A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
Inspeção de alimentos

Pré-visualização | Página 1 de 4

Inspeção de alimentos
1-) Órgãos responsáveis pela inspeção de alimentos no Brasil 
a. Ministério da agricultura pecuária e abastecimento MAPA
- Também conhecido como ministério da agricultura 
- Desde 1968 o médico veterinário possui exclusividade nesta área 
- Órgão responsável por fiscalizar fabricas de produtos de origem animal e fabricas de bebidas 
- Fabrica de bebidas: Suco, chá, cerveja, vinho, cachaça, refrigerante 
- Fabrica de queijo, fabrica de linguiça
- Carne, leite, ovos, pescado e mel 
- Esse órgão fiscalizam os locais que fabricam alimentos em que o principal ingrediente de preparo é de origem animal, como queijo, iogurte, linguiça e afins 
• LANAGRO – Laboratorio nacional agropecuário 
- É o laboratório do ministério da agricultura 
- Responsável por monitorar, controlar e fiscalizar alimentos e bebidas produzidos e comercializados no Brasil 
- Realizar analises especificas para verificação de patologias e afins 
• VIGIAGRO – Sistema de vigilância agropecuária internacional 
- Faz a fiscalização do transito animal e dos produtos de origem animal 
- Ele emite o GTA, guia de transito animal 
- Equinos de provas são fiscalizados por esse órgão
- Cães viajando para outro país 
• VISA – Vigilância sanitária 
- Responsável pela prevenção e controle de doenças nas populações animais
- Controlar e evitar a disseminação de doenças 
- Como por exemplo febre aftosa, tuberculose, raiva nos animais 
• SIF – Serviço de inspeção federal – Ministério da agricultura 
- Fiscaliza os estabelecimentos industriais que pratiquem comércio entre Estados ou para fora do país, exportação 
• SISP – Serviço de inspeção do Estado de são Paulo – Secretaria estadual da agricultura
- SIE, serviço de inspeção estadual, e ele recebe no final o sigla do estado pertencente, no Rio de Janeiro é SIRJ
- Fiscaliza os estabelecimentos industriais que pratiquem comercio de produtos no território do Estado de São Paulo 
• SIM – Serviço de inspeção Municipal – Secretaria municipada agricultura 
- Fiscaliza os estabelecimentos industriais que pratiquem comercio de produtos apenas no território do próprio município em que estão sediados 
∆ Estes órgãos abaixo não possuem nome ou sigla específicos 
• Fiscalização de alimentos destinados aos animais
- Ração, petiscos
- Fábrica de ração por exemplo 
• Fiscalização de produtos destinados aos animais
- Medicamentos, e produtos veterinários, shampoo
- Fabricas de shampoo por exemplo 
b. Ministério da saúde 
- É em nível federal
- Órgão responsável por fiscalizar as fabricas de produtos de origem vegetal e a fiscalização do comercio de alimentos e distribuidoras 
- Supermercado, fabrica de molho de tomate, fabrica de bolo, fabrica de geleia, arroz, feijão, palmito, balas 
- Este órgão fiscalizam os locais que fabricam alimentos em que o principal ingrediente de preparo é de origem vegetal, como bolo 
- Faz o planejamento de ações, e leis 
• Anvisa – Agencia nacional de vigilância sanitária – Ministério da saúde 
- Nível federal
- Tem como objetivo promover a proteção da saúde da população, por intermédio do controle sanitário da produção e consumo de produtos e serviços 
- É a proteção da saúde de toda a população brasileira 
- Cria leis e programas e repassa para os outros níveis estadual e municipal 
• Secretaria estadual de saúde – CVS
- Centro de vigilância sanitária pertence à secretaria estadual de saúde 
- Tem como objetivo promover a proteção da saúde da população, por intermédio do controle sanitário da produção e consumo de produtos e serviços 
- Pode até criar algumas leis e programas, mas só em nível estadual 
• Secretaria municipal de saúde – SIM – Vigilância sanitária 
- Tem como objetivo promover a proteção da saúde da população, por intermédio do controle sanitário da produção e consumo de produtos e serviços 
- Executa as leis e programas que foram criados pelo nível federal e estadual 
• Vigilância epidemiológica 
- Responsável pela prevenção e controle de doenças na população humana 
- Este órgãos recebe os dados, avalia e planeja ações, quem executa é o centro de controle de zoonoses 
- Como por exemplo, leptospirose, agressão por animais, febre amarela 
• Centro de controle de zoonoses 
- Órgão responsável por executar as ações planejadas pela vigilância epidemiológica 
- Controle da população de ratos, mosquitos, morcegos e afins 
Questão de prova 
Como se divide a responsabilidade da inspeção de alimentos no Brasil? Quais os órgãos e suas competências? 
