Capitulo 01
41 pág.

Capitulo 01


DisciplinaPatologia Bucal472 materiais4.297 seguidores
Pré-visualização5 páginas
anatômica normal.
Aspecto clínico Os grânulos apresentam-se como numerosos pontos de co-
loração branco-amarelada levemente elevados, assintomáticos (Fig. 31). Os lo-
cais preferenciais são vermelhão do lábio superior, comissuras e mucosa jugal. 
Acometem cerca de 80% dos adultos de ambos os sexos. O diagnóstico baseia-
se apenas nas características clínicas.
Diagnóstico diferencial Leucoplasia, leuclopasia pilosa, líquen plano.
Tratamento Não necessita de tratamento.
Leucoedema
Defi nição Leucoedema é uma variação anatômica normal.
Etiologia Resulta de um aumento da espessura do epitélio e de edema intra-
celular nas células da camada espinhosa.
Aspecto clínico A mucosa apresenta uma coloração branco-acinzentada 
opaca (Fig. 32) e superfície levemente enrugada, que, caracteristicamente, de-
saparece quando a mucosa é evertida e distendida. Pode ser observado de for-
ma bilateral na mucosa jugal e, em raros casos, na língua e nos lábios.
Diagnóstico diferencial Leucoplasia, leucoplasia pilosa, líquen plano.
Tratamento Não requer tratamento.
Laskaris_01.indd 28Laskaris_01.indd 28 8/9/07 2:39:45 PM8/9/07 2:39:45 PM
Lesões Brancas 29
Figura 31 Grânulos de Fordyce na mucosa jugal.
Figura 32 Leucoedema na mucosa jugal.
Laskaris_01.indd 29Laskaris_01.indd 29 8/9/07 2:39:46 PM8/9/07 2:39:46 PM
30 Lesões Brancas
Nevo Branco Esponjoso
Defi nição Nevo branco esponjoso, ou doença de Cannon, é uma genoderma-
tose relativamente rara.
Etiologia Genética. Herdada como um caráter autossômico dominante.
Aspecto clínico Apresenta-se como lesões brancas com sulcos múltiplos e 
textura esponjosa (Fig. 33). As lesões podem ser observadas ao nascimento ou, 
mais freqüentemente, na infância. A mucosa jugal e a superfície ventral da lín-
gua são os locais preferenciais, apesar das lesões poderem ocorrer em qualquer 
localização da boca, até mesmo na mucosa vaginal e retal.
Diagnóstico diferencial Leucoplasia, líquen plano, epidermólise bolhosa, 
paquioníquia congênita.
Tratamento Não necessita de tratamento.
Disceratose Congênita
Defi nição A disceratose congênita, ou síndrome de Zinsser-Engman-Cole, é 
uma desordem rara.
Etiologia Genética. Provavelmente herdada como um caráter autossômico 
recessivo ligado ao X.
Aspectos clínicos Caracteriza-se por uma hiperpigmentação, áreas cutâne-
as atrófi cas, telangiectasia, unhas distrófi cas, hiperidrose, bolha mucosa ou 
cutânea, blefarite e ectrópio, anemia e manifestações bucais. As lesões de boca 
consistem em bolhas recorrentes, atrofi a epitelial e leucoplasia (Fig. 34). Pode 
ocorrer carcinoma espinocelular.
Diagnóstico diferencial Leucoplasia, líquen plano, epidermólise bolhosa, 
paquioníquia congênita.
Tratamento De suporte.
Laskaris_01.indd 30Laskaris_01.indd 30 8/9/07 2:39:47 PM8/9/07 2:39:47 PM
Lesões Brancas 31
Figura 33 Nevo branco esponjoso na mucosa jugal.
Figura 34 Disceratose congênita, leucoplasia e carcinoma verrucoso na superfície 
dorsal da língua.
Laskaris_01.indd 31Laskaris_01.indd 31 8/9/07 2:39:47 PM8/9/07 2:39:47 PM
32 Lesões Brancas
Paquioníquia Congênita
Defi nição A paquioníquia congênita, ou síndrome de Jadassohn-Lewando-
wski, é uma genodermatose pouco comum.
Etiologia Genética. Herdada como um caráter autossômico dominante.
Aspecto clínico Caracteriza-se por um aumento da espessura das unhas, 
simétrico, hiperceratose palmoplantar, hiperidrose, formação de bolhas, cera-
tose folicular e lesões bucais. As lesões bucais aparecem no nascimento, ou 
logo após, e apresentam-se como uma placa branca ou branco-acinzentada 
espessa, geralmente na mucosa jugal, na língua ou na gengiva (Fig. 35). O 
diagnóstico baseia-se na história e nas características clínicas.
Diagnóstico diferencial Disceratose congênita, leucoplasia, líquen plano, 
nevo branco esponjoso, síndrome da hiperceratose palmoplantar e da mucosa 
bucal focal.
