A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
148 pág.
SUPERVISÃO ESCOLAR

Pré-visualização | Página 1 de 36

Programa de Pós-Graduação EAD
UNIASSELVI-PÓS
SUPERVISÃO ESCOLAR
Autor: Antonio José Müller
371.2
M997t Müller, Antonio José.
 Supervisão escolar / Antonio José Müller. Indaial
 Uniasselvi, 2011. 148 p. il.
	 	 													Inclui	bibliografia.	
 ISBN 978-85-7830-437-9
 1. Supervisão escolar; 2. Administração escolar
 I. Centro Universitário Leonardo da Vinci.
CENTRO UNIVERSITÁRIO LEONARDO DA VINCI
Rodovia BR 470, Km 71, no 1.040, Bairro Benedito
Cx. P. 191 - 89.130-000 – INDAIAL/SC
Fone Fax: (47) 3281-9000/3281-9090
Reitor: Prof. Dr. Malcon Tafner
Diretor UNIASSELVI-PÓS: Prof. Carlos Fabiano Fistarol
Coordenador da Pós-Graduação EAD: Prof. Norberto Siegel
Equipe Multidisciplinar da 
Pós-Graduação EAD: Profa. Hiandra Bárbara Götzinger
 Profa. Izilene Conceição Amaro Ewald
 Profa. Jociane Stolf
Revisão de Conteúdo: Célia Regina Appio
Revisão Gramatical: Marli Helena Faust
Diagramação e Capa:
Centro Universitário Leonardo da Vinci
Copyright © Editora Grupo UNIASSELVI 2011
Ficha catalográfica elaborada na fonte pela Biblioteca Dante Alighieri
 UNIASSELVI – Indaial.
Antonio José Müller
Graduado em Educação Física pela 
Universidade Regional de Blumenau-SC (FURB), 
especialização em Treinamento Desportivo e 
Voleibol pela Universidade Nova Iguaçu do Rio de 
Janeiro e Doutor em Educação pela Universidade do 
Texas-El Paso (EUA). Atua como professor universitário 
desde 2001 com experiência acadêmica em Universidades 
públicas e particulares no Brasil, EUA e na Arábia Saudita, 
na graduação, especialização e mestrado nas áreas da 
Educação Física e Pedagogia. Tem um livro publicado 
sobre	Voleibol	e	diversos	artigos	científicos	publicados	
em revistas especializadas no exterior. Apresentou 
seus estudos em Conferências Internacionais nos 
EUA, México, Canadá, Arábia Saudita, Austrália 
e no Catar. Na Uniasselvi trabalha no Núcleo 
de Ensino a Distância, e é coordenador do 
curso de Educação Física (Indaial), além de 
professor na graduação e na pós-graduação.
Sumário
APRESENTAÇÃO ........................................................................... 7
CAPÍTULO 1
A	Supervisão	Escolar	no	Sistema	Educacional	Brasileiro:	
História,	Conceitos,	Características	e	Funções .................... 9
CAPÍTULO 2
O	Planejamento	Escolar	e	os	Desafios	da	 
Supervisão	para	uma	Escola	Atual	e	Ideal .............................. 35
CAPÍTULO 3
A	Gestão	Escolar	e	as	Possibilidades	 
para	uma	Escola	Democrática	 .................................................. 77
CAPÍTULO 4
Setores	de	Atuação	do	Supervisor	Educacional ................ 109
CAPÍTULO 5
Meios	e	Técnicas	de	Supervisão	Escolar ............................. 127
APRESENTAÇÃO
Prezado(a) Pós-Graduando(a), 
A disciplina que você está iniciando se propõe a discutir a importância, as 
funções e a realidade da supervisão escolar no Brasil. Veremos neste caderno 
de	estudos	as	definições	das	atividades	do	supervisor	escolar	de	acordo	com	a	
própria história educacional e como componente essencial para a melhoria da 
qualidade da educação no país.
A supervisão escolar é de fundamental importância para o bom andamento da 
escola,	pois	auxilia	as	práticas	docentes	e	discentes,	além	de	gerenciar	conflitos	e	
planejar as melhorias de que a escola necessita. Essa importância é impulsionada 
pelos processos de formação que por sua vez ampliam as possibilidades de 
atuação	 profissional	 e	 de	 crescimento	 pessoal.	 Não	 pode	 ficar	 limitada	 pela	
falta de boa vontade do supervisor em buscar aprimorar seus conhecimentos, 
pela	 dificuldade	 de	 uma	 gestão	 realmente	 democrática	 e	 principalmente	 pela	
dificuldade	de	transpor	o	discurso	teórico	para	a	função	prática	e	transformadora.
Este	material	tem	o	propósito	de	discutir	e	orientar	as	funções,	dificuldades	e	
amplificar	as	possibilidades	do	supervisor	para	uma	educação	possível	na	escola	
atual	 e	 para	uma	educação	eficiente	em	 termos	 sociais	 e	profissionais.	O	 foco	
