Relatorio - hospital - psicologia
19 pág.

Relatorio - hospital - psicologia


DisciplinaPsicologia Humana17 materiais726 seguidores
Pré-visualização5 páginas
UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA 
 
 
 
 
 
 
 
RELATÓRIO DO ESTÁGIO BÁSICO I: 
Atuação do psicólogo no ambiente hospitalar, direcionada a UTI neonatal 
 
 
 
 Danielly Silva dos Santos 
 Wesley Vitor Moura Silva 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Vitória da Conquista 
2018 
 
 
Danielly Silva dos Santos 
Wesley Vitor Moura Silva 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
RELATÓRIO DO ESTÁGIO BÁSICO I: 
Atuação do psicólogo no ambiente hospitalar, direcionada a UTI neonatal 
 
Relatório solicitado pela professora orientada Ms. 
Lígia Maria Portela da Silva como avaliação parcial 
no componente curricular Estágio Básico I, do curso 
de Bacharelado em Psicologia no campus da UESB 
em Vitória da Conquista. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Vitória da Conquista 
2018 
 
 
 
SUMÁRIO 
 
1. INTRODUÇÃO ..................................................................................................................... 1 
2. REFERENCIAL TEÓRICO .................................................................................................. 2 
3. ASPECTOS METODOLÓGICOS ........................................................................................ 3 
3.1 Método ............................................................................................................................. 3 
3.2 Material ............................................................................................................................ 3 
4. DISCUSSÃO ......................................................................................................................... 4 
5. APÊNDICE ........................................................................................................................... 5 
5.1 DIÁRIO DE CAMPO .......................................................................................................... 7 
5.1.1 Wesley Vitor ................................................................................................................. 7 
5.1.2 Danielly Silva............................................................... Erro! Indicador não definido. 
6. CONSIDERAÇÕES FINAIS .............................................................................................. 11 
7. REFERÊNCIAS .................................................................................................................. 15 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
1 
 
 
1. INTRODUÇÃO 
 
Em conformidade com o plano de aula do componente curricular Estágio Básico I 
do curso de Psicologia, foram realizadas visitas aos setores de saúde para o 
conhecimento do trabalho desempenhado pelos psicólogos nos diversos âmbitos 
Nesse projeto de Relatório, os alunos: Danielly Silva dos Santos e Wesley Vitor 
Moura Silva, ambos foram visitar a unidade de saúde, o Hospital Municipal Esaú Matos, 
no dia 03 de abril de 2018 às 13:00pm da terça feira, localizado na avenida Macaúbas, 
bairro Kadija nº 100, Vitória da Conquista. Focando na área da UTI Neonatal a qual é 
de caráter pública. 
A psicóloga responsável, Luciana, nos recebeu no Hospital os estudantes da turma 
V, do I semestre, os quais ao longo de 2 meses, foram orientados pela professora Ligia 
Maria Portela Silva. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
2 
 
 
2. REFERENCIAL TEÓRICO 
 
Em discursão sobre o papel que a formação do aluno poderia exercer em sua atuação 
profissional futura, Carvalho (1982) sugere o \u201ccontato com condições concretas em que 
os psicólogos estão atuando, principalmente aquela que de alguma forma fujam às 
atuações convencionais e representem uma expansão nas modalidades de atuação\u201d 
(p.17). É neste sentido que se entende o papel das entrevistas como parte das atividades 
do curso. 
Uma imagem comum aos cursos de graduação atualmente é que muitos alunos 
chegam carregados de preconceitos acerca das áreas de atuação e, em específico, sobre 
o campo profissional que este desejava exercer. Uma dessas imagens possíveis pode 
relacionar-se, inclusive, à questão da profissão liberal autônoma, apontada por Mello 
(1975). Tradicionalmente, nas imagens que o aluno traz para seu curso, não só a 
psicologia é vista como uma profissão liberal autônoma, mas ela se concretiza através 
da atuação do psicólogo no consultório particular. 
Afunilando-se no ambiente das práticas psicológica hospitalares, trata-se de um 
importante campo de atuação para psicólogos (Romano 1999) que mesmo já sendo 
reconhecido com uma especialidade em Psicologia no Brasil (CFP, 2000), carece de 
evidências que sustentem e legitimem a identidade da érea (Yamamoto 8t Cunha, ' 
1998: Yamamoto, Trindade 8L Oliveira. 2002). 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
3 
 
3. ASPECTOS METODOLÓGICOS 
 
3.1 Método 
 
A situação empírica tomada para exame constituía-se num contexto 
multideterminado de interações no desenrolar da disciplina Estagio Básico I, 
envolvendo pelo menos três categorias de atores sociais: alunos, professor e psicólogos 
entrevistados pelos alunos. Para a compreensão da natureza desse contexto, é necessário 
explicitar suas principais características: 
\u2014 Fundamentalmente, os objetivos da disciplina estabeleciam que os alunos: 1) 
entrassem em contato direto com profissionais de diversas áreas de atuação; e, 2) 
refletissem sobre diversos aspectos relacionados à atuação do psicólogo, avaliando-a 
criticamente, especialmente no que diz respeito às relações dela com a sociedade. 
 \u2014 na direção desses objetivos, foram planejadas as seguintes atividades dos alunos: a) 
responder a questionários sobre a profissão e sobre sua escolha profissional, nos 
primeiro e último dia de aula da disciplina; b) ter contato direto com, no mínimo, três 
psicólogos(as) de uma mesma área de atuação, através de entrevistas em grupo (as áreas 
de atuação eram: clínicas, organizacional, educacional, institucional/comunitária, 
hospitalar e pesquisa); c) apresentar trabalho, por escrito, e oralmente para a classe, 
sobre observações e reflexões a partir da entrevista, quanto à atuação profissional do 
psicólogo daquela área. 
 
3.2 Material 
 
Diário de campo: Os alunos ao sair das entrevistas, lhes foi recomendado que 
fizesse um diário com anotações, colocando neles suas perspectivas das experiencias e 
visão particular, a qual este diário aliado a todo mesmo material serviria de apoio e 
suporte na escrita desse relatório. 
Transcrições de entrevistas áudio-gravadas: foram examinadas as entrevistas 
escolhidas, para cada uma das áreas de atuação abrangidas pelo trabalho dos alunos: 
Psicologia Hospitalar e Organizacional, perfazendo um total de 2 transcrições. Essas 
entrevistas, elaboradas pelos alunos com a supervisão do professor, eram baseadas em 
4 
 
 
um roteiro comum feitos pelos próprios alunos, abrangendo os principais aspectos 
relacionados ao exercício da profissão de psicólogo. 
 
4. DISCUSSÃO 
A Psicologia é a ciência cujo objeto de estudo inclui a análise, predição e a 
modificação dos fatores que afetam o comportamento. Visando a promoção e a 
manutenção da saúde física e emocional, a prevenção e o tratamento das doenças e a 
identificação de correlatos etiológicos e diagnósticos de saúde. Em um sentido mais 
amplo podendo promover algumas análise, formação e melhoria do sistema de