- O ministério da agricultura pecuária e abastecimento, o SIF é responsável pela fiscalização de fabricas de produtos de origem animal, como carne, ovos, leite, mel e pescado e fabricas produtores de bebidas alcoólicas e não alcoólicas, como refrigerante, suco e cerveja. Já o ministério da saúde, ANVISA, é responsável pela fiscalização de fábricas produtores de produtos de origem vegetal, como arroz, feijão, geleia. 
→ Um pouco de história: 
A inspeção industrial e sanitária de produtos de origem animal se torna obrigatório em 1950 com a lei 1283
- Aprova o regulamento RIISPOA
- Torna-se obrigatória a inspeção da produção, embalagem, rotulagem, transporte, comercialização 
- Em 1950 quem inspeciona é o ministério e a secretaria estadual de agricultura
- Mas em 1971 eles decidem que chega de parcerias, pois o serviço não está sendo feito corretamente 
- Lei da federalização em 1971: Essa lei acaba com esses convênios e ele concentra nas mãos no Ministério da agricultura concentra todos os poderes para inspecionar todas as indústrias alimentícias 
- Por um tempo deu certo, mas depois ele sozinho não conseguiu dar conta, então em 1989 ele estabelece a divisão de tarefas para os níveis estaduais e municipais 
Questão de prova 
Como se divide as tarefas nos setores do ministério da agricultura? 
- O ministério da agricultura é dividido em outros três setores responsáveis por inspecionar fábricas e industrias de produtos de origem animal e bebidas em geral. O SIF inspeciona em nível federal as fabricas de produtos de origem animal que são exportados para outros países e para outros estados, o SIE inspeciona em nível estadual as fabricas de produtos de origem animal que são comercializados somente naquele estado de produção, o SIM inspeciona em nível municipal as fabricas de produtos de origem animal que são comercializados somente naquele município. 
2-) Enfermidades veiculadas por alimentos – EVA
• Origem: 
- Origem física: pelos, moscas, papel, grampos, plástico 
- Origem química: Pesticidas, resíduos químicos, agrotóxicos, aditivos químicos 
- Origem biológica: Bactéria, fungo, vírus 
- Origem natural: Alimentos naturalmente contem substancias que não devemos ingerir, como por exemplo, alguns cogumelos, baiacu 
• Definições: 
- Intoxicações: Doença causada pela toxina produzida pela bactéria no alimento 
- Toxinfecções: Dentro do organismo a bactéria produz a toxina 
- Infecções: Bactéria que causa a doença, não envolve produção de toxina 
• Gravidade do quadro: 
- Depende do microrganismo, indivíduo e dose ingerida 
a. Botulismo – Intoxicação 
• Agente etiológico: 
- Toxinas produzidas pelo Clostridium botulinum
- Toxinas de A a G
- É uma intoxicação 
- Botulismo clássico (toxinas no alimento) 
- Botulismo de lesões (toxinas em feridas) 
- Botulismo infantil (esporos, germinação, multiplicação e toxigênese no intestino de criança menores de 1 ano)
• Distribuição: 
- Solo, sedimentos de cursos d’água e lagos
- Iodo, trato intestinal de mamíferos, aves e peixes 
- Contaminação dos alimentos por contaminação fecal, solo ou água contaminados 
• Características do agente: 
- Bacilo gram + 
- Formadores de esporos, é uma forma de resistência, são resistentes ao calor 
- Anaeróbios 
- Toxina termolábil 
- Não se multiplica em refrigeração, porém não é morta 
- pH ótimo: >4,6 para proliferação 
- Botulismo humano, toxina do tipo A, B, E, F
- Botulismo animal, tipo C, D
• Período de incubação: