentos. Desenvolve atitudes de curiosidade,