A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
7 pág.
Promoção de Vendas 07-2020

Pré-visualização | Página 1 de 2

PROMOÇÃO DE VENDAS
 
Ana Cláudia Silva
Jacqueline Orefici
1. INTRODUÇÃO
	 No contexto atual, vê-se que o mercado de varejo ou atacado, de compra venda e prestação de serviço, sofre transformações diariamente, sendo assim é primordial que as organizações estejam atualizadas com tantas mudanças tecnológicas e comportamentais para atender consumidores cada vez mais exigentes, e assim alcançar o primeiro lugar na concorrência acirrada. 
	Para obter resultados de excelência e alcançar um lugar de destaque no mercado, conta-se com a promoção de venda; o marketing promocional como um grande influenciador na decisão de compra.
	Reconhece-se que a promoção de vendas ajuda o consumidor a decidir qual marca comprar, quando duas marcas são igualmente atrativas, cabendo ao promotor de vendas mostrar as vantagens do produto e os benefícios que o cliente terá ao adquiri-lo (SANTINI; SAMPAIO; LUBECK et al, 2013 e SILVA D.; SILVA L.; MIRANDA et al, 2016). 
Sendo assim, a promoção de vendas serve como estímulo ao consumidor que nem sempre tem a necessidade ou planejamento da compra, mas devido a vantagem em fazê-lo com base no apelo promocional, passa a ser um ponto atrativo ao consumo.
	Promoção de vendas são utilizadas como ferramenta de Marketing, tanto no mercado brasileiro quanto no internacional, com o intuito de estimular o consumidor, chamando sua atenção para produtos e serviços.
	Uma vez que os produtos e serviços semelhantes apresentam características similares, é usual, no momento da compra, haver impasse na mente das pessoas entre duas ou mais marcas, sinalizando que muitas vezes os esforços de comunicação e marketing não são suficientes para que uma oferta represente mais que a outra. Ao perceber que um dos produtos oferece a possibilidade de ganhar ou concorrer a algo adicionalmente, o consumidor pode optar pelo que estiver lhe dando essa vantagem (DE SIMONI, 1997). 
“O acirramento da concorrência, a globalização dos mercados e o surgimento de um consumidor mais informado, mais crítico e mais consciente levam empresas à constatação de que as ferramentas e as atividades de comunicação não podem mais ser utilizadas isoladamente. Torna-se então necessário incluir todas elas venda pessoal, promoção de vendas e merchandising em um planejamento orgânico, que coordene os esforços e as ações empreendidas na busca de um propósito único e adequado ao momento atual ( J.B. Pinho, 2000 p.17).” 
Na busca de definir o papel da promoção ou marketing de vendas é necessário algumas etapas básicas, para a compreensão do relacionamento da empresa com o mercado no qual pretende-se estabelecer.
Algumas das etapas básicas do planejamento, são: 
· Objetivo
· Estratégia
· Conceito Criativo
· Ações
· Cronograma
· Logística
· Relatórios , Etc
A curto prazo essas etapas podem acelerar as vendas, eliminar a concorrência, criar novas motivações para o consumo; e a longo prazo, podem criar uma imagem de fixação no cliente, aumentando assim a preferência na marca criando uma fidelização do consumidor.
2. FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA
	
Hoje, podemos encontrar empresas qualificadas em prestar serviços de consultorias para empresas que enfrentam dificuldades para superarem a concorrência e instabilidades do mercado e dos consumidores.
Sendo assim os empresários podem contar com auxílio diversos na promoção de venda dando impulso a ela .Com tal orientação o risco de ser bem sucedido passa a ser eminente 
(...) as promoções orientadas para o consumidor algumas vezes são incrivelmente bem-sucedidas e geram aumentos imensos nas vendas em curto prazo. No entanto, atingir o sucesso requer um planejamento cuidadoso e grande coordenação com outros aspectos de um programa de marketing. Previsões inadequadas podem levar a desastres promocionais. (SHIMP, 2002, p. 440) 
Promoção de venda propõem-se a aumentar a compra de um determinado produto no varejo pelo consumidor. Por este motivo, deve ser bem planejada pelas empresas tomando os devidos cuidados antes da aplicação dos descontos ou benefícios para que isso não comprometa a empresa.
Um aspecto importante da promoção de vendas é a diversidade dos seus públicos-alvo, e aí reside mais um diferencial entre propaganda e promoção de vendas. Enquanto a primeira alcança o público horizontalmente, a promoção de vendas atinge o público verticalmente, ou seja, um comercial de televisão, por exemplo, atinge de forma igual o consumidor, o revendedor e o balconista. Já uma ação promocional é executada de modo diferente para cada segmento de público-alvo, considerando que os interesses e funções no processo mercadológico também são diferentes. (PANCRAZIO, 2000, p. 57).	
 Os objetivos de uma promoção de vendas podem variar de acordo com o tipo de negócio, a localização, o consumidor e a empresa que está promovendo, o principal é forçar e alavancar as vendas.
 De acordo com Borges (2001, p.18) “o mercado já percebeu que a grande batalha competitiva, hoje, está sendo travada nas prateleiras, nas pontas de gôndolas, nas ilhas, nos corredores e check-outs (caixas de pagamento) do varejo”. 
 Conforme Kotler e keller (2013), a promoção de vendas é composta por várias ferramentas, e para que não ocorram erros é necessário analisar o mercado no qual está inserido, as condições de competitividade , os objetivos e vantagens da promoção de vendas e o custo a ser desembolsado em cada ferramenta.
Como iremos apresentar alguns conceitos básicos de promoção de vendas, devemos basear no que dizem alguns autores:
 “Promoção de vendas é o conjunto dos meios destinados a acelerar e desenvolver a venda de um produto, levando-o enfaticamente até o público”. Robert Leduc (1998, p. 160)
“A promoção de vendas consiste em incentivos de curto prazo que visam estimular a compra ou venda de um produto ou serviço”. Kotler e Armstrong (1999, p. 350)
Promoção de Vendas são todas as atividades, além da propaganda, publicidade e da venda pessoal, que motivam e encorajam o consumidor a comprar utilizando recursos como brindes, amostras, descontos, concursos, sorteios, displays, demonstrações etc. Utiliza também incentivos como prêmios, sorteios, propaganda cooperativa, feiras e exposições para motivar atacadistas, varejistas e a força de venda da empresa. (REBOUÇAS e BARBOSA, 1987, p. 197) 
Amostragem, demonstração, exibição ou apresentação, Sorteio, Vale brinde, cupom de desconto, promoções de continuidade, promoção de descontos, kit promocional, e promoções casadas são alguns dos exemplos.
Como citado, qualquer ação promocional que é voltada para o preço, têm a preferência do consumidor. Tem que proporcionar ao consumidor um benefício concreto uma vez que análise de preço desperta no consumidor o desejo de levar vantagem , e satisfazer a autoestima. 
 O objetivo de uma promoção é aumentar a venda, e com isto está ligado diretamente a: 
 • aumentando a rotatividade de um determinado produto;
 • induzir novos consumidores a compra ; 
• fidelizar novos e antigos clientes a uma nova marca ou novo produto; 
• aumentar o número de pessoas que trafegam no interior do estabelecimento;
 Wagner Campos Postado por PUBLICITÁRIOS DE ELITE
 
Para toda e qualquer tipo de promoção podemos destacar algumas técnicas que o SEBRAE* (O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) uma entidade privada sem fins lucrativos nos oferece. 
1- Ofereça preços ou condições especiais por ocasião do aniversário de sua loja. Promova a semana, a quinzena ou o mês. Faça isso somente uma vez por ano.
*Sebrae é um agente de capacitação e de promoção do desenvolvimento, criado para dar apoio aos pequenos negócios de todo o país. Desde 1972, trabalha para estimular o empreendedorismo e possibilitar a competitividade e a sustentabilidade dos empreendimentos de micro e pequeno porte.
.
2- Ofereça uma vantagem ou um desconto aos clientes que fizerem aniversário no mês ou na semana ou mesmo no dia em que estão aniversariando
3-