Tratamento De suporte.
Síndrome da Hiperceratose Palmoplantar e da
Mucosa Bucal Focal
Defi nição É uma desordem mucocutânea rara.
Etiologia Genética. Herdado como um caráter autossômico dominante.
Aspecto clínico As manifestações clínicas principais são hiperceratose focal 
nas áreas que recebem muito peso ou pressão das palmas das mãos, solas dos 
pés e da mucosa bucal (Fig. 36). Em raros casos pode ser observado aumento 
de espessura das unhas e hiperidrose. As lesões bucais apresentam-se como 
placas brancas hiperceratóticas (leucoplasia), principalmente na gengiva inse-
rida, borda lateral da língua e palato (Fig. 37). As lesões, na maioria das vezes, 
desenvolvem-se na infância.
Laskaris_01.indd 32Laskaris_01.indd 32 8/9/07 2:39:48 PM8/9/07 2:39:48 PM
Lesões Brancas 33
Figura 35 Paquioníquia congênita: lesões branco-acinzentadas na mucosa jugal.
Figura 36 Hiperceratose palmoplantar focal.
Laskaris_01.indd 33Laskaris_01.indd 33 8/9/07 2:39:49 PM8/9/07 2:39:49 PM
34 Lesões Brancas
Diagnóstico diferencial Paquioníquia congênita, disceratose congênita, 
leucoplasia.
Tratamento De suporte. O uso de retinóides pode ser útil.
Papiloma
O papiloma (ver p. 200) aparece como um crescimento exofítico, geralmente 
pediculado e indolor. O tumor apresenta coloração branca ou da mucosa nor-
mal, com numerosas projeções digitiformes, resultando em um aspecto seme-
lhante a uma couve-fl or (Fig. 38). O papiloma é geralmente uma lesão única, 
com tamanho de 0,5 a 1 cm.
Laskaris_01.indd 34Laskaris_01.indd 34 8/9/07 2:39:50 PM8/9/07 2:39:50 PM
Lesões Brancas 35
Figura 37 Síndrome da hiperceratose palmoplantar e da mucosa bucal focal: hiperce-
ratose na gengiva inserida.
Figura 38 Papiloma na mucosa jugal.
Laskaris_01.indd 35Laskaris_01.indd 35 8/9/07 2:39:50 PM8/9/07 2:39:50 PM
36 Lesões Brancas
Carcinoma Verrucoso
Defi nição O carcinoma verrucoso é uma variante do carcinoma espinocelu-
lar de baixo grau.
Etiologia O papilomavírus humano está provavelmente envolvido na pato-
genia.
Aspecto clínico Clinicamente, apresenta-se como uma massa branca exofí-
tica com uma superfície verrucosa ou lobulada (Fig. 39). O tamanho varia de 
1 cm nas fases iniciais a lesões muito extensas. Os locais mais freqüentes são 
a mucosa jugal, o palato e a mucosa alveolar. O carcinoma verrucoso acomete 
principalmente fumantes acima dos 60 anos de idade.
Testes laboratoriais Exame histopatológico.
Diagnóstico diferencial Leucoplasia verrucosa, papiloma, xantoma verru-
ciforme, nevo branco esponjoso, carcinoma espinocelular.
Tratamento Excisão cirúrgica.
Carcinoma Espinocelular
O carcinoma espinocelular apresenta um amplo espectro de características 
clínicas (ver p. 172). Em cerca de 5 a 8% dos casos, aparece nas fases iniciais 
como uma placa branca assintomática idêntica a uma leucoplasia (Fig. 40). 
Nesses casos, a biópsia e o exame histopatológico são importantes para o 
diagnóstico.
Laskaris_01.indd 36Laskaris_01.indd 36 8/9/07 2:39:51 PM8/9/07 2:39:51 PM
Lesões Brancas 37
Figura 39 Carcinoma verrucoso em fase inicial na mucosa jugal.
Figura 40 Carcinoma verrucoso em fase inicial, apresentando-se como uma placa 
branca.
Laskaris_01.indd 37Laskaris_01.indd 37 8/9/07 2:39:52 PM8/9/07 2:39:52 PM
38 Lesões Brancas
Enxertos de Pele e Mucosa
Defi nição Os enxertos de pele e mucosa são freqüentemente utilizados na 
boca para o recobrimento de defeitos de mucosa resultantes de ressecções 
cirúrgicas amplas de tumores benignos e malignos, ou como enxerto livre 
gengival.
Aspecto clínico Clinicamente ambas as formas de enxerto (pele e mucosa) 
apresentam-se como placa esbranquiçada ou branco-acinzentada (Figs. 41 e 
42). O tamanho da placa depende do tamanho do enxerto. Em algumas ocasi-
ões, a coloração do enxerto de pele é preta, devido à produção aumentada de 
melanina.