deste material é a supervisão de ensino, o papel do supervisor escolar em suas 
atividades e obrigações em âmbito escolar.
Nesse sentido, o primeiro capítulo compreende o processo histórico da 
Supervisão	 Escolar	 no	 Brasil,	 permitindo	 uma	 reflexão	 sobre	 a	 sua	 situação	
anterior	e	sua	 influência	na	situação	atual.	Pretende	também	conhecer	e	debater	
os importantes conceitos, características e funções do Supervisor Escolar no Brasil 
atual,	além	de	cobrir	as	dificuldades	enfrentadas	pelos	profissionais	desta	função.
No	 capítulo	 2,	 abordamos	 os	 desafios	 e	 oferecemos	 sugestões	 para	 o	
planejamento	na	escola.	Esse	planejamento	tem	a	finalidade	de	definir	prioridades	
e buscar caminhos, sempre com a intenção de aperfeiçoar o ensino e fazer 
da educação algo realmente relevante na vida das pessoas, especialmente 
daqueles	professores	e	alunos	que	passam	por	dificuldades	na	 relação	ensino-
aprendizagem.
No terceiro capítulo, abordamos a Gestão Escolar e as possibilidades para 
uma escola democrática com a participação essencial da comunidade escolar 
preocupada e ativa no processo de desenvolvimento do ensino.
Na sequência, o capítulo 4 expõe os setores de atuação do supervisor na 
escola. O propósito é de compreender a teoria funcional e explorar a atuação 
profissional	nos	setores	da	escola	em	que	o	supervisor	deve	fazer	a	diferença,	na	
prática.
O último capítulo explora ainda mais os aspectos práticos da função, uma vez 
que determina as possibilidades e técnicas de atuação do supervisor educacional 
em relação às ações de trabalho na busca de uma educação de qualidade.
CAPÍTULO 1
A	Supervisão	Escolar	no	Sistema	 
Educacional	Brasileiro:	História,	 
Conceitos,	Características	e	Funções
A partir da perspectiva do saber fazer, neste capítulo você terá os seguintes 
objetivos de aprendizagem:
 9 Compreender o processo histórico da Supervisão Escolar no Brasil, permitindo 
uma	reflexão	sobre	a	sua	situação	anterior	e	sua	influência	na	situação	atual.
 9 Conhecer e debater os importantes conceitos, características e funções do 
Supervisor Escolar no Brasil atual.
10
Supervisão escolar
11
A Supervisão Escolar no Sistema Educacional Brasileiro: 
História, Conceitos, Características e FunçõesCapítulo 1
Contextualização
Você deve lembrar-se do Super-Homem, não lembra? O Superman tem 
várias qualidades e poderes. Um super-herói invulnerável, velocíssimo e de força 
infinita.	Uma	das	qualidades	do	Superman é a de possuir uma visão privilegiada, 
uma “super visão”. Através da “super visão” ele combina variações de visão 
telescópica, microscópica, de calor e de transparência para executar seus atos de 
heroísmo e ajudar as pessoas em perigo. 
Afinal,	 Supervisão	 significa	 uma	 “super	 visão”,	 uma	 visão	 elevada	 de	
algo,	 uma	 visão	 amplificada,	melhorada	 e	 privilegiada	 da	 situação.	A	 tarefa	 de	
supervisionar tem a ver com as características do Superman, não pelo aspecto de 
ser uma pessoa resistente e imbatível, mas sim uma pessoa que faz uso da visão 
para	suas	funções	profissionais	no	auxílio	às	pessoas	“em	perigo”,	sejam	elas	os	
professores, alunos e/ou a comunidade onde a escola está inserida.
Nesse sentido, a supervisão escolar é humana e, por esse fato, passível 
às fragilidades humanas. Evitar essas fragilidades é a intenção de uma boa 
supervisão que, por sua vez, demanda uma boa preparação e conhecimento 
elevado do funcionamento do sistema educacional, do relacionamento humano, 
da gestão democrática e da capacidade de pensar diferente para fazer a diferença. 
O bom supervisor deve ter a capacidade de “visão” para fazer tarefas exigidas na 
sua competência, para transformar e ousar nas mudanças que a escola exige, por 
vezes. Não é necessário ser o Superman para se ter uma visão privilegiada da 
situação,	mas	a	boa	preparação,	o	conhecimento	e	a	liderança	podem	amplificar	
essa qualidade, transformando o humano comum em um “Super-Visor”,

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.