A maior rede de estudos do Brasil

o que significa proferido despacho de mero expediente em um processo

Introdução ao Direito I

Colegio Fazer Crescer


2 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

Andre Smaira

Há mais de um mês

Para a resolução deste exercício, utilizaremos conhecimentos relacionados à Disciplina de Direito.


Ao efetuar análise do art. 203 do Código de Processo Civil, nota-se que o magistrado poderá realizar pronunciamento através das seguintes maneiras: sentenças, decisões interlocutórias e despachos.

Ainda que a legislação não traga expressamente a expressão "despacho de mero expediente", é possível que o mesmo exista, e tem caráter para anunciar que o processo está em andamento, no entanto não possui nenhum caráter decisório.


A grande diferença entre o simples "despacho" e o "despacho de mero experiente" é que, com relação ao primeiro é realizado pelo juiz, quando temos o andamento do processo; e o segundo, já pode ser realizado pelo servidor responsável que trabalha no cartório, com o intuito de que, também, possa prosseguir com o andamento do processo, sem que seja provocado por nenhuma das partes na relação que envolva o processo.

Para a resolução deste exercício, utilizaremos conhecimentos relacionados à Disciplina de Direito.


Ao efetuar análise do art. 203 do Código de Processo Civil, nota-se que o magistrado poderá realizar pronunciamento através das seguintes maneiras: sentenças, decisões interlocutórias e despachos.

Ainda que a legislação não traga expressamente a expressão "despacho de mero expediente", é possível que o mesmo exista, e tem caráter para anunciar que o processo está em andamento, no entanto não possui nenhum caráter decisório.


A grande diferença entre o simples "despacho" e o "despacho de mero experiente" é que, com relação ao primeiro é realizado pelo juiz, quando temos o andamento do processo; e o segundo, já pode ser realizado pelo servidor responsável que trabalha no cartório, com o intuito de que, também, possa prosseguir com o andamento do processo, sem que seja provocado por nenhuma das partes na relação que envolva o processo.

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Para a resolução deste exercício, utilizaremos conhecimentos relacionados à Disciplina de Direito.


Ao efetuar análise do art. 203 do Código de Processo Civil, nota-se que o magistrado poderá realizar pronunciamento através das seguintes maneiras: sentenças, decisões interlocutórias e despachos.

Ainda que a legislação não traga expressamente a expressão "despacho de mero expediente", é possível que o mesmo exista, e tem caráter para anunciar que o processo está em andamento, no entanto não possui nenhum caráter decisório.


A grande diferença entre o simples "despacho" e o "despacho de mero experiente" é que, com relação ao primeiro é realizado pelo juiz, quando temos o andamento do processo; e o segundo, já pode ser realizado pelo servidor responsável que trabalha no cartório, com o intuito de que, também, possa prosseguir com o andamento do processo, sem que seja provocado por nenhuma das partes na relação que envolva o processo